Holanda 1 X 0 Japão – Seleção holandesa está Perto da Classificação

0
813 visitas

O jogo foi no estádio Moses Mabhida, em Durban, e valia liderança da chave. Os japoneses, se ganhassem a partida, estariam classificados com vitória de Camarões sobre a Dinamarca ou com empate entre as duas seleções. Os holandeses, com mais três pontos, torciam por igualdade ou vitória dos nórdicos no outro jogo do grupo.

A Holanda não teve Robben de início. Nesta sexta-feira, ele fez seu primeiro treinamento desde que sofreu lesão muscular.

O Japão repetiu a escalação da vitória sobre Camarões. Os Samurais estavam especialmente atentos aos atacantes da Holanda. A ideia era devolver a força ofensiva do adversário na mesma moeda para evitar pressão. O Treinador da seleção japonesa queria o time no ataque contra a Holanda.

Mas no entanto a Holanda venceu por 1 x 0 e chegou aos 6 pontos em 2 jogos. O Japão continua na briga e só depende dele para se classificar.

Como foi o Jogo

Sem brilhar, Holanda vence Japão no sufoco e fica a um passo da vaga
Com a vitória sobre o Japão, a segunda pelo grupo E, a Holanda está muito próxima da vaga nas oitavas de final da Copa do Mundo. Ainda sem mostrar grande superioridade, os comandados de Van Marwijk são eficientes e atingem a marca de 21 jogos sem derrotas
48′ Fim de jogo em Durban
47′ Holanda segura a bola e espera o apito final para se aproximar da vaga nas oitavas de final
Vitor Birner
Foi a única grande chance do Japão na partida. Jogada “inglesa”. Por causa do tudo ou nada, o zagueiro Tulio Tanaka estava na frente da grande área no ataque. Ele desviou de cabeça e a bola sobrou para Okazaki na cara do gol chutar por cima. O empate mostraria melhor o desempenho dos times no jogo.
46′ Em disputa de bola com o holandês De Jong, japonês Okazaki cai na área, mas árbitro argentino manda o jogo seguir, enquanto japoneses pedem pênalti
Alemanha mantém confiança após derrota e lamenta oportunidades perdidas
45′ Árbitro argentino dá três minutos de acréscimo
44′ UUUHHH!!! Lançamento longo, nipo-brasileiro Marcus Tulio Tanaka desvia e a bola sobra para Okazaki. O camisa 0 japonês bate de primeira, mas a bola passa por cima de Stekelenburg
43′ Após duas boas chances da Holanda, o Japão tenta ir com tudo para cima nos instantes finais
42′ UUUHHH!!! Após grande bola enfiada para Afellay, ataque holandês desperdiça grande chance. O jogador perde oportunidade cara a cara com Kawashima
Lucas Reis
Com pouco futebol, a Holanda praticamente se garante nas oitavas de final com este 1 a 0 magro. Fica a expectativa para o retorno de Robben, já que os holandeses estão bem abaixo do que podem render nesta Copa.
Vitor Birner
Jogo segue parecido. A diferença é que o Japão marca mais na frente e a Holanda tem bastante espaço para o contragolpe na esquerda.
41′ Holanda faz a última substituição. Van Persie dá lugar a Huntelaar
40′ Japão pressiona. Holandeses tentam administrar o jogo, mas os nipônicos chegam ao ataque principalmente com bolas alçadas na área
39′ Holandês Mathijsen comete falta em Nakamura. Mais um cruzamento na área holandesa
38′ UUUUHHH!!! Elia enfia boa bola para Van Persie. O camisa 9 avança sozinho, fica cara a cara com o goleiro japonês e chuta em cima de Kawashima
37′ Holandês Van Persie tenta passar sozinho por quatro defensores japoneses e fica sem a bola
Vitor Birner
O Japão é bem trabalhado na parte tática. Se defende bem, jogadores estão sempre próximos o que facilita a troca de passes, quem tem a bola sempre encontra uma opção pois o companheiro passa pelo lado levando o marcador, no entanto falta aquele jogador especial para criar algo diferente contra defesas bem fechadas. O Japão joga no seu limite. Terá dificuldades para se classificar, contudo é a melhor seleção japonesa nas últimas 4 Copas do Mundo (O Japão esteve presente em todas desde 1998).
36′ Técnico Van Marwijk faz segunda alteração na Holanda. Sai Sneijder e entra Afellay
35′ Holanda se fecha e toca a bola para segurar o jogo. O Japão arrisca mais em cruzamentos
34′ Após arriscar apenas um chute na estreia, o Japão arrisca mais contra a Holanda. São nove tentativas contra sete dos adversários
Grafite mantém tradição de apelidos em ‘seleção dos sobrenomes’
33′ Holandês Van der Wiel tenta cruzamento, mas nipo-brasileiro Marcus Tulio Tanaka tira mais uma
32′ Após chute mascado de holandês Elia, a bola quase sobra para Van Persie, mas goleiro Kawashima pega
31′ Técnico Okada faz a terceira substituição no Japão. Entra Tamada no lugar de Okubo
30′ Japão muda de novo. Okazaki entra no lugar de Hasebe
Lucas Reis
Confirmando a vitória, a Holanda passa a ser a única seleção europeia com 100% de aproveitamento até aqui.
Vitor Birner
No jogo das 15h30, o empate e a vitória dinamarquesa contra Camarões garantem a classificação holandesa às oitavas-de-final.
29′ Holanda mantém a estratégia do primeiro tempo e fica com a posse de bola. A equipe toca de lado e curto para encontrar os buracos na defesa japonesa
28′ Apesar de sair aparentemente sem dores, Van der Vaart senta no banco de reservas e coloca gelo no joelho
Time do passe e do drible, Espanha luta contra má pontaria para reagir
Vitor Birner
Agora a Holanda tem velocidade para contragolpear. Elia joga aberto pela esquerda.
27′ Substituição na Holanda. Técnico Va Marwijk repete alteração da estreia, tira Van der Vaart e coloca Elia
26′ É a vez da Holanda ficar acuada. Japão consegue trocar passes no campo de ataque, mas não cria jogada de perigo
Vitor Birner
Japão trabalha bem a bola no ataque, mas falta o último passe. Por isso, tenta os cruzamentos pelos lados, vários deles por baixo.
25′ Japonês Endo tenta cruzamento dentro da pequena área, mas atacante holandês Van Persie volta para ajudar e tira para escanteio. Na cobrança, zaga laranja dá chutão e afasta
23′ Japonês Komano tenta cruzamento rasteiro pela esquerda e holandês Van der Wiel afasta antes da chegada do atacante Honda
Vitor Birner
Teoricamente a qualidade dos jogadores de meio e ataque holandeses proporcionaria trocas de passes rápidas e envolventes pelo chão. Na prática, o time vive de lançamentos e chutes de fora da área.
21′ Um dos astros do time holandês, Arjen Robben segue fora do time. O atacante se recupera de lesão muscular e, após primeiro treino em tempo integral, acompanha partida do banco de reservas
Lucas Reis
“As torcidas se animaram no segundo tempo, os dois times melhoraram, jogo cresceu. E tem um jornalista japonês à minha esquerda indo à loucura”, relata Rodrigo Bueno, das cabines do Moses Mabhida.
20′ Após pequena pressão do Japão, a Holanda consegue equilibrar o jogo novamente e administra o resultado
Buffon anuncia cirurgia para tratar de hérnia após a Copa do Mundo
Vitor Birner
Como na estréia, Takeshi Okada tirou Matsui. Só pode ser por desgaste.
19′ Japonês Okubo segue arriscando de longe. O camisa 16 chuta novamente e a bola passa com perigo
18′ Japão faz a primeira alteração da partida. Sai Matsui para a entrada de Nakamura
17′ A Holanda já cruzou 14 bolas na área contra 8 do Japão
Japão vence Holanda em futebol de peixes em Tóquio
Vitor Birner
Depois de sofrer o gol o Japão passou a trocar passes no ataque. Entretanto não consegue criar a jogada de gol. Além disso, dá algum espaço, não muito, para o contragolpe holandês. Elia é o mais indicado, pois tem a velocidade necessária. Precisa entrar no jogo.
16′ A Holanda, que dominava completamente a posse de bola, encontra dificuldades em sair tocando, mas insiste
15′ Em falta batida da esquerda, japonês Abe desvia de cabeça, mas goleiro Stekelenburg fica com a bola
14′ Japão ensaia pressão. Após seguidas cobranças de escanteio, time nipônico arrisca cruzamentos na área
Lucas Reis
“Mais um gol da Jabulani”, diz o feliz da vida Rodrigo Bueno.
13′ Japão tenta cobrança curta de escanteio, mas defesa holandesa afasta pela linha de fundo novamente.
Vitor Birner
Agora o Japão precisa sair para o jogo. Matsui deve jogar mais à frente para formar dupla de ataque com Honda. Endo será o meia esquerda e Hasebe meia direita. Okubo pela esquerda fará o meio e o ataque. Os laterais, um de cada vez, devem apoiar.
12′ Após o gol sofrido, o Japão tenta equilibrar a partida e comanda as ações de ataque nos últimos minutos
11′ Holandês Van der Wiel recua mal a bola, que fica com Endo. O japonês toca para Okubo, que arrisca novo chute de fora da área. A bola passa por cima do gol holandês
10′ Japonês Okubo faz jogada individual e bate da entrada da área. O goleiro holandês Stekelenburg faz a defesa em dois tempos e fica com a bola
Lucas Reis
A Holanda parece repetir o roteiro de sua estreia: depois de um primeiro tempo fraco, abre o placar logo no começo da segunda etapa contando com uma falha do adversário. Agora o Japão vai ter que ir pra cima, né.
9′ A Holanda segue com domínio de posse de bola com 67% contra 33% do Japão
Vitor Birner
O chute foi muito forte, mas o goleiro falhou. Não sei se teve a ver com a Jabulani.
8′ GOOOLLL DA HOLANDA!!! Van Persie faz o pivô e ajeita para trás. Sneijder bate forte e o goleiro Kawashima ainda desvia, mas a bola entra no gol
7′ Em nova tentativa de escanteio, holandês Sneijder coloca a bola na pequena área e o nipo-brasileiro Tanaka parece bem novamente
Camarões e Dinamarca se enfrentam às 15h30 (horário de Brasília) por chance de redeção
Lucas Reis
Que pancada!
6′ Holandês Van der Vaart cobra a falta e nipo-brasileiro Tanaka desvia para escanteio antes da chegada de dois holandeses na segunda trave. Na sequência, Tanaka afasta de novo
Vitor Birner
Holanda força a jogada ofensiva pela esquerda. Quando Van der Vaart pega a bola algum jogador faz a passagem por fora para recebê-la e leva o marcador. Sobra mais espaços para lançamentos e chutes.
5′ Nipo-brasileiro Marcus Tulio Tanaka para jogada de ataque da Holanda e faz falta em Van Persie
4′ Holandês Van Bommel dá passe da intermediária para Van Persie. O atacante entra no meio da defesa japonesa, mas pega mal na bola e perde boa chance de gol
Lucas Reis
Assim como no primeiro tempo, os primeiros minutos da Holanda têm mais volume de jogo, velocidade e um ímpeto maior. Vamos ver se a o time não cai novamente.
3′ Holandês Van Bronckhorst faz bela jogada individual pela esquerda, com direito a “drible da vaca”, e cruza para Van Persie. No entanto, a cabeçada do camisa 9 sai fraca e goleiro Kawashima fica com a bola
2′ O Japão tenta novamente o lançamento longo, mas a bola vai forte e sai pela linha de fundo.
Vitor Birner
Escalações iguais, posicionamentos idênticos, espero ver mais futebol no segundo tempo. Acho que se o gol não sair, Elia vai entrar. O Japão não vai reclamar se conseguir o empate contra a Holanda.
1′ Van der Vaart tenta jogada individual, mas perde a bola quando tenta infiltração na área
1′ Começa o segundo tempo em Durban. Saída de bola do Japão
Pelo lado holandês De Jong e Van Persie estão pendurados. Abe é o único japonês que recebeu amarelo na estreia. Em caso de cartão no jogo de agora, os três jogadores perdem a última rodada da primeira fase
Confira a repercussão internacional do 8º dia de Copa do Mundo
Federação Francesa estuda exclusão de Anelka da Copa após insultos ao técnico Domenech
Com 69% de posse de bola, a Holanda encontrou facilidade somente nos toques curtos e de lado e não conseguiu ser objetiva na frente. O sistema defensivo japonês, que se destacou contra Camarões, segue como ponto forte da equipe nipônica
Fifa mantém amarelo de Cristiano Ronaldo, e Portugal teme perdê-lo contra o Brasil
Na véspera da partida, a Holanda classificou o Japão como muito agressivo. E os nipônicos apontaram os adversários como poderosos e com futebol empolgante. As expectativas, no entanto, não se confirmaram. Sem grandes chances de gol, as duas equipes mantêm o zero no marcador.
46′ Com apenas um minuto de acréscimo, árbitro argentino termina o primeiro tempo
45′ Holandês Van der Vaart arrisca chute a meia altura, mas goleiro Kawashima encaixa bem o primeiro chute em direção ao gol dos “laranjas”
44′ Recuperado de lesão muscular, Arjen Robben acompanha a partida do banco de reservas e parece não gostar do que vê
Lucas Reis
“Segundo chute a gol da holanda a gol, muito pobre o jogo, como a Copa…”, diz Bueno. A segunda rodada deste Mundial havia começado melhor, mas o jogo da Inglaterra de ontem e este primeiro tempo da Holanda desanimam de novo.
43′ Apagado como na estreia, Van der Vaart pouco consegue ajudar no ataque holandês. Na vitória sobre a Dinamarca, ele deu lugar a Elia, que entrou bem e participou da jogada do segundo gol
Elvis, holandesas e corintianos marcam jeitos de torcer na Copa
42′ Japonês Komano é o jogador que atingiu a maior velocidade em campo até o momento, com 23,67 km/h
Vitor Birner
Japão cresce no jogo. Também não criou nada mas passou a tocar a bola no ataque. O centroavante Honda cai pelos lados na tentativa de abrir o corredor para quem vem do meio.
41′ Após se fechar em seu campo, Japão tenta adiantar a marcação para pressionar a defesa holandesa, único setor que os comandados de Van Marwijk conseguem tocar a bola com facilidade
40′ Em cobrança de falta de muito longe, atacante japonês Honda tenta a batida direta. Jabulani sobe demais e passa muito acima da meta de Stekelenburg
Lucas Reis
“Não vi aquelas holandesas de minissaias, mas como está quente, muitas estão de shortinho”, descreve o empolgado (e privilegiado) Rodrigo Bueno.
39′ Favorita do grupo E, Holanda ainda não consegue demonstrar futebol ameaçador e objetivo. Time sofreu na estreia e até contou com o primeiro gol contra da Copa para vencer
38′ Holandês Mathijsen é o jogador mais acionado da partida, com 29 bolas recebidas
37′ Japonês Matsui arrisca de longe e consegue o segundo chute na direção do gol do holandês Stekelenburg
Vitor Birner
Matsui é meu jogador preferido do Japão. Lúcido, capaz de pensar o jogo e conduzir bem a bola, é a melhor opção de seu time.
36′ Japão cresce no jogo. A seleção consegue neutralizar o ataque holandês e tenta se aventurar mais no ataque, após início excessivamente defensivo
35′ Em cobrança longa, o nipo-brasileiro Marcus Tulio Tanaka ainda consegue aproveitar na segunda trave, cabeceia, mas a bola passa à direita de Stekelenburg
34′ Em contra-ataque japonês, holandês Van der Wiel comete falta em Matsui e leva o primeiro amarelo do jogo
Vitor Birner
Jogo não é bom. O bom sistema defensivo japonês breca o ataque holandes. A defesa da Holanda para o mediano ataque nipônico. Os goleiros trabalham pouco. A Holanda tem 71% de posse de bola, mas não cria nada.
33′ Japão comete sexta falta na partida no holandês Van Bommel, mas próxima ao meio-campo. Holandeses fazem conferência para a cobrança, mas zaga japonesa afasta perigo
Kaká, sexto mais rápido da 1ª rodada da Copa, é o “Usain Bolt” da seleção brasileira
32′ Em cobrança de falta, Japão coloca a bola na área. Herói da vitória na estreia, Honda cabeceia, mas a bola sobe demais e não leva perigo
31′ Holandês Mathijsen comete falta em tentativa de ataque japonês no meio-campo
Lucas Reis
Honda, o atacante solitário do japão, conhece bem a Holanda: já defendeu o VVV-Venlo. A Holanda, por sinal, pode ser a primeira seleção matematicamente classificada para as oitavas. Para isso, precisa vencer o Japão e torcer para que Camarões e Dinamarca, que jogam daqui a pouco, apenas empatem.
30′ Japonês Komano comete falta dura no capitão holandês Van Bronckhorst, mas árbitro argentino não dá amarelo
29′ Paciente, a Holanda consegue passar do meio de campo trocando passes. No entanto, falha na aproximação da área e não consegue levar perigo
Você é perna-de-pau, habilidoso, craque ou esforçado? Faça o quiz e descubra que tipo de jogador você é.
28′ Japonês Abe é o jogador que percorreu a maior distância até aqui, com 3.344 m
27′ Japonês Okubo faz boa jogada individual pela esquerda, mas é desarmado no momento em que se aproximava da área holandesa
26′ Após tentar vazar a defesa japonesa com cruzamentos, Holanda tenta troca de passes pelo meio. Os nipônicos, no entanto, estão bem fechados próximo à área
Vitor Birner
De novo a Holanda sofre com a falta de velocidade e jogada de linha de fundo pelos lados. A imprensa do país questiona se Van der Vaart e Sneijder se completam ou se um deles some quando atuam juntos. Por enquanto, vale a segunda opção.
25′ Japão tenta acionar Komano na ala direita, mas defesa holandesa afasta para a lateral. Na cobranças, os nipônicos perdem o controle de bola
24′ Holandês Van Persie protege a bola, mas usa o braço para afastar defensor japonês e árbitro marca falta
23′ Com o sistema mais defensivo, com apenas um atacante adiantado, o Japão tenta chegar com os lançamentos longos, sem sucesso
22′ Com domínio em campo, Holanda está com 88% de aproveitamento em passes, enquanto o Japão ostenta 56% no fundamento
Anelka xinga Domenech com palavrões no intervalo, diz jornal francês
Lucas Reis
Se não perder hoje, a Holanda chegará a 21 jogos de invencibilidade. Na única vez que Holanda e Japão se encontraram, em um amistoso, os europeus venceram por 3 a 0. Quem informa é o repórter Rodrigo Bueno, torcedor confesso da Holanda desde 1988, presente no estádio.
21′ Holanda tenta chegar ao ataque com a bola no chão, mas encontra dificuldade pelo forte esquema de marcação armado pelo Japão
20′ Após boa jogada individual, japonês Matsui erra passe no meio-campo e quase proporciona contra-ataque à Holanda
Lucas Reis
O Robben melhorou sim, mas por precaução só deve voltar a jogar nos mata-mata.
19′ Holandês Van Persie, que escapou de uma expulsão na estreia graças às vuvuzelas, comete falta no nipo-brasileiro Tanaka e reclama
Vitor Birner
Só a Holanda joga com a bola. Japão espera na defesa, arma uma linha de 4 e outra de 5 bem próximas e deixa Honda adiantado.
18′ Holanda tenta mais um cruzamento na área japonesa. Kuyt aparece pela direita e tenta o lançamento, mas zaga japonesa afasta de novo
17′ Até o momento, nenhuma das duas seleções conseguiu acertar um chute em direção ao gol
Inglesas, coreanas, sul-africanas, brasileiras, argentinas… Confira o charme das musas das arquibancadas
16′ Em jogada pelo meio, japonês Matsui tenta enfiada de bola para Honda, mas a bola vai muito forte e sai pela linha de fundo
15′ O Japão, que tentou apenas uma finalização na vitória na estreia, segue cauteloso e pouco ataca a Holanda
Vitor Birner
Pelo jeito, Japão terá dificuldades para trabalhar com a bola no ataque. Para a seleção nipônica é fundamental contragolpear. Isso acaba com a tranquilidade do adversário e o obriga a prender mais jogadores atrás para diminuir o risco de sofrer gol no contragolpe.
14′ Após início tenso, poucas faltas foram cometidas no jogo até agora. Quatro do Japão e três da Holanda
13′ Em cobrança de falta, bola é alçada na área. O nipo-brasileiro Marcus Tulio Tanaka afasta, mas árbitro marca falta de Sneijder no japonês
Lucas Reis
“A maioria esmagadora da torcida é da Holanda. Aliás, que bela torcida… Os refletores do estádio estão acesos, mesmo num belo dia de sol”, informa o repórter da Folha Rodrigo Bueno, presente no estádio Moses Mabhida.
12′ Holanda tenta sair tocando com a bola no chão, mas japonês Nagamoto comete falta em Van Persie
Fifa aumentará segurança após protesto inglês por invasão de vestiário
11′ Finalmente o Japão consegue boa troca de passes no ataque. Nagamoto bate rasteiro de fora da área e bola passa à esquerda do goleiro holandês Stekelenburg
Vitor Birner
Com esta escalação, eu preferia ver a Holanda no 4-4-2 ou 4-2-2-2 se você preferir. Eu tiraria Kuyt da linha de 3 e o colocaria mais avançado como segundo atacante ao lado de Van Persie. Sneijder e Van der Vaart podem criar no meio e o lateral Van der Wiel apoiar naquele lado. Basta prender os volantes De Jong e Van Bommel na cobertura.
10′ Holanda ensaia pressão. Após cruzamento pela direita, os “laranjas” tentam de novo pela esquerda. Em bola espirrada, Kuyt tenta bicicleta, mas é travado
9′ Holandês Sneijder tenta cobrança de falta direto, mas a Jabulani sobe demais e não leva perigo ao goleiro Kawashima
8′ Japonês Komano fica caído e tem que ser atendido porque está sangrando
Tanaka, Honda, Nakazawa. Sabe pronunciar corretamente os nomes dos japoneses? O UOL Esporte ensina você!
Vitor Birner
Partida começa equilibrada. Holanda troca bolas no ataque e usa a esquerda para chegar próximo à área. Van der Vaart participa mais do que na estréia.
7′ Após troca de bola da Holanda, japonês Matsui comete falta em Van Persie. Na queda, holandês acerta Komano, que fica caído
6′ Autor do gol da vitória na estreia, japonês Honda comete falta em Van Bommel
5′ Com Japão fechado, a Holanda tem amplo domínio de posse de bola (72%) e toca a bola para encontrar os espaços
Lucas Reis
Nos primeiros minutos já se nota muito mais vontade, velocidade e disposição dos holandeses, que venceram a Dinamarca na estreia, mas não empolgaram. Os japoneses, como era de se esperar, se fecham na defesa.
4′ Van der Vaart tenta cruzamento pela esquerda, mas defesa japonesa afasta para escanteio. Na cobrança, zaga nipônica tira de cabeça
Vitor Birner
Japão joga apenas com Honda no ataque. Matsui encosta nele pela direita. Na estréia, Endo pela esquerda e Hasebe com liberdade que poderia criar também só melhoraram após seu time ficar em vantagem. A Holanda é mais time e se jogar o que pode vencerá.
3′ Com apenas três minutos de jogo, o árbitro argentino Hector Baldassi já pede calma às duas seleções
Vitor Birner
Bom dia! A Holanda na estréia só melhorou após a entrada de Elia no segundo tempo. Ele deu velocidade à linha de 3 do meio campo que atua próxima ao centroavante Van Persie. A seleção laranja começa hoje com a mesma formação que não funcionou bem. Quatro na zaga, 2 volantes, 3 meias (Kuyt na direita, Sneijder no meio e Van de Vaart da esquerda) além do atacante.O problema tem sido o acerto de Van der Vaart e Sneijder. Van der Vaart some às vezes e toda a criação fica para o meia da Inter.
2′ Com o Japão todo recuado, seleção holandesa tenta toque de bola no ataque, mas erra no meio-campo e para ataque japonês com falta
Lucas Reis
Bom dia! Mais uma vez, muita expectativa e curiosidade em cima da seleção holandesa, mais uma vez sem Robben, sua principal estrela. Não acredito em mais uma zebra contra europeus. Meu palpite no bolão: 3 a 1 para a Holanda.
1′ Começa a partida em Durban. Saída de bola da Holanda

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar!
Digite seu nome!