Dicas WebDesigner – Sendo Seguro diante do seu Cliente


A Insegurança do Profissional

Em todos os ramos de serviços há concorrência, há diversidade de profissionais, ou seja, o cliente sempre poderá optar por qual deseja ao invés de contratar o primeiro que conhecer. Isso é o mesmo que ocorre no ramo de Criação de Sites. Há diversos profissionais que basicamente prestam os mesmos serviços, usam as mesmas ferramentas. Mas o que diferenciará um do outro não é o seu trabalho diretamente, mas o seu profissionalismo.  Isso mesmo! Ao citar isso, estou pensando como o cliente e não como o profissional.

O cliente que está querendo um site, geralmente entende pouquíssimo ou não entende nada sobre o processo de criação de um site.  O que ele sabe fazer é utilizar o serviço. Logo em sua busca, ele não terá em mente se o webdesigner souber Html, CSS, PHP, se é tem cursos na Impacta, se tem certificações Microsoft ou se aprendeu tudo na raça. A preocupação do cliente é só uma: “Esse cara sabe fazer site?”.

Então raciocinamos que na prática, o que seduzirá o cliente é a capacidade do webdesigner, de “vender seu peixe”. Ouvir o que o cliente tem a dizer, analisar, porém sempre mostrar ao cliente que o profissional é você. Um fato lógico: “Se o cliente o procurou é porque não sabe executar o serviço que você executa.” Partindo dessa conclusão, conduza o cliente ao que ele precisa e não o inverso. É comum nos depararmos com clientes ansiosos que desejam resolver tudo em 5 minutos, sem proposta, sem nenhuma formalização. Dar preço, acertar tudo verbalmente deixará claro a falta de profissionalismo do WebDesigner. Lembre-se: A Proposta formal é Importante.

Outro tipo comum de cliente é aquele que pensa saber tudo sobre criação de site. Ele contrata o WebDesigner, mas quem dita as regras é ele. O cliente pede para copiar o site do concorrente, pede para usar fonte verde-limão com fundo branco, solicita o uso de imagens de péssima qualidade, enfim, tudo o que o site fique ruim e não traga nenhum retorno. E o pior acontece quando o Webdesigner acata todas as solicitações do cliente sem reclamar. Não explica a ele que tais fatores poderão até mesmo manchar a imagem da sua empresa ao invés de trazer retorno.

Quem pensar que atender todas as vontades do cliente é sinônimo de bons negócios está enganado a si próprio. Pois o cliente ainda que seja controlador, ele perceberá que o profissional é inseguro e logo passará a duvidar de sua capacidade de desenvolver um bom trabalho.

Artigos Relacionados:

  • Related posts on Informática
  • Cuidado: o perigo mora ao lado (falso nerd) « Not Enough Rage
  • Sistemas e Gestão
  • La historia de Kaspersky: El mejor Antivirus | Audiencia Electronica

What's Your Reaction?

Angry Angry
0
Angry
Fail Fail
0
Fail
Geeky Geeky
0
Geeky
Lol Lol
0
Lol
Love Love
0
Love
OMG OMG
0
OMG
Scary Scary
0
Scary
Win Win
0
Win
WTF WTF
0
WTF
Patrick Wilson
Patrick Wilson tem 33 anos, é Professor de Ciências Tecnológicas na PUC /SP. Fascinado por tecnologia, futebol e tudo o que acontece no dia-a-dia e que valha ser compartilhado na Web.

Comments 0

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Dicas WebDesigner – Sendo Seguro diante do seu Cliente

Choose A Format
Personality quiz
Series of questions that intends to reveal something about the personality
Trivia quiz
Series of questions with right and wrong answers that intends to check knowledge
Poll
Voting to make decisions or determine opinions
Story
Formatted Text with Embeds and Visuals
List
The Classic Internet Listicles
Countdown
The Classic Internet Countdowns
Open List
Submit your own item and vote up for the best submission
Ranked List
Upvote or downvote to decide the best list item
Meme
Upload your own images to make custom memes
Video
Youtube, Vimeo or Vine Embeds
Audio
Soundcloud or Mixcloud Embeds
Image
Photo or GIF
Gif
GIF format