Apostila Completa de Microsoft Word – aprenda Tudo sobre esse Editor de Texto


UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL INSTITUTO DE INFORMÁTICA DEPARTAMENTO DE INFORMÁTICA APLICADA INF01210 – INTRODUÇÃO À INFORMÁTICA MÓDULO III – PROCESSADOR DE TEXTO MICROSOFT WORD

Processador de textos Word
1 Apresentação
Processador de texto é uma ferramenta destinada a apoiar a escrita em todos seus
níveis. É a manipulação de um texto antes de sua impressão, isto é, modificar, corrigir,
eliminar porções de texto sem a necessidade de usar recursos do tipo “recortar e colar”.
A maioria dos pacotes disponíveis no mercado tem em comum as três funções
básicas descritas abaixo, além de características particulares que determinam seu
sucesso ou fracasso:
• digitação: é a criação do documento propriamente dita; em uma máquina de
escrever, as palavras são escritas em uma folha de papel. Nos processadores de
texto, as palavras são armazenadas na memória do computador.
• edição: é o recurso que diferencia um processador de textos de uma máquina de
escrever. Nos processadores de textos pode-se corrigir, inserir, modificar ou
mover pedaços de texto sem necessidade de redigitação.
• formatação: é a aparência do texto.
Os processadores de textos, em geral, se parecem com uma máquina de escrever,
embora possuam muito mais recursos. Uma das maiores facilidades de um processador
de textos é o recurso da quebra automática de linha que faz com que não seja necessário
pressionar as teclas Enter ou Return ao final de uma linha para passar para a próxima. O
programa controla o preenchimento das linhas e sempre que uma palavra não couber
inteira nesta linha será movida para a próxima.
A utilização de um processador de textos pode ser dividida em fases: a primeira, a
da digitação de um texto ou documento, sem a preocupação com aparências ou normas.
A segunda fase é a da edição e daí resulta outra grande vantagem dos processadores de
textos: a enorme facilidade de modificar o que já foi escrito. Adicionar, eliminar,
modificar, tudo isto pode ser feito sem a preocupação com o texto já anteriormente
digitado. Os processadores de texto adaptam-se às inclusões e modificações abrindo
espaço para os caracteres, palavras e/ou linhas que deverão ser incluídos. Da mesma
forma, sempre que se desejar excluir porções de texto, também serão eliminados os
espaços anteriormente ocupados.
Depois de pronta a digitação e a edição, tem-se a fase de formatação, onde será
controlada a aparência do texto: nesta fase, serão apresentados os recursos que atingem
os caracteres (formas, tamanhos, efeitos especiais), os parágrafos (alinhamentos,…) e a
aparência geral do documento. Ainda dentro desta fase de formatação incluem-se os
gráficos e imagens em geral, bem como a inserção de textos ou referências no
documento.
Depois de pronto o documento, geralmente este é armazenado para posterior
utilização. O armazenamento ocorre ou no disco rígido ou no disquete, conforme a
necessidade, permitindo sua recuperação e posterior utilização sempre que desejado.
A fase a seguir, a de impressão de um documento, pode ocorrer antes ou depois da
11
fase de armazenamento e, em geral, só é realizada se houver necessidade de
manipulação do documento de forma permanente. Tendo finalizado a digitação, a
formatação e a impressão do documento e tendo armazenado este mesmo documento
magneticamente, pode-se retirá-lo da tela do computador, deixando-a pronta para um
novo texto, por exemplo.
Por último, pode ocorrer a recuperação de um texto para novas modificações.
Quando se recupera um texto, este é aberto, isto é, será mostrada na tela uma cópia do
documento original, onde serão realizadas as modificações. Quando chegar a fase de
armazenamento tem-se duas opções: substituir o original pela cópia modificada ou
gravá-lo sob outro nome, obtendo, assim duas versões do mesmo documento: o original
e o modificado.
As etapas descritas completam um ciclo, sendo este iniciado com a criação de um
documento (fase 1) ou com a modificação deste documento (fase 7) passando por todas
as outras etapas.
O Word, que é o processador de textos utilizado, dispõe de uma gama muito
grande de recursos para criar, revisar e compartilhar recursos de modo bem fácil e
rápido.
O material a seguir compõe-se de três seções, correspondentes aos diferentes
tópicos a serem apresentados e, ainda, de uma última seção onde são oferecidas
atividades práticas para exercício dos conteúdos.

12
2 Introdução ao Word
2.1 A área de trabalho do Word
2.1.1 Ativar o Word
1º Apontar para o atalho do ícone do Word na Área de Trabalho (desktop).
Figura 2.1 – Atalho do ícone do Word
2º Dar um duplo clicar para ativá-lo ou
3º Clicar o botão Iniciar.
4º Clicar no menu Programas e, em seguida,
5º Clicar em Microsoft Word.
6º Surgirá no vídeo a tela de abertura do Word com informações sobre o
licenciamento e versão. Em seguida será apresentada a janela principal do Word: a
janela de edição. Ver figura a seguir.
Figura 2.2 – Janela de edição do Word
2.1.2 A janela principal do Word
Sempre que o Word é ativado, será aberto um novo documento em branco,
representado por uma janela: a janela principal ou de edição. Esta janela é composta por
uma série de recursos, a seguir descritos, bem como pela área destinada à digitação do
texto propriamente dito.
Também são apresentadas outras informações, dispostas em barras e que
correspondem a atalhos de comandos.
13
2.1.3 A barra de título
A primeira barra a ser mostrada é a barra de título onde inicialmente será
mostrado Documento1, informando que não foi atribuído nenhum nome a este
documento. Este nome deverá ser atribuído quando do armazenamento do documento
em disco. Nesta barra também está disponível a caixa de zoom , que permite
comprimir ou expandir a janela de edição no canto superior direito da barra). Nesta
mesma barra também está disponível a caixa de fechamento temporário de um
documento, que permite fechar a janela quando necessário . Por último, a caixa de
fechamento do programa .
2.1.4 A barra de menus
A barra de menus contém, no topo, o menu principal (representado pelos
comandos Arquivo, Editar, Exibir, Inserir, Formatar, Ferramentas, Tabela, Janela e Ajuda).
2.1.5 A barra de ferramentas padrão
A seguir está disposta a barra de ferramentas Padrão, onde podem ser alcançados
com maior rapidez os comandos mais freqüentemente utilizados e que permitem atalhos
a estes mesmos comandos do Word. Abaixo estão descritos os botões que aparecem
nesta barra de ferramentas:
Novo (Ctrl + O) Cria um Novo documento baseado nas definições
padrões atuais.
Abrir (Ctrl + A) Abre um documento existente. O Word exibe a
caixa de diálogo Abrir onde pode-se localizar e
abrir o arquivo desejado.
Salvar (Ctrl + B) Salva o documento ativo com seu nome atual. Se
o documento ainda não foi nomeado, será
apresentada a caixa de diálogo Salvar Como para
que se possa nomeá-lo.
Imprimir (Ctrl + P) Imprime o documento atual. Será apresentada a
caixa de diálogo para impressão de documentos.
Visualizar Impressão Exibe páginas inteiras em tamanho reduzido, o
que permite ajustar o layout antes da impressão.
Ortografia e Gramática (F7) Verifica a ortografia em um documento inteiro
ou, se houver texto selecionado, verifica a
ortografia da seleção.
Recortar (Ctrl + X) Exclui o texto selecionado ou gráficos do
documento para a área de transferência
(clipboard).
14
Copiar (Ctrl + C) Copia o texto selecionado ou gráficos do
documento para a área de transferência
(clipboard).
Colar (Ctrl + V) Insere o conteúdo da área de transferência
(clipboard) na posição do ponto de inserção ou
seleção.
Pincel (Ctrl + Shift + C) Copia a formatação do texto selecionado para a
posição especificada.
Desfazer Digitação (Ctrl + Z) Reverte a última ação executada. Alguns
comandos não podem ser cancelados.
Refazer (Alt + Shift + B) Refaz a última ação executada.
Inserir Hyperlink (Ctrl + K) Insere ou edita o hyperlink especificado.
Barra de ferramentas Web Exibe ou oculta a barra de ferramentas Web.
Tabelas e bordas Exibe a barra de ferramentas Tabelas e Bordas, que
contém ferramentas para a criação, edição e
classificação de uma tabela e para a adição ou
alteração de bordas em textos, parágrafos, células
ou objetos selecionados
Inserir Tabela Insere uma tabela com o número de linhas e
colunas especificado
Inserir planilha do Microsoft Excel Insere uma planilha do Microsoft Excel.
Colunas Alterna o formato de colunas dentro das seções
selecionadas.
Desenho Exibe ou oculta a barra de ferramentas de
Desenho.
Estrutura do documento Ativa/desativa a estrutura do documento, um
painel vertical na extremidade esquerda da janela
do documento, dispondo em tópicos a estrutura
do documento. Utilizada para procurar
rápidamente um documento extenso ou on-line e
para controlar sua posição no mesmo.
Exibir/ocultar ¶ Exibe ou oculta todos os caracteres nãoimprimíveis.
Controle de zoom Escala a visualização da edição.
2.1.6 A barra de ferramentas de formatação
Em seguida está disposta mais outra barra, a de ferramentas de Formatação, onde
podem ser encontrados os comandos para selecionar alinhamentos e outros formatos
15
para os documentos.
Estilo (Ctrl + Shift + U) Utiliza um estilo existente ou cria um estilo
através de exemplos.
Fonte (Ctrl + Shift + F) Altera a fonte de letra do texto selecionado.
Tamanho da fonte (Ctrl + Shift + P) Altera o tamanho da fonte do texto selecionado.
Negrito (Ctrl + N) Formata a seleção com negrito (alterna).
Itálico (Ctrl + I) Formata a seleção com itálico (alterna).
Sublinhado (Ctrl + S) Formata a seleção com sublinhado contínuo
(alterna).
Alinhar à esquerda (F11) Alinha o parágrafo selecionado com recuo à
esquerda.
Centralizar (Ctrl + E) Centraliza o parágrafo dentro dos recuos.
Alinhar à direita (Ctrl + G) Alinha o parágrafo com o recuo à direita.
Justificar (Ctrl + J) Alinha o parágrafo com os recuos à esquerda e à
direita.
Numeração Cria uma lista numerada baseada nos padrões
atuais.
Marcadores Cria uma lista com marcador (bullet) baseada nos
padrões atuais.
Diminuir recuo Move os parágrafos selecionados à esquerda de
volta para o ponto de tabulação padrão anterior.
Aumentar Recuo Move os parágrafos selecionados à direita, para o
próximo ponto de tabulação padrão.
Cor da fonte (Vermelho) Formata o texto selecionado com a cor em que
você clicar.
Realçar (Amarelo) Marca o texto de forma que ele fique realçado e
destacado do texto ao seu redor. Para alterar a cor
de realce, clicar na seta ao lado do botão e depois
clicar na cor desejada.
Borda externa Adiciona ou remove uma borda ao redor do texto,
parágrafos, células, figuras ou outros objetos
selecionados.
2.1.7 A régua
Por último, e antes da área destinada à edição, vem a linha régua que permite a
rápida modificação do visual do texto.
16
Existem dois tipos de réguas: a horizontal e a vertical. A primeira, serve para a
definição de pontos de tabulação, recuos para parágrafos, seleção da largura de colunas,
etc. Já a régua vertical, só será ativada quando o modo layout de página ou de visualizar
impressão estiverem ativos, servindo para alterar margens e posicionar itens na página.
Figura 2.1 – Régua horizontal
Logo no início da régua estão disponíveis uma série de ícones com uma marcação
default, isto é, padrão.
Ver, agora, os ícones na régua e seu significado:
Escala de recuo: são os marcadores utilizados para a formatação de parágrafos.
recuo 1ª linha É o recuo de um parágrafo ou de sua primeira linha à esquerda.
Seu deslocamento pela régua marcará, em centímetros (ou
qualquer que seja a unidade de medida escolhida), a abertura
do parágrafo ou quanto será recuado à esquerda a primeira
linha de um parágrafo. É um atalho para o menu Formatar,
opção Parágrafo, Especial 1ª linha.
recuo esquerdo Indica o recuo à esquerda ou a margem esquerda do parágrafo.
É um atalho para o menu Formatar, opção Parágrafo, Recuo
Esquerdo.
recuo direito O último marcador triangular é o da margem direita e está
posicionado no canto direito da régua. Ele serve para marcar os
recuos à direita dos parágrafos. É um atalho para o menu
Formatar, opção Parágrafo, Recuo Direito.
2.1.8 A barra de status
Na parte inferior da tela está disposta a barra de status onde são exibidas
informações sobre o documento ativo ou a tarefa que está sendo executada no momento
(tais como número da página, estilo utilizado ou mesmo sobre comandos selecionados).
Nesta mesma barra também pode-se deslocar o texto à esquerda ou à direita através das
setas e da caixa de rolagem.
Ver, a seguir, maiores detalhes sobre a barra de status:
2.1.8.1 Modos de exibição:
Modo Normal
Modo de layout on-line
Modo layout da página
Modo de estrutura de tópicos
17
2.1.8.2 Localização do ponto de inserção no documento:
O número de página, baseado no esquema de numeração
lógica, da página que está sendo mostrada na janela.
O número da seção da página que está sendo mostrada na
janela.
Página x de n páginas de um documento. Isto é, a página atual e
o número total de páginas do documento. O exemplo significa
a página oito de um documento de cinqüenta e três páginas.
2.1.8.3 Localização do ponto de inserção na página:
A distância da parte superior da página ao seu ponto de
inserção. Nenhuma medida é exibida quando o ponto de
inserção não está na janela.
A linha de texto em que o ponto de inserção está localizado.
Nenhuma medida é exibida quando o ponto de inserção não
está na janela.
A distância, em número de caracteres, da margem esquerda ao
ponto de inserção. Nenhuma medida é exibida quando o ponto
de inserção não está na janela.
2.1.8.4 Modos de apresentação
O status do gravador de macros. Dar um duplo clique em GRA
para ativar ou desativar o gravador de macro. Quando o
gravador está desativado, GRA aparece esmaecido.
O status das alterações controladas. Dar um duplo clique em
ALT para ativar ou desativar as alterações controladas. Quando
as alterações não estão sendo controladas, ALT aparece
esmaecido.
O status do modo de seleção estendida. Dar um duplo clique
em EST para ativá-lo ou desativá-lo. Quando o modo de
seleção está desativado, EST aparece esmaecido.
O status do modo sobrescrever. Dar um duplo clique em SE
para ativá-lo ou desativá-lo. Quando o modo sobrescrever está
desativado, SE aparece esmaecido.
O status da verificação de ortografia e gramática. Quando o
Word está no processo de verificação de erros, é apresentada
uma caneta animada sobre um livro. Se nenhum erro for
encontrado, uma marca de verificação será apresentada. Se um
18
erro for encontrado, será apresentado um “X”. Para corrigir o
erro, dar um duplo clique neste ícone.
O status da gravação em segundo plano. Quando é apresentado
um ícone de disco pulsando, o Word está salvando o
documento, enquanto o usuário continua seu trabalho.
O status de impressão em segundo plano. Quando um ícone de
impressora é apresentado, o Word está imprimindo o
documento em segundo plano, enquanto o usuário continua o
trabalho. Um número ao lado do ícone de impressora mostra o
número da página atual que está sendo impressa. Para cancelar
o trabalho de impressão, dar um duplo clique no ícone de
impressora.
2.1.9 A barra de rolagem
Na lateral direita da tela está a barra de rolagem vertical, que indica a posição
atual no documento. O deslocamento entre o texto ou entre as páginas de texto é
possível, posicionando o mouse sobre a caixa de rolagem e arrastando-a acima e abaixo
da barra ou então pressionando as setas de rolagem.
2.1.10 A barra de seleção
Do lado esquerdo da área de digitação existe um espaço em branco, que
corresponde à barra de seleção (não delimitada) e que serve para selecionar o texto com
o mouse. Quando o mouse é posicionado nesta área torna-se uma seta.
2.1.11 A área de edição
Finalmente tem-se o espaço em branco, destinado à digitação e edição de textos e
gráficos. Nesta área aparece, na primeira linha, o ponto de inserção, que indica onde o
texto será inserido quando digitado. Junto ao ponto de inserção está a marca de fim que
indica o final do documento e que desloca-se à medida que o texto é digitado. Nesta
mesma área de edição está visível o ponteiro do mouse, que indica onde a próxima ação
será efetuada se o seu botão for pressionado. Sempre que o mouse for posicionado à
esquerda ou à direita, sobre as barras de seleção ou de rodagem, terá a forma de uma
seta.
Existe ainda, outro sinal, ¶, chamado de marca de parágrafo. Este sinal é opcional,
sendo apresentado na tela sempre que se pressionar a tecla Enter e pode ser ativado ou
desativado pressionando-se o botão correspondente na barra de ferramentas Padrão.
Este caracter, juntamente com outros tais como de tabulação e de espaços não são
imprimíveis, e só serão mostrados na tela se a marca de parágrafo estiver ativa.
19
2.2 Exibição de documentos
O Word oferece diferentes modos de visualização de um documento: modo
Normal, de Layout on-line, de Layout da página, de Visualização de impressão, de Estrutura de
tópicos, e de Documento mestre. Ver, a seguir, as características de cada um.
Modo Normal É o modo pré-definido do Word, ideal para
digitação, edição e formatação de texto. O modo
Normal mostra a formatação de texto, mas
simplifica o layout da página, de forma a
permitir a rápida digitação e edição de
documentos.
Modo Layout on-line Este modo otimiza o layout para facilitar a
leitura on-line. O texto é exibido maior e flui
para se ajustar à janela, em vez de aparecer de
maneira como será impresso. Por padrão, o
modo de Layout on-line inclui um painel de
navegação redimensionável – denominado
Estrutura do Documento – que mostra o modo de
tópicos da estrutura do documento. Clicando em
um tópico, é possível ir instantaneamente para
aquela parte do documento.
Modo Layout da página Neste modo é possível visualizar como os
objetos serão posicionados na página impressa.
Este modo é útil para a edição de cabeçalhos e
rodapés, para o ajuste de margens e para o
trabalho com colunas, objetos de desenho e
molduras.
Modo de visualização de impressão Este modo exibe várias páginas de um
documento em formato reduzido, permitindo
verificar o layout do documento e fazer
alterações na edição e formatação antes da
impressão.
Modo de Estrutura de tópicos É o modo recomendado para a visualização da
estrutura do documento. Nele é possível
visualizar, movimentar, copiar e reorganizar
texto, utilizando o método de arrastar títulos. No
modo de estrutura de tópicos, é possível
encolher um documento para visualizar somente
os títulos principais e, posteriormente, expandilo
novamente.
Modo documento mestre É o modo usado para dividir um documento
muito extenso em documentos menores
(subdocumentos) e, assim, facilitar sua edição.
20
2.3 Iniciar o trabalho
2.3.1 Criar um novo documento
A partir da janela de edição do Word, é possível abrir um novo – ou mesmo mais
de um – documento em branco. Para criar este novo documento:
1º Selecionar Novo, no menu Arquivo ou
2º Clicar o botão ou
3º Pressionar as teclas Ctrl + O simultaneamente.
2.3.2 Salvar um documento
1º Selecionar Salvar, no menu Arquivo ou
2º Clicar o botão ou
3º Pressionar as teclas Ctrl + B simultaneamente.
4º Quando o salvamento for efetuado pela primeira vez (o seu documento aparece
como Documento1 na barra de títulos), será apresentada a caixa de diálogo Salvar
Como, semelhante à apresentada a seguir:
Figura 2.1 – Caixa Salvar Como
Nesta caixa de diálogo, informa-se sob qual nome o documento deve ser salvo
bem como onde ele deve ser armazenado (estas informações devem ser digitadas nas
caixas de texto a seguir descritas). Na caixa Nome do Arquivo, deve ser informado um
nome para o documento, lembrando que podem ser usados nomes de arquivos longos e
descritivos. O caminho completo do arquivo inclui a letra da unidade de disco, o nome
do servidor, caminho da pasta e nome do arquivo, podendo alcançar até 255 caracteres.
Os seguintes caracteres especiais estão vedados para compor o nome de um documento:
barra diagonal (/), barra invertida (\), sinal de maior que (>), sinal de menor que (<),
asterisco (*), ponto de interrogação (?), aspas (“), barra vertical (|), dois pontos (:) ou
ponto-e-vírgula (;). Na caixa Salvar em é possível selecionar uma unidade de disco
diferente da atual, bem como uma pasta para o armazenamento. Pode-se, ainda, criar
uma nova pasta, bastando, para tanto, clicar no ícone correspondente na barra de
21
ferramentas da caixa de diálogo Salvar como (ver, na figura a seguir, o ícone para criar
nova pasta). Em seguida deve-se clicar no botão Salvar para proceder ao salvamento.
Figura 2.2 – Barra de ferramentas da caixa Salvar Como
2.3.3 Abrir um documento já existente
1º Selecionar Abrir no menu Arquivo ou
2º Clicar o botão ou
3º Pressionar as teclas Ctrl + A simultaneamente.
4º Será apresentada uma caixa de diálogo, onde é mostrada uma lista de arquivos
disponíveis dentro da pasta/disco atual.
Figura 2.1 – Caixa Abrir
5º Se o documento não está armazenado na pasta ou disco atual, deve-se especificar
uma unidade de disco ou outra pasta (caixa Pesquisar em) diferentes da atual. Será
apresentada uma lista de arquivos do Word na caixa de texto com uma lista de
opções Arquivos do tipo.
6º Dar um duplo clique no nome do arquivo a ser aberto ou selecionar e clicar no
botão Abrir; em seguida seu arquivo será carregado para a janela de edição do
Word.
2.3.4 Ativar um documento aberto
É possível trabalhar com vários documentos ao mesmo tempo; entretanto, apenas
um fica ativo por vez. Para alternar entre os documentos abertos:
1º Clicar o menu Janela, na barra de menus.
2º Na lista apresentada, selecionar o nome do documento desejado.
2.3.5 Imprimir um documento
1º Selecionar Imprimir no menu Arquivo ou
22
2º Clicar na barra de ferramentas ou
3º Pressionar as teclas Ctrl + P simultaneamente. Ver figura a seguir.
Figura 2.1 – Caixa Imprimir
Nesta caixa existem opções para especificar quantas cópias do mesmo documento
devem ser impressas (caixa Cópias, opção Número de cópias) – o padrão é 1. Da mesma
maneira, pode-se optar por imprimir todo o documento ou apenas uma parte dele; na
caixa Intervalo de páginas, pode-se escolher entre imprimir Todos (é o padrão), somente a
Página atual ou somente Páginas determinadas.
4º Para definir opções de impressão:
Tabela 2.1 – Opções de impressão
Para imprimir Seguir este procedimento
Somente a página que contém o
ponto de inserção
Em Intervalo de páginas, selecionar o
botão de opção Página atual.
A seleção atual
Em Intervalo de páginas, selecionar o
botão de opção Seleção.
Um intervalo contínuo de páginas
Na caixa Intervalo de páginas, em
Páginas, digitar um intervalo com
um hífen entre os números das
páginas. Por exemplo, para
imprimir as páginas 3 a 7, digitar 3-
7.
Páginas não contínuas
Na caixa Intervalo de páginas, clicar
o botão Páginas e digitar os
números das páginas, separados por
vírgulas. Por exemplo, para
imprimir as páginas 1 e 6, digitar
1,6.
Um intervalo de páginas dentro
de uma seção
Na caixa Intervalo de páginas, clicar
o botão Páginas, digitar pnúmero da
página, snúmero da seção. Por
exemplo, para as páginas 5 a 7 da
seção 3, digitar p5s3-p7s3
23
Para imprimir Seguir este procedimento
Uma seção inteira
Na caixa Intervalo de páginas, clicar
o botão Páginas, digitar snúmero da
seção Por exemplo, digitar s3
Seções não contínuas
Na caixa Intervalo de páginas, clicar
o botão Páginas, digitar os números
das seções, separados por vírgulas.
Por exemplo, digitar s3,s5
Um intervalo de páginas
abrangendo várias seções
Na caixa Intervalo de páginas, clicar
o botão Páginas, digitar um
intervalo de números de páginas e
as seções que os contêm, inserindo
um hífen entre os números das
páginas. Por exemplo, digitar p2s2-
p3s5
Somente as páginas ímpares ou
pares
Na caixa Imprimir, selecionar
Páginas ímpares ou Páginas pares.
Um documento inteiro
Na caixa Imprimir, selecionar
Documento; e, em Intervalo de
páginas, selecionar o botão de
opção Tudo.
Múltiplas cópias de um
documento
Na caixa Cópias, digitar ou
selecionar um número em Número
de cópias. Para classificar as
páginas pelo número da página,
selecionar a caixa de verificação
Cópias agrupadas.
5º Clicar o botão OK e aguarde a impressão do seu documento.
2.3.6 Fechar um documento
Pode-se encerrar o trabalho em um documento e iniciar um novo ou mesmo abrir
um já existente. Para isto:
1º No menu Arquivo, selecionar Fechar ou
2º Clicar o botão de fechamento de janela (no canto superior esquerdo da janela – ao
lado do menu Arquivo).
Caso o(s) arquivo(s), ainda não tenha(m) sido salvo(s), será apresentada uma
mensagem avisando que não foi efetuado uma última atualização.
Se for necessário guardar as últimas alterações, confirmar o salvamento
pressionando Sim; caso contrário responder Não na caixa de diálogo. Se for necessário
voltar para o documento, pressionar Cancelar.
24
2.3.7 Encerrar o Word
1º No menu Arquivo selecionar Sair.
Caso o(s) arquivo(s), ainda não tenha(m) sido salvo(s), será apresentada uma
mensagem avisando que não foi efetuado uma última atualização.
Se for necessário guardar as últimas alterações, confirmar o salvamento
pressionando Sim; caso contrário responder Não na caixa de diálogo. Se for necessário
voltar para o documento, pressionar Cancelar.
2.4 Digitar texto
A digitação de texto no Word é muito semelhante à datilografia em uma máquina
de escrever. Entretanto, além das teclas normais, existem outras adicionais que,
dependendo de sua combinação, produzem resultados diferentes. As teclas existentes
em um teclado de PC são: as de modificação, de direcionamento e de uso geral.
2.4.1 Teclas de modificação
São as teclas do tipo Shift, Alt e Control (Ctrl). Sozinhas elas não produzem
nenhum resultado; é preciso combiná-las com outras teclas.
Tabela 2.1 – Teclas de modificação
Combinação Resultado
Shift + letra Maiúsculas
‘(acento agudo) + c ç
‘( acento agudo) + C Ç
Ctrl + A Abre arquivo já existente
Ctrl + B Salva arquivo atual
Ctrl + O Abre novo arquivo
Alt + 166 Insere o caracter ª
Alt + 167 Insere o caracter º
2.4.2 Teclas de direcionamento
Os teclados dos PC tem quatro setas: para cima (é), para baixo (ê), para
esquerda (ç) e para direita (è). Estas setas servem para o deslocamento entre
caracteres (esquerda e direita) ou entre linhas de texto (cima e baixo). Estes mesmos
movimentos podem ser substituídos pelo mouse.
25
2.4.3 Teclas de uso geral
Tabela 2.1 – Teclas de uso geral
Tab
É semelhante à tecla de tabulação da
máquina de escrever e usada para digitar
tabelas ou valores em colunas.
Caps Lock
Quando pressionada, transforma todas as
teclas a serem digitadas em maiúsculas.
Funciona do modo liga/desliga.
Barra de espaço
Permite a inserção de espaços entre
palavras ou sinais de pontuação.
Del
Apaga caracteres à direita do ponto de
inserção.
Backspace
Apaga caracteres à esquerda do ponto de
inserção
Enter
Deve ser pressionada somente quando a
linha a ser digitada é um título ou
subtítulo ou em casos de final de
parágrafo.
2.5 Editar um texto
A edição de texto corresponde à correção de erros de digitação, ortografia e
conteúdo. Na edição de textos, operações do tipo eliminação, inserção, substituição,
movimentação e cópia são executadas sobre porções de texto tais como: um caracter,
uma palavra, uma frase, um ou mais parágrafos ou mesmo sobre todo o texto digitado.
Para executar as operações descritas anteriormente, deve-se selecionar ou marcar
texto; isto significa que será indicada uma porção de texto (desde uma letra, uma
palavra, frase ou até mesmo todo o documento) e será aplicada uma operação sobre este
texto selecionado.
2.5.1 O mouse
Ver, a seguir, como apontar, clicar e arrastar itens:
Apontar posicionar o ponto de inserção (ou ponteiro) sobre um item.
Clicar apontar para um item, pressionar o botão esquerdo do mouse e
liberar rapidamente.
Duplo-clique Apontar para um item, pressionar e liberar o botão esquerdo do
mouse duas vezes (rapidamente).
Arrastar Apontar para um item, manter pressionado o botão do mouse
enquanto arrasta-o até outra posição e, em seguida, liberar o
botão.
26
2.5.2 Selecionar texto
A seleção, em princípio, é feita arrastando-se o mouse sobre a área de texto
desejada. Portanto, é preciso posicionar o ponteiro do mouse no início da palavra a ser
selecionada, pressionar seu botão e, mantendo-o pressionado, arrastar o mouse para a
direita. Quando chegar ao final da área a ser selecionada, deve-se soltar o botão do
mouse. O texto selecionado ficará salientado (em reverso), mostrando que a área correta
foi marcada.
A operação descrita acima funciona para qualquer tipo de texto a ser selecionado.
Entretanto, caso seja necessário selecionar todo o documento, é mais fácil escolher no
menu Editar, a opção Selecionar Tudo ou utilizar as teclas de atalho Ctrl + T.
Somente é possível uma seleção de cada vez. Quando se seleciona uma palavra e,
em seguida, outra, a seleção da primeira desaparece.
No quadro a seguir estão apresentadas as diferentes formas para selecionar texto.
Importante: sempre que a seleção implicar em utilizar alguma tecla seja Alt, Shift ou
Ctrl é necessário manter esta tecla pressionada enquanto clica-se ou
arrasta-se o mouse.
Tabela 2.1 – Seleção de texto
Para selecionar Fazer o seguinte ou
Uma letra
Apontar para a letra e
arrastar o mouse.
Uma palavra
Posicionar o ponteiro do
mouse sobre a palavra e
dar um duplo-clicar.
Apontar para a primeira
letra da palavra, dar um
clicar e arrastar o mouse
até o final da palavra.
Um elemento gráfico
Apontar para o elemento
gráfico e clicar o mouse.
Uma sentença
Pressionar Ctrl e clicar o
mouse em qualquer ponto
da sentença.
Apontar para a primeira
letra da sentença, dar um
clicar e arrastar o mouse
até seu final.
Uma linha
Apontar para a barra de
seleção próximo à linha e
clicar o mouse.
Um parágrafo
Apontar para o parágrafo e
dar um triplo-clicar ou
apontar para o parágrafo
na barra de seleção e dar
um duplo-clicar.
Apontar para o início do
parágrafo, dar um clicar,
pressionar Shift e clicar o
mouse no final do
parágrafo.
Múltiplos parágrafos
Apontar para a barra de
seleção e arrastar o mouse.
27
Para selecionar Fazer o seguinte ou
Todo o documento
Apontar para a barra de
seleção e dar um triploclicar.
Selecionar Selecionar Tudo
no menu Editar ou
pressionar Ctrl + T
simultaneamente
Tabela 2.2 – Seleção de tabelas
Para selecionar Fazer o seguinte ou
Uma coluna de uma
tabela
Pressionar Alt e clicar o
mouse em qualquer lugar
na coluna.
Apontar para o início da
coluna (canto superior
esquerdo), clicar o mouse
e arrastá-o na diagonal
(canto inferior direito) da
coluna; soltar o botão do
mouse.
Uma linha de uma
tabela
Apontar para a barra de
seleção próximo à linha da
tabela e dar um duploclicar.
Apontar para o início da
linha e arrastar o mouse
até o final da linha; soltar
o botão do mouse.
Toda uma tabela
Pressionar Alt e dar um
duplo-clicar em qualquer
lugar da tabela.
Tabela 2.3 – Seleções diversas
Para selecionar Fazer o seguinte
Um bloco vertical de texto
Mantendo pressionada a
tecla Alt, clicar o mouse e
arrastá-lo.
Ajustar a seleção (muito
ou pouco texto
selecionado)
Pressionar Shift e clicar o
mouse no último caracter a
ser selecionado.
2.5.3 Eliminar texto
Para eliminar ou apagar texto deve-se marcar ou selecionar a porção desejada e
pressionar a tecla Del.
2.5.4 Inserir texto
Para inserir texto é preciso posicionar o ponteiro do mouse no ponto onde deve ser
inserido o novo texto e clicar o mouse. Em seguida digitar o texto normalmente. Não
esqueça de pressionar a barra de espaço entre o novo texto digitado e o anterior para
separá-los.
28
2.5.5 Substituir texto
Significa selecionar a porção de texto que deve ser substituída. A seguir, deve ser
digitado normalmente o novo texto. O que foi digitado substituirá automaticamente o
texto anterior. Esta operação também pode ser considerada como apagar um texto
anteriormente digitado e substituí-lo por outro.
2.5.6 Movimentar texto
A movimentação de texto é executada em duas etapas. A primeira delas, implica
na seleção do texto a ser movimentado. A segunda, na escolher do comando que melhor
se adapta à operação a ser executada. A seguir estão descritas as fases (comandos) para
movimentação de porções de texto.
2.5.6.1 O comando Recortar
Permite “recortar”, isto é, retirar uma porção de texto da sua localização e levar
este texto para o clipboard (o clipboard ou área de transferência é o lugar onde ficam
armazenados os textos à espera que sejam levados para sua nova localização). Para isto,
deve-se proceder da seguinte maneira:
1º Selecionar a porção de texto a ser recortada
2º No menu Editar, selecionar Recortar ou
3º Clicar na barra de ferramentas ou
4º Pressionar as teclas Ctrl + X simultaneamente
2.5.6.2 O comando Copiar
Funciona da mesma maneira que o Recortar, embora não retire o texto do sua
localização atual, apenas copia e leva-o para o clipboard à espera de ser inserido noutro
local. Proceder da seguinte maneira:
1º Selecionar a porção de texto a ser copiada
2º No menu Editar, selecionar Copiar ou
3º Clicar na barra de ferramentas ou
4º Pressionar as teclas Ctrl + C simultaneamente
2.5.6.3 O comando Colar
O comando Colar transfere o texto armazenado no clipboard para o local onde está
inserido o ponteiro do mouse. Funciona tanto para o Recortar quanto para o Copiar.
Proceder da seguinte maneira:
29
1º Posicionar o ponto de inserção no lugar onde deve ser inserido o texto que foi
recortado ou copiado.
2º No menu Editar, selecionar Colar ou
3º Clicar na barra de ferramentas ou
4º Pressionar as teclas Ctrl + V simultaneamente
2.5.7 Desfazer uma ação
É possível desfazer uma ação no Word (em geral a última). Entretanto este
recurso só funciona em alguns comandos. Para tanto:
1º No menu Editar selecionar Desfazer … ou
2º Clicar o botão na barra de ferramentas Padrão ou
3º Pressionar as teclas Ctrl + Z simultaneamente.
2.5.8 Repetir uma ação
Da mesma maneira, é possível repetir a última ação executada. Para isto:
1º No menu Editar selecionar Repetir … (conforme o caso) ou
2º Clicar o botão na barra de ferramentas Padrão ou
3º Pressionar as teclas Alt + Shift + B simultaneamente.
2.6 Localizar e substituir texto e formatação
Os comandos Localizar e Substituir são usados para encontrar texto, formatos, notas
de rodapé, etc., dentro de um documento.
Após a localização do texto, este pode ser substituído por outro, se desejado, em
todo ou somente parte do documento.
2.6.1 Localizar texto e formatação em um documento
1º No menu Editar, selecionar Localizar.
2º Na caixa Localizar (ver figura a seguir), seguir um dos procedimentos a seguir.
30
Figura 2.1 – Caixa Localizar
Tabela 2.1 – Opções para localizar texto
Para localizar Seguir este procedimento
Texto sem formatação Digitar o texto a ser localizado
Texto com formatação
Digitar o texto. Escolher o botão
Formatar (caso ele não esteja visível,
clicar em Mais) e, em seguida,
escolher uma das opções de
formatação disponíveis. Selecionar os
formatos desejados e clicar Ok
Somente formatação
Excluir qualquer texto da caixa
Localizar. Posicionar o ponto de
inserção na caixa Localizar, clicar o
botão Formatar, (se ele não estiver
visível, clicar em Mais) escolher uma
das opções de formatação
disponíveis, selecionar os formatos
desejados e clicar Ok
Limpar a formatação
especificada
Clicar o botão Sem Formatação
3º Clicar o botão Localizar próxima para iniciar a pesquisa. À medida que texto ou
formatação forem encontrados, o documento será rolado para este ponto. É
possível manter a caixa Localizar aberta enquanto é feita a edição do documento e,
então, voltar para continuar a pesquisa.
4º Para cancelar uma localização em andamento pressionar Esc.
Obs.: Caso a caixa Localizar já tenha sido fechada e seja necessário repetir uma
localização, basta pressionar Shift + F4. A última localização será repetida sem
que a caixa Localizar seja aberta.
2.6.1.1 Controlar a localização
O Word efetua a localização em todo o documento, inclusive anotações, notas de
rodapés, cabeçalhos e rodapés. Pode-se controlar a maneira pela qual esta localização
será feita, selecionando algumas opções antes de iniciar o processo.
31
Tabela 2.1 – Opções para controlar a localização
Para Selecionar
Efetuar a localização no documento
principal, anotações, notas de rodapé,
notas de fim, cabeçalhos e rodapés
Tudo na caixa Direção
Efetuar a localização somente no
documento principal, até seu início
ou fim, a partir do ponto de inserção
Acima ou Abaixo na caixa
Direção
Efetuar a localização em parte do
documento
A área do documento
Localizar texto com a mesma
combinação de letras
maiúsculas/minúsculas do texto
inserido na caixa Localizar
A caixa de verificação Coincidir
Maiúsc./Minúsc.
Localizar palavras inteiras
A caixa de verificação Palavra
inteira
Usar caracteres curinga
Clicar em Mais se a caixa Usar
caracteres curinga não estiver
visível. Selecionar a caixa de
verificação Usar caracteres
curinga. Clicar em Especial,
selecionar o caracter curinga
desejado e digitar o texto
adicional na caixa Localizar
2.6.2 Substituir texto e formatação em um documento
1º No menu Editar, selecionar Substituir. Será apresentada a caixa Localizar e Substituir
(ver figura a seguir). Clicar a guia Substituir.
Figura 2.1 – Caixa Substituir
2º Na caixa Substituir, executar um dos procedimentos descritos a seguir:
32
Tabela 2.1 – Opções para localização
Para substituir Seguir este procedimento
Texto sem formatação Digitar o texto.
Texto com formatação
Digitar o texto. Escolher o botão
Formatar (se não estiver visível, clicar
em Mais) e, em seguida, selecionar
uma das opções de formatação
disponíveis. Selecionar os formatos
desejados e clicar o botão OK
Somente formatação
Excluir qualquer texto das caixas
Localizar e Substituir por. Posicionar o
ponto de inserção na caixa Localizar,
selecionar Formatar e, em seguida,
selecionar uma das opções de
formatação disponíveis. Selecionar os
formatos desejados e clicar o botão
OK
Texto a ser excluído
Digitar o texto. Deixar a caixa
Substituir por em branco
3º Na caixa Substituir por, digitar o texto de substituição e repetir o passo 2.
4º Selecionar quaisquer opções a serem usadas para controlar a localização.
5º Clicar o botão Localizar próxima para iniciar a pesquisa. Quando for encontrado
texto ou formatação, o Word exibirá a página onde o texto foi localizado.
6º Escolher uma das opções a seguir, quando o Word localizar o texto:
Tabela 2.2 – Opções de substituição
Para Fazer isto
Para substituir o texto e localizar
a próxima ocorrência
Clicar o botão Substituir
Para localizar e substituir todas as
ocorrências do texto sem
confirmação
Clicar o botão Substituir
todas
Para ignorar a ocorrência atual e
localizar a próxima
Clicar o botão Localizar
próxima
7º Para cancelar uma substituição em andamento pressionar Esc.
2.6.3 Localizar e substituir formatos e outros elementos do
documento
O botão Formatar, como já foi visto anteriormente, pode ser utilizado para localizar
e substituir formatos tais como caracteres em negrito e itálico, recuo de parágrafos e
estilos de determinados títulos.
O botão Especial, por sua vez, pode ser utilizado para encontrar e substituir
33
caracteres especiais tais como marcas de parágrafo, caracteres de tabulação e quebras de
páginas manuais. Quando o botão Especial é selecionado, obtém-se uma lista de todos os
caracteres que podem ser localizados e substituídos. A localização e substituição
processar-se-á da mesma forma que a descrita anteriormente.
2.7 AUTOTEXTO
Entradas de AutoTexto são criadas para inserir rapidamente texto e elementos
gráficos utilizados com freqüência em documentos. Como exemplo podem ser criados
endereços, logotipos, fórmulas para fechamento de cartas, termos técnicos, etc. Nas
versões anteriores do Word, as entradas AutoTexto eram chamadas de variáveis de
glossário.
2.7.1 Criar uma entrada de AutoTexto
1º Selecionar o texto ou elemento gráfico a ser armazenado como entrada de
AutoTexto. Para armazenar a formatação de parágrafo com a entrada, incluir a
marca de final de parágrafo na seleção.
2º No menu Inserir, apontar para AutoTexto e clicar em Novo.
3º Quando o Word sugerir um nome para a entrada de AutoTexto, aceitar a sugestão
ou digitar um novo nome.
4º Clicar Ok.
2.7.2 Inserir uma entrada de AutoTexto usando o menu Inserir
1º Posicionar o ponto de inserção onde deverá ser inserida a entrada de AutoTexto.
2º No menu Inserir, apontar para AutoTexto.
3º Na lista apresentada, selecionar a entrada de AutoTexto desejada.
2.7.3 Inserir uma entrada de AutoTexto usando o teclado
1º Digitar o nome da entrada AutoTexto.
2º Pressionar a tecla F3.
2.7.4 Modificar uma entrada de AutoTexto
2.7.4.1 Renomear uma entrada AutoTexto
1º No menu Formatar, selecionar Estilo.
2º Selecionar Biblioteca.
3º Selecionar a guia AutoTexto.
34
4º Na caixa Em, selecionar o nome da entrada AutoTexto a ser renomeada e clicar o
botão Renomear.
5º Na caixa Novo nome, digitar o novo nome para a entrada e clicar o botão Ok.
6º Para voltar ao documento, clicar o botão Fechar.
2.7.4.2 Editar uma varíavel AutoTexto
1º Inserir a entrada AutoTexto no documento.
2º Efetuar as alterações desejadas.
3º Selecionar toda a entrada revisada. Para armazenar a formatação de parágrafo com
a entrada, incluir a marca de final de parágrafo na seleção.
4º No menu Inserir, apontar para AutoTexto e, em seguida, clicar em Novo.
5º Digitar o nome original da entrada de AutoTexto.
35
3 Formatação
Os processadores de texto, assim como outros programas aplicativos, permitem a
utilização de diversos recursos para modificar a apresentação de textos (formatação).
Os recursos para formatação dividem-se em: formatação de caracteres e
formatação de parágrafos.
3.1 Formatação de caracteres
Caracteriza-se por:
· fontes de letras e seus tamanhos, isto é, os diversos tipos de letras que podem
ser utilizados e suas variações de tamanhos.
· efeitos de caracteres: negrito, itálico, sublinhado, subscrito (H2O), sobrescrito
(X2), espaçamento expandido/espaçamento condensado e troca de caracteres
MAIÚSCULOS para minúsculos e vice-versa (MAIÚSCULAS e Minúsculas).
· caracteres especiais inexistentes no teclado.
Como proceder:
Importante: lembrar que é necessário marcar a área a ser formatada antes de executar
o(s) comando(s). Caso contrário, a formatação só ocorrerá a partir da
localização do ponto de inserção.
3.1.1 Fonte/tamanho
1º Selecionar a porção de texto a ser formatada.
2º Apontar para o menu Formatar e clicar o mouse.
3º Na lista de comandos apresentada, selecionar Fonte.
4º Será apresentada uma caixa de diálogo onde pode-se selecionar a fonte de letra e
seu tamanho, bem como outros detalhes da formatação de caracteres. Ver figura a
seguir.
36
Figura 3.1 – Caixa Fonte
Esse procedimento pode ser realizado diretamente na barra de formatos, clicando
a seta na caixa de fontes e selecionando a desejada. Para estabelecer o tamanho da fonte
repete-se a operação na caixa Tamanho de fonte.
3.1.2 Efeitos de caracteres
A aplicação de efeitos nos caracteres é feita usando a mesma caixa de diálogo que
a seleção de fontes de letras e seus tamanhos.
1º Selecionar o menu Formatar.
2º Selecionar o comando Fonte.
3º Na caixa apresentada, clicar as opções desejadas. Lembrar que é possível aplicar
mais de um estilo de formatação sobre os caracteres ou
4º Clicar o(s) botão(ões) do(s) efeito(s) desejado(s) diretamente na barra de
formatos.
5º Digitar o texto a ser formatado.
6º Clicar novamente o(s) botão(ões) selecionados (esta operação chama-se “desligar
o efeito”; caso não seja realizada, fará com que todo o texto digitado após este
ponto seja atingido pela nova formatação).
Também é possível aplicar efeitos diretamente sobre o texto já digitado. Para isto,
basta selecionar a porção de texto e aplicar o(s) efeito(s) desejados. O resto do
documento não será afetado.
3.1.3 Símbolos especiais
Os símbolos são caracteres especiais que inexistem no teclado normal do
computador e estão associados às fontes utilizados no momento. Por exemplo, para a
fonte Times existe um conjunto de símbolos, para a fonte Arial outro. Para selecionar
um símbolo especial, proceder como descrito abaixo:
1º Posicionar o ponto de inserção onde deve ser inserido o símbolo.
37
2º Alterar a fonte para aquela que dispõe do símbolo desejado.
3º No menu Inserir, selecionar Símbolo.
4º Será apresentada uma caixa com uma série de símbolos disponíveis.
5º Selecionar o desejado. O símbolo ficará salientado.
6º Clicar o botão Inserir.
7º Clicar o botão Fechar.
Figura 3.1 – Caixa Símbolo
3.1.4 Maiúsculas e Minúsculas
A opção Maiúsculas e Minúsculas serve para alterar os caracteres de minúsculos
para maiúsculos e vice-versa, bem como outras opções, sem a necessidade de
redigitação.
1º Selecionar os caracteres a serem formatados.
2º No menu Formatar, selecionar Maiúsculas e Minúsculas.
3º Será apresentada a seguinte caixa:
Figura 3.1 – Caixa Maiúsculas e Minúsculas
4º Selecionar uma das seguintes opções:
Tabela 3.1 – Opções para Maiúsculas e Minúsculas
Para Selecionar
Alterar texto para maiúsculas MAIÚSCULAS
Alterar texto para minúsculas minúsculas
Maiúsculas somente na primeira letra de
cada palavra
Maiúsculas/Minúsculas
38
Para Selecionar
Maiúscula na primeira letra da seleção
(se a seleção segue uma frase, quebra de
linha ou marca de parágrafo)
Sentença inteira
Alterar texto em maíúsculas para
minúsculas e vice-versa
iNVERTER
5º Clicar o botão Ok.
Obs.: também é possível usar as teclas de atalho Shift + F3 e alternar entre as opções.
3.2 Formatação de Parágrafos
Quando se fala em parágrafos, normalmente imagina-se uma série de sentenças ou
frases. Em um processador de textos como o Word, um parágrafo pode ser qualquer
quantidade de texto ou gráficos, seguida de uma marca de parágrafo, apresentada como
¶.
Neste caso, assim como pode-se controlar a aparência dos caracteres individuais,
também pode-se controlar a aparência dos parágrafos.
Existem três métodos para modificar a aparência de um parágrafo:
1º Usando a régua.
2º Usando os comandos de parágrafo e
3º Usando combinações de teclas.
Através destes três métodos é possível:
• Alinhar um parágrafo de modo centralizado, ou pela margem ou recuo
esquerdo, ou pela margem ou recuo direito ou, ainda, por ambas as margens
que é chamado de alinhamento justificado.
• Endentar um parágrafo aplicando recuos à esquerda, à direita ou em ambas
margens ou, ainda, aplicando um recuo que afete somente a primeira linha do
parágrafo.
• Ajustar o espaçamento entre as linhas de um parágrafo e/ou entre parágrafos.
3.2.1 Aplicar formatos de parágrafos
Quando cria-se um documento, o Word automaticamente aplica o default (padrão)
ou formatos pré-definidos de modo a produzir um documento com uma certa
apresentação. O formato padrão é:
Parágrafos alinhamento à esquerda, espaçamento simples
Tabulações a cada 1,25cm, alinhamento à esquerda
Margens 2,54cm nas margens superior e inferior (respectivamente) e 3,17
cm à esquerda e à direita.
39
3.2.1.1 Usar a régua
A régua é a escala horizontal disposta no topo da janela do documento. Para usála:
1º Selecionar o(s) parágrafo(s) a serem formatados.
2º Clicar os botões apropriados ou arrastar os marcadores de endentação para a
locação desejada. Ver figura a seguir:
Figura 3.1 – Régua e marcadores
3.2.1.2 Usar o comando Parágrafo
A formatação dos parágrafos também pode ser feita a partir do menu Formatar, na
barra de menus:
1º No menu Formatar, selecionar Parágrafo.
2º O Word apresentará uma caixa de diálogo. Ver figura a seguir:
Figura 3.1 – Caixa Parágrafo
3º Executar as alterações necessárias.
4º Clicar Ok.
40
3.2.2 Alinhar e endentar parágrafos
3.2.2.1 Alinhar parágrafos
O Word automaticamente alinha os parágrafos pela margem esquerda ou pelo
recuo que foi fixado para o parágrafo. Estão disponíveis quatro opções de alinhamento:
Esquerda Cada linha do parágrafo é alinhada pela margem esquerda ou
recuo do parágrafo, deixando a borda direita desalinhada. É o
alinhamento padrão do Word.
Centralizado Cada linha do parágrafo é centralizada entre as margens esquerda
e direita ou recuos. É útil para títulos.
Direita Cada linha do parágrafo é alinhada pela margem direita ou pelo
recuo fixado à direita, deixando a borda esquerda desajustada. É
utilizada para datas.
Justificado O espaçamento entre as palavras é ajustado de modo a permitir o
alinhamento tanto pela margem esquerda como pela direita,
deixando as bordas do parágrafo retas. A última linha do
parágrafo será alinhada pela esquerda.
Para alterar o alinhamento do parágrafo:
1º Selecionar o(s) parágrafo(s) a serem modificados.
2º Na régua, clicar no botão correspondente ao alinhamento desejado.
3.2.2.2 Endentar parágrafos
Pode-se fixar endentações ou recuos tanto com a régua como através do comando
Parágrafo. Este comando é útil quando sabe-se exatamente a medida do recuo ou quando
prefere-se digitar a medida. A régua, entretanto, é rápida e mais conveniente.
Para obter as endentações, deve-se arrastar os marcadores de recuos. Os três
marcadores permitem uma completa flexibilidade para fixar recuos à esquerda, à direita
ou na primeira linha do parágrafo. O texto é alinhado sempre que os marcadores são
arrastados para qualquer posição.
Os marcadores de recuo tanto à direita como à esquerda afetam todas as linhas do
parágrafo. O marcador superior afeta somente a primeira linha do parágrafo (por
exemplo, para estabelecer o recuo de abertura de parágrafo). Para mover apenas um dos
marcadores, pressionar a tecla Shift enquanto o marcador desejado é arrastado.
3.2.3 Definir os recuos com a régua
1º Selecionar o(s) parágrafo(s) a ser(em) endentado(s).
41
2º Arrastar os marcadores de recuo da maneira desejada.
Tabela 3.1 – Definição de recuos com a régua
Para obter Fazer o seguinte
Recuo somente da primeira linha
Arrastar o marcador de recuo de
primeira linha (triângulo superior
esquerdo)
Recuo da borda esquerda do
parágrafo
Arrastar o marcador de recuo da
margem esquerda (triângulo inferior
esquerdo)
Recuo da borda direita do parágrafo
Arrastar o marcador de recuo da
margem direita
3.2.4 Definir os recuos com o comando Parágrafo
1º Selecionar o(s) parágrafo(s) a ser(em) endentado(s).
2º Selecionar Parágrafo no menu Formatar. Ver Figura 3.1.
3º Na opção Recuo, digitar a(s) medida(s) desejada(s):
Tabela 3.1 – Definição de recuos com o comando Parágrafo
Para fixar Fazer o seguinte
Recuo à esquerda Digitar uma medida na caixa Esquerda
Recuo à direita Digitar uma medida na caixa Direita
Recuo da primeira linha Digitar uma medida na caixa Especial, 1ª
Linha
3.2.5 Tabulações
Fixar tabulações no Word é um processo muito similar ao de uma máquina de
escrever. Pressionando-se a tecla Tab, o ponto de inserção desloca-se para o próximo
ponto fixado na régua e o espaço é preenchido pelo chamado caracter de tabulação.
Este símbolo, entretanto, só será visível se a marca de parágrafo estiver ativa e não será
impresso.
Em cada novo documento, os pontos de tabulação estão dispostos em intervalos
de 1,25 cm (padrão). Pode-se usar estes pontos de tabulação ou:
• Alterar os pontos de tabulação usando a régua ou o comando Tabulação do menu
Formatar. Usar a régua permite maior flexibilidade e rapidez inclusive para
visualizar os resultados.
• Fixar pontos de tabulação específicos. É possível especificar o alinhamento do
texto em relação aos pontos de tabulação: centralizado, à esquerda, à direita ou,
ainda, alinhando casas decimais através de tabulações numéricas.
3.2.6 Fixar pontos de tabulação com a régua
Pode-se usar o mouse para inserir, remover e mover pontos de tabulação na régua:
42
1º Marcar o(s) parágrafos onde devem ser inseridos pontos de tabulação.
2º Escolher o alinhamento necessário. Clicar sobre o botão Alinhamento da tabulação
, no lado esquerdo da régua horizontal para exibir o alinhamento desejado:
Alinhamento à esquerda
Alinhamento centralizado
Alinhamento à direita
Tabulações decimais
3º Na régua, clicar sobre o local onde deve ser inserido o ponto de tabulação.
3.2.7 Movimentar ou apagar pontos de tabulação na régua
1º Selecionar os parágrafos cujos pontos de tabulação devam ser movidos ou
apagados.
2º Executar um dos passos abaixos (conforme necessário):
Tabela 3.1 – Movimentação e eliminação de pontos de tabulação na régua
Para mover o ponto de
tabulação:
Para eliminar o ponto de
tabulação:
Arrastar o ponto de tabulação
para a nova localização na
régua.
Arrastar o ponto de tabulação
para fora da régua.
3.2.8 Definir pontos de tabulação com o comando Tabulação
Usando o comando Tabulação do menu Formatar, é possível:
• posicionar os pontos de tabulação com maior precisão.
• inserir linhas pontilhadas, ou tracejadas ou retas preenchendo o espaço do
caracter de tabulação.
• apagar todos os pontos de tabulação do parágrafo (exceto aqueles pontos
padrão).
3.2.8.1 Fixar pontos de tabulação com o comando Tabulação
1º selecionar o(s) parágrafo(s) que deve(m) ter seus pontos de tabulação
modificados.
2º No menu Formatar, selecionar Tabulação. Ver figura a seguir:
43
Figura 3.1 – Caixa Tabulação
3º Na caixa Marca de tabulação, digitar a medida em frações decimais, de acordo com
a unidade de medida fixada (polegadas, cm, etc).
4º Na caixa Tabulação Padrão é possível alterar o espaçamento padrão das tabulações
para todo documento.
5º Em Alinhamento, selecionar o alinhamento desejado.
6º Em Preenchimento pode-se selecionar os caracteres de preenchimento para uma
tabulação selecionada (linha pontilhada, tracejada, contínua ou nenhum).
7º Clicar o botão Ok.
3.2.9 Apagar pontos de tabulação usando o comando Tabulação
1º Marcar o(s) parágrafo(s) que deve(m) ter seus pontos de tabulação eliminados.
2º Selecionar Tabulação no menu Formatar. Ver Figura 3.1.
3º Executar um dos procedimentos descritos abaixo:
Tabela 3.1 – Eliminação de pontos de tabulação via comando Tabulação
Para Fazer isto
Apagar um ponto de tabulação
selecionado
Clicar o botão Limpar
Apagar todos os pontos de
tabulação do parágrafo
Clicar o botão Limpar tudo
(somente os pontos de
tabulação padrão
permanecem).
4º Clicar Ok.
44
3.2.10 Ajustar o espaço entre linhas
É possível ajustar o espaço entre as linhas de um parágrafo. Este ajuste pode
atingir um ou mais parágrafos e pode ser realizado de duas maneiras: via teclas de
atalho ou através do comando Parágrafo no menu Formatar.
3.2.10.1 Ajustar o espaçamento entre linhas usando o teclado
1º Marcar o(s) parágrafo(s) que deverá(ão) ter seu espaçamento alterado.
2º Pressionar um dos conjuntos de teclas para obter o espaçamento desejado:
Tabela 3.1 – Opções de espaçamento entre linhas
Teclas a serem
pressionadas Tipo do Espaço Espaço entre linhas
Ctrl + 1 Espaço simples 12 pts.
Ctrl + 5 Um espaço e meio 15 pts.
Ctrl + 2 Espaço duplo 20 pts.
3.2.10.2 Ajustar o espaçamento entre linhas usando o comando Parágrafo
1º Selecionar o(s) parágrafo(s) que deverá(ão) ter seu espaçamento entre linhas
alterado.
2º No menu Formatar, selecionar Parágrafo. Ver Figura 3.1.
3º Na caixa Entre linhas, em Espaçamento, selecionar o tipo de espaçamento entre
linhas desejado.
Tabela 3.1 – Opções para espaçamento entre linhas usando o comando Parágrafo
Para Fazer o seguinte
Obter o espaçamento mínimo
(se necessário, o Word pode
fazer ajustes).
Selecionar a opção Pelo menos
Fixar um espaçamento no qual
o Word não interfere.
Selecionar Exatamente
Fixar um espaçamento para
acomodar mais de uma linha.
Selecionar Múltiplos. Na caixa
Em digitar o espaçamento
desejado. O padrão é 3 linhas
4º Clicar Ok.
5º Para voltar ao espaçamento padrão, selecionar Simples.
3.2.11 Ajustar o espaço entre parágrafos
Além de possibilitar a alteração do espaço entre linhas de um parágrafo, o Word
dispõe de um recurso que permite inserir espaços entre os parágrafos. É possível
45
pressionar as teclas Return ou Enter e obter o mesmo tipo de espaço. Entretanto, fixar
estes espaços antecipadamente oferece as seguintes vantagens:
a) Precisão quanto à quantidade de espaço a ser deixado entre os parágrafos
(como ele pode ser fixado, tanto pode ser 5cm como 1 polegada). É diferente
do que simplesmente pressionar Return ou Enter e deixar linhas em branco.
b) O espaço sempre acompanha o parágrafo, seja ele um gráfico, cabeçalho,
tabela ou parágrafos normais. Caso tenha sido pressionada a tecla Return (ou
Enter), será necessário copiar o número exato de marcas de parágrafo
(correspondentes ao número de vezes que foi pressionada a tecla Return).
c) O espaço será mantido mesmo que haja alteração do tamanho de fonte no
parágrafo.
3.2.12 Ajustar o espaçamento entre parágrafos com o comando
Parágrafo
1º Selecionar o(s) parágrafo(s) desejado(s).
2º No menu Formatar, selecionar Parágrafo, ver Figura 3.1.
3º Em Espaçamento, digitar a medida do espaço desejado para Antes ou para Depois
(ou ambos se for o caso).
4º Clicar o botão Ok.
3.3 Formatar e classificar listas
Com o Word, é possível criar listas numeradas ou com marcadores, muito úteis
para criar estruturas em tópicos, ou em múltiplos níveis em documentos legais e
técnicos. Além disto, podem ser classificadas em ordem alfabética, numérica ou por
data.
3.3.1 Criar listas numeradas ou com marcadores
3.3.1.1 Usar a barra de Formatação
Tabela 3.1 – Opções para inserir listas numeradas ou com marcadores
Fazer isto ou isto
Digitar a lista
Clicar um dos botões Numeração ou
Marcadores antes de iniciar a
digitação da lista
Selecionar os itens da lista que
devem ser formatados com
números ou marcadores
Ao final, simplesmente tecle Enter
e clicar sobre o mesmo botão
novamente. O próximo texto a ser
digitado não será formatado com
Numeração ou Marcadores
46
Fazer isto ou isto
Clicar o botão (Numeração) ou
o botão (Marcadores),
conforme o caso
3.3.1.2 Usar o comando Marcadores e Numeração
1º No menu Formatar, selecionar Marcadores e Numeração (ver figura a seguir).
Figura 3.1 – Caixa Marcadors e Numeração guia Com marcadores
2º Selecionar a guia desejada (Com Marcadores, Numerada ou Vários níveis) e clicar
sobre a opção desejada. Em seguida clicar o botão Ok.
Figura 3.2 – Caixa Marcadores e Numeração guia Numerada
3.3.2 Criar listas com múltiplos níveis
As listas no Word podem conter até nove níveis, sendo que os marcadores e
números podem ser usados em qualquer destes níveis. Além disto, é possível definir
formatos adicionais além dos pré-definidos pelo Word. Podem ser usados quantos
formatos de níveis sejam necessários, contanto que estejam cada um em uma seção
separada.
47
3.3.2.1 Criar uma lista de múltiplos níveis
1º No menu Formatar, selecionar Marcadores e Numeração.
2º Selecionar a guia Vários níveis (ver figura a seguir).
Figura 3.1 – Caixa Marcadores e Numeração guia Vários Níveis
3º Selecionar o formato de lista desejado.
4º Clicar Ok.
5º Digitar a lista.
Tabela 3.1 – Opções para formatação de listas
Para Clicar Ou pressionar
Rebaixar ou
subordinar itens
selecionados
Alt + Shft + è
Elevar itens ou
remover recuos de
itens selecionados
Alt + Shift + ç
3.3.3 Modificar formatação de listas
Pode-se modificar a formatação das listas numeradas ou com marcadores e as de
vários níveis alterando os seguintes elementos:
1. Texto antes: é o texto que precede os itens da lista numerada. Podem ser
usados parênteses, palavras, expressões, etc.
2. O formato do marcador ou número.
3. O alinhamento dos marcadores ou números.
4. O espaço entre um marcador ou número e um item da lista.
3.3.3.1 Modificar a formatação de uma lista
1º Selecionar o texto.
48
2º No menu Formatar, selecionar Marcadores e Numeração.
3º Selecionar a guia correspondente à lista a ser modificada e clicar o botão
Personalizar.
4º Seguir um ou mais procedimentos:
Tabela 3.1 – Modificar formatos de marcadores ou números
Para modificar Seguir este procedimento
Um nível particular em uma lista
de vários níveis
Selecionar o nível desejado
rolando a caixa Nível
O formato do marcador ou
número
Selecionar um formato de
marcador ou número em Marcador
ou Estilo do número
A fonte de um número e a fonte
do texto antes ou depois de um
número
Selecionar o botão Fonte e, em
seguida, escolher a fonte desejada
O alinhamento do marcador ou
número
Selecionar Esquerdo, Centralizado
ou Direito na caixa Posição do
número para listas numeradas ou
selecionar Posição do marcador para
listas com marcadores
A distância entre o fim do
marcador ou lista numerada e o
início do texto
Digitar ou selecionar uma medida
na caixa Posição do texto
Figura 3.1 – Caixa Personalizar lista com Marcadores
Figura 3.2 – Caixa Personalizar lista numerada
49
Figura 3.3 – Caixa Personalizar lista com vários níveis
3.3.3.2 Adicionar ou remover marcadores e números
1º Selecionar os itens aos quais devem adicionados ou removidos marcadores e
números.
Obs.: quando uma lista (numerada ou com marcadores) é selecionada, os números
e/ou marcadores ficarão de fora da seleção.
2º Seguir um desses procedimentos descritos abaixo:
Tabela 3.1 – Adição/Remoção de Marcadores e Numeração
Para Clicar
Adicionar ou remover Numeração
Adicionar ou remover Marcadores
3.3.3.3 Converter marcadores em números e vice-versa
1º Selecionar os itens que devem ser alterados.
2º Na barra de ferramentas Formatação, seguir um destes procedimentos:
Tabela 3.1 – Conversão de marcadores em numeração e vice-versa
Para Clicar
Converter marcadores em números
Converter números em marcadores
3.3.4 Interromper listas
Pode-se interromper uma lista para criar outras menores, para a inserção de título
ou mesmo texto normal entre uma e outra. Quando uma lista é subdividida em outras, a
numeração gerada pelo Word sempre iniciará em 1 para cada lista menor. Por outro
lado, a inserção de uma lista com marcadores entre uma lista numerada não
interromperá a numeração.
50
3.3.4.1 Interromper uma lista
1º Posicionar o ponto de inserção sobre o item que possui marcador ou número a ser
removido.
2º Para obter o menu de atalhos para listas, clicar o botão direito do mouse.
3º Selecionar Parar Numeração.
Obs.: caso seja necessária a inclusão, exclusão ou reorganização dos itens de uma
lista, o Word atualizará a numeração automaticamente.
3.3.5 Numerar títulos
A numeração de títulos é usada para criar uma numeração seqüencial em
documentos e utiliza estilos de títulos internos pré-definidos. Por exemplo, pode-se usar
no mesmo documento, diferentes numerações para capítulos e para apêndices.
3.3.5.1 Numerar títulos
1º No menu Formatar, selecionar Marcadores e Numeração.
2º Clicar na guia Vários níveis.
3º Clicar na opção de Numeração de títulos (ver figura a seguir).
Figura 3.1 – Caixa Marcadores e Numeração, guia Vários níveis, opção Numeração de títulos
4º Clicar Ok.
3.3.5.2 Modificar os formatos de numeração de títulos
1º No menu Formatar, selecionar Marcadores e Numeração.
2º Na caixa de diálogo apresentada, clicar a guia Vários níveis, em seguida clicar a
opção de Numeração de Títulos (ver Figura 3.1).
3º Clicar o botão Personalizar.
51
4º Na caixa de diálogo apresentada (Figura 3.3), selecionar o nível do título que
deseja modificar, rolando pela caixa Nível.
5º Seguir um ou mais dentre os procedimentos abaixo:
Tabela 3.1 – Opções para modificar Numeração de Títulos
Para modificar Seguir este procedimento
O texto que aparece antes ou depois
do número
Digitar o texto na caixa Formato
do número
O estilo do número
Selecionar um estilo de número
na caixa Estilo do número
A fonte de um número e a fonte do
texto antes ou depois do número
Selecionar botão Fonte e
selecionar a fonte desejada
O alinhamento do marcador ou
número
Selecionar Esquerdo, Centralizado
ou Direito na caixa Posição do
Número
O espaço entre um número e o item
da lista que o segue
Digitar ou selecionar a medida na
caixa Posição do texto
O início da numeração para títulos
numerados
Selecionar um número na caixa
Iniciar em
6º Clicar o botão Ok.
3.3.6 Classificar listas
A classificação de listas destina-se à organização do texto em ordem alfabética,
numérica ou por data.
Também podem ser classificados parágrafos, listas criadas com caracteres de
tabulação ou linhas de tabelas.
A classificação pode ser feita por até três critérios simultaneamente, em ordem
crescente (0-9 ou A-Z) ou decrescente (9-0 ou Z-A).
3.3.6.1 Regras para classificação
Tabela 3.1 – Prioridades para classificação
Ordem de classificação Prioridades
Caracteres como !, %, << ou $ são listados em
primeiro lugar; Itens que iniciam por números
são listados em segundo lugar e itens iniciados
por letras em terceiro
Letras maiúsculas precedem minúsculas
Ascendente
Mais de um item iniciando com a mesma letra,
terá os seus caracteres seguintes avaliados para
estabelecer a prioridade
52
3.3.6.2 Classificar uma lista
1º Selecionar o texto a ser classificado.
2º No menu Tabela, selecionar Classificar Texto.
3º Seguir um ou mais destes procedimentos:
Tabela 3.1 – Classificação de listas
Para Seguir o procedimento
Impedir a classificação de um título
Selecionar a caixa Possui linha de
título em A lista
Para escolher um número de campo
ou nome (pode-se usar até três
campos ou critérios)
Selecionar Classificar por
Tipo de texto a ser classificado:
texto, número ou data
Selecionar a caixa Tipo
Para alterar o separador de campo
Selecionar o botão Opções e
escolher ou digitar o separador
apropriado. Clicar OK.
4º Clicar Ok para iniciar a classificação.
3.3.6.3 Desfazer a classificação
1º Na barra de ferramentas Padrão, clicar o botão (Desfazer).
3.4 Formatação com Estilos
A formatação nos processadores de texto é composta da formatação de caracteres
e da formatação de parágrafos. Um estilo é um grupo de formatos identificados por um
nome. Nesta combinação de formatos estão incluídos: a fonte, o tamanho, o
alinhamento, o espaçamento entre linhas e parágrafos, as bordas e a numeração. Depois
é só atribuir a este grupo de formatos um nome de estilo e aplicá-lo de uma só vez. As
vantagens principais da utilização de estilos são:
• Rapidez na formatação de documentos.
• Consistência na formatação. Assegura uma aparência padrão mesmo para
documentos muito longos.
• Alterações de formatação são facilmente incorporadas a todo o texto, uma vez
que modificar um estilo de parágrafo assegura sua reformatação automática em
todo o texto.
• Facilidade de uso. Aplicar um estilo exige somente selecioná-lo de uma lista.
3.4.1 Criar um estilo
Criar um estilo leva à execução das seguintes operações:
53
1º Criar um estilo baseado em um parágrafo selecionado e já formatado.
2º Aplicar este estilo a outros parágrafos que devem ter a mesma aparência.
3º Alterar o formato de um estilo.
3.4.2 Criar um estilo baseado em um parágrafo já formatado
1º Selecionar o parágrafo cujo formato deverá ser definido como estilo.
2º Apontar com o mouse para a caixa de estilo (em geral aparece o nome Normal) e
dar um clique.
3º Digitar um novo nome para o estilo na caixa e pressionar Return ou Enter. Podese
usar qualquer combinação de letras maiúsculas e minúsculas, exceto \ (barra
invertida), { ou } (chaves) e ; (ponto e vírgula).
3.4.3 Criar um estilo usando o comando Estilo
1º No menu Formatar, selecionar Estilo.
Figura 3.1 – Caixa Estilo
2º Clicar o botão Novo.
3º Na caixa Nome, digitar o nome do estilo que deseja criar.
4º Em Tipo do Estilo, assegurar-se que a opção selecionada é Parágrafo.
5º Clicar o botão Formatar e, em seguida, selecionar os formatos a serem aplicados ao
estilo.
6º Clicar o botão Ok para definir o estilo.
7º Repetir os passos 2 a 6 para criar estilos adicionais. Em seguida clicar Fechar para
fechar a caixa de diálogo Estilo.
3.4.4 Aplicar um estilo
Após a definição do estilo, ele pode ser aplicado a quaisquer outros parágrafos do
54
seu documento. Para marcar um parágrafo, basta posicionar o ponto de inserção em
qualquer ponto do parágrafo ou selecionar qualquer parte do parágrafo; o Word
considerará o parágrafo como totalmente selecionado.
3.4.4.1 Aplicar um estilo com a barra de ferramentas Formatação
1º Selecionar o(s) parágrafo(s) que devem ser formatados com o mesmo estilo.
2º Na caixa de estilos, selecionar o desejado. A caixa Estilo inicialmente lista os
estilos internos e os estilos criados, modificados ou aplicados ao texto no
documento. Se o estilo a ser aplicado não estiver na lista, manter pressionado Shift
e clicar sobre a seta na caixa Estilo.
3.4.4.2 Aplicar um estilo com o teclado
1º Selecionar o(s) parágrafo(s) que devem ser formatados com o mesmo estilo.
2º Pressionar Ctrl + Shift +U.
3º O Word seleciona o nome do estilo atual na caixa Estilo na barra de ferramentas
Formatação. Digitar um nome de estilo diferente na caixa ou usar as teclas de
direção para selecionar um estilo.
4º Pressionar Enter ou Return.
3.4.4.3 Aplicar um estilo com o comando Estilo
1º Selecionar o(s) parágrafo(s) que devem ser formatados com o mesmo estilo.
2º No menu Formatar, selecionar Estilo.
3º Na caixa Estilos, selecionar o estilo que deve ser aplicado e, em seguida, clicar o
botão Utilizar. Se o estilo a ser usado não estiver listado na caixa Estilos, selecionar
outra categoria de estilos em Listar.
3.4.5 Redefinir o formato de um estilo
3.4.5.1 Redefinir um estilo com a barra de ferramentas Formatação
1º Selecionar o(s) parágrafo(s) que devem ter seu estilo redefinido.
2º Proceder às alterações necessárias, usando as opções do comando Parágrafo ou a
barra de ferramentas Formatação.
3º Apontar para a caixa Estilo e dar um clique.
4º Com o nome do estilo selecionado, pressionar Return ou Enter.
5º O Word apresentará uma caixa de diálogo (ver figura a seguir); Clicar na opção
Redefinir estilo para refletir alterações recentes? e, em seguida, no botão Ok para ter
seu estilo redefinido. Todos os parágrafos com o mesmo estilo serão atualizados
com a nova formatação.
55
Figura 3.1 – Caixa Reutilizar Estilo
6º Se preferir atualizações automáticas dos estilos, clicar na caixa Atualizar estilo
automaticamente a partir de agora.
3.4.5.2 Redefinir um estilo usando o comando Estilo
1º No menu Formatar, selecionar Estilo.
2º Na caixa Estilo, selecionar o estilo a ser modificado.
3º Clicar o botão Modificar.
4º Na caixa de estilo Modificar Estilo, clicar o botão Formatar e modifique o formato do
estilo.
5º Clicar o botão Ok.
6º Repetir os passos 2 a 5 para alterar quaisquer estilos adicionais. Em seguida,
selecionar o botão Fechar para fechar a caixa de diálogo Estilo.
56
4 Layout da página
4.1 Definir novos documentos
Ao iniciar um novo documento, é possível começar a digitar usando as
configurações padrão do Word para tamanho de página, orientação, margens,
numeração de página e outras opções. Entretanto, estas podem ser alteradas a qualquer
momento.
Para que diferentes partes de um documento tenham diferentes aparências, é
possível dividir o documento em seções. As opções que determinam a aparência de um
documento são:
a) tamanho do papel.
b) orientação da página – retrato (vertical) ou paisagem (horizontal).
c) margens.
d) numeração de página.
e) tabelas.
f) colunas de jornal.
4.1.1 Definir o tamanho do papel e a orientação da página
1º Selecionar o texto ou posicionar o ponto de inserção na seção a ser alterada.
2º No menu Arquivo, selecionar Configurar Página.
3º Selecionar a guia Tamanho do papel.
Figura 4.1 – Caixa Configurar Página guia Tamanho do papel
4º Executar um ou mais dos procedimentos a seguir:
57
Tabela 4.1 – Seleção do tamanho do papel e orientação da página
Para Seguir o procedimento
Selecionar o tamanho de papel a ser
utilizado na impressão
Selecionar a caixa Tamanho do papel
Selecionar um tamanho de papel
personalizado
Digitar ou selecionar as medidas
desejadas nas caixas Largura e Altura
Selecionar a orientação do papel
Em Orientação, selecionar o botão de
opção Retrato ou Paisagem
5º Na caixa Utilizar, selecionar a parte do documento a ser impressa no tamanho de
papel ou na orientação selecionada. Quando aplicada a nova orientação/tamanho
de papel ao texto selecionado, uma quebra de seção será inserida antes e depois do
texto selecionado. Se for escolhida a opção Deste ponto em diante na caixa Utilizar,
será inserida uma quebra de seção antes do ponto de inserção.
6º Clicar o botão Ok.
4.1.2 Trabalhar com margens
As margens determinam a distância entre o texto e a borda do papel. O Word
normalmente imprime texto e elementos gráficos dentro das margens, enquanto
cabeçalhos, rodapés e números de páginas são impressos nas margens. As margens
podem ser alteradas pela régua ou pelo comando Configurar Página no menu Arquivo.
4.1.2.1 Ajustar margens pela régua
1º No modo de Layout de página ou Visualizar impressão, colocar o ponto de inserção na
seção cujas margens devem ser alteradas. Se o documento não tiver várias seções,
as margens serão alteradas para todo o documento.
2º Com a régua exibida, arrastar os limites das margens nas réguas horizontais e
verticais. O ponteiro do mouse transforma-se em uma seta dupla quando está
sobre o limite da margem. O Word atuliza a exibição da página depois que as
margens forem alteradas.
Obs.: Para exibir as medidas da área de texto e as margens durante o ajuste da
distância, manter pressionada a tecla Alt enquanto o limite da margem é
arrastado.
4.1.2.2 Ajustar margens com o comando Configurar página
1º Selecionar o texto cujas margens devem ser alteradas ou colocar o ponto de
inserção na seção a ser alterada.
2º No menu Arquivo, selecionar Configurar Página.
3º Selecionar a guia Margens.
58
Figura 4.1 – Caixa Configurar Página guia Margens
4º Seguir um ou mais procedimentos:
Tabela 4.1 – Opções para especificar margens
Para Seguir o procedimento
Alterar o tamanho das margens
Digitar ou selecionar a medida para
a margem a ser ajustada na caixa
Superior, Inferior, Esquerda ou Direita
Definir um documento a ser
impresso nos dois lados do
papel
Selecionar a caixa de verificação
Margens espelho.
Quando é selecionada a caixa de
verificação Margens espelho, os
nomes das caixas Esquerda e Direita
mudam para Interna e Externa. As
margens interna e externa serão
diferentes nas páginas ímpares e
pares
Adicionar espaço extra às
margens internas de um
documento a ser encadernado
Digitar ou selecionar uma medida
na caixa Medianiz
5º Na caixa Utilizar, selecionar a parte do documento à qual se deseja aplicar as novas
configurações de margem.
6º Clicar o botão Ok.
4.1.3 Margens e recuos
Margens e recuos não devem ser confundidos! Margem especifica uma distância a
partir da borda do papel, enquanto que o recuo especifica uma distância adicional,
geralmente medida a partir da margem.
4.2 Numerar páginas
Existem duas maneiras de inserir numeração de páginas:
· via menu Inserir, opção Números de Página ou
59
· via menu Exibir, opção Cabeçalho e Rodapé
Sempre que um número de página for incluído, o campo PÁGINA será inserido
no documento, permitindo a atualização correta dos números de página e sua
visualização no modo de Visualizar Impressão ou no modo de Layout da Página.
4.2.1 Inserir números de página
4.2.1.1 Inserir números de página
1º Posicionar o ponto de inserção na seção onde devem ser inseridos números de
página.
2º No menu Inserir, selecionar Números de Página (ver figura a seguir):
Figura 4.1 – Caixa Números de Página
3º Seguir um destes procedimentos:
Tabela 4.1 – Opções para posicionamento e formatação de números de página
Para Seguir o procedimento
Para especificar a posição onde o
Word deve imprimir os números de
página
Selecionar uma posição na caixa
Posição e um alinhamento na
caixa Alinhamento
Para mudar o formato dos números
de página (1,2,3) e incluir os
números dos capítulos junto aos
números de página e definir outras
opções
Selecionar o botão Formatar.
4º Clicar o botão Ok.
4.2.2 Remover números de página
1º Posicionar o ponto de inserção na seção onde devem ser removidos os números de
página.
2º No menu Exibir, selecionar Cabeçalho e Rodapé.
3º Selecionar o número de página e pressionar Del ou Backspace.
60
Obs.1 Caso o documento tenha diversas seções e a conexão entre um cabeçalho ou
rodapé nestas seções tenha sido rompida, somente os números de página da
seção atual serão removidos.
Obs.2 Caso a seção atual conter Primeira página, Cabeçalhos ou Rodapés pares ou
ímpares, verificar se foram removidos os números de página de todos os
cabeçalhos e rodapés.
4º Clicar o botão Fechar na barra de ferramentas Cabeçalho e Rodapé.
4.2.3 Ocultar números de página na primeira página de um
documento
1º Posicionar o ponto de inserção na seção a ser modificada.
2º No menu Inserir, selecionar Números de Página.
3º Desativar a caixa de verificação Mostrar número na 1ª página (ver Figura 4.1).
4º Clicar o botão Ok.
4.2.4 Formatar números de página
4.2.4.1 Alterar o formato do número da página
1º Posicionar o ponto de inserção na seção a ser modificada.
2º No menu Inserir, selecionar Números de Página.
3º Clicar o botão Formatar.
4º Na caixa Formato do número, selecionar o formato desejado.
5º Clicar o botão Ok.
6º Clicar Ok novamente, ao terminar de alterar o formato dos números de página.
4.2.5 Numerar páginas em documentos com várias seções
4.2.5.1 Alterar o número de página inicial de uma seção
1º Posicionar o ponto de inserção na seção a ser modificada.
2º No menu Inserir, selecionar Números de página.
3º Clicar o botão Formatar.
4º Na caixa Iniciar em, em Numeração da página, digitar ou selecionar um novo número
de página inicial e clicar o botão Ok.
5º Clicar novamente Ok.
61
4.2.5.2 Iniciar a numeração de página em outra página que não a primeira
1º Seguir um destes procedimentos:
Tabela 4.1 – Opções para numeração de página
Se Fazer isto
O documento estiver formatado
em seções
Colocar o ponto de inserção no
início da seção onde deve ser
iniciada a numeração de página
O documento não estiver
formatado em seções
Colocar o ponto de inserção no
início da página onde deve ser
iniciada a numeração de página
2º No menu Inserir, selecionar Números de Página.
3º Selecionar as opções desejadas.
4º Clicar o botão Ok.
4.3 Dividir documentos em seções
Seções são usadas quando se deseja aplicar diferentes formatos a documentos
como, por exemplo, colunas tipo jornalístico em parte do documento e coluna única no
restante.
Uma seção pode estender-se desde um único parágrafo até todo o documento
(cada vez que um novo documento é iniciado, este consiste de uma única seção).
As seções devem ser criadas sempre que deva ser modificado algum dos
elementos a seguir, em determinado ponto do documento.
· tamanho do papel, orientação da página e margens.
· número de colunas tipo jornalístico.
· formato, posição e seqüência de números de página.
· conteúdo e posições de cabeçalhos e rodapés.
· numeração de linhas.
· posição onde devem ser impressas notas de rodapé e notas de fim.
· alinhamento vertical
4.3.1 Criar uma nova seção
Para criar uma nova seção, deve ser utilizado o comando Quebra do menu Inserir.
Será inserida uma linha pontilhada dupla (não imprimível), indicando a quebra de seção.
62
4.3.1.1 Inserir uma quebra de seção
1º Posicionar o ponto de inserção na posição onde deve ser iniciada uma nova seção.
2º No menu Inserir, selecionar Quebra (ver figura a seguir):
Figura 4.1 – Caixa Quebra
3º Em Quebras de seção, selecionar a opção correspondente à posição onde deve
começar a nova seção.
4º Clicar o botão Ok.
5º No modo Normal, o Word insere uma linha pontilhada dupla acima do ponto de
inserção para marcar o final da seção anterior. O ponto de inserção será
posicionado no início da nova seção.
4.3.1.2 Excluir uma quebra de seção
1º No modo Normal, selecionar a quebra de seção a ser excluída.
2º Pressionar a tecla Del ou Backspace.
3º Sempre que uma quebra de seção for excluída, a formatação do texto que precede
esta quebra de seção também o será. O texto torna-se parte da seção subseqüente e
assume sua formatação.
4.3.1.3 Controlar quebras de seção
É possível controlar onde deve iniciar uma nova seção: em uma nova página, na
próxima página par ou ímpar ou na mesma página onde termina a seção anterior.
63
Tabela 4.1 – Opções para quebra de seções
Esta opção Tem este efeito
Próxima página
O Word quebra a página na quebra de
seção. A nova seção inicia na próxima
página
Contínua
O Word insere a quebra de seção e
inicia a próxima seção na mesma
página. Se existirem múltiplas colunas
na seção anterior, o Word as distribui
igualmente acima da quebra de seção e
preenche o resto da página com a nova
seção.
Caso a nova seção tenha uma
configuração para tamanho do papel ou
orientação da página diferente da
anterior, será iniciada obrigatoriamente
em uma nova página, mesmo que tenha
sido selecionada a opção Contínua.
Páginas ímpares
O Word inicia uma nova seção na
próxima página ímpar. Em geral, esta
opção é usada para capítulos que
iniciem em páginas com numeração
ímpar.
Caso a quebra de seção caia em uma
página ímpar, o Word deixa em branco
a página par entre as duas.
Páginas pares
Semelhante à Páginas ímpares, só que o
Word inicia a próxima seção na
próxima página par.
4.3.2 Formatar seções
Toda a formatação de uma seção (número de colunas, orientação da página e
margens) é armazenada na quebra de seção. Cada vez que uma quebra de seção é
eliminada, a formatação da seção que precede esta quebra também será excluída. O
texto, então, fará parte da próxima seção, assumindo sua formatação.
4.4 Ajustar a paginação
O Word inicia uma nova página sempre que a página atual for preenchida. Estas
quebras são chamadas de quebras de página automáticas. Sempre que o documento for
editado ou reformatado, o Word recalculará a quantidade de texto na página e ajustará
as quebras automáticas.
Também podem ser inseridas quebras de páginas manuais. Entretanto, o Word
não consegue mover estas quebras; para mudá-las; é necessário excluí-las e inseri-las no
lugar correto ou selecionar a marca de quebra de página e movê-la para a localização
64
desejada.
As quebras de páginas automáticas são apresentadas como uma linha pontilhada
simples no modo Normal. As quebras de página manuais são mostradas com a mesma
linha pontilhada, e com os dizeres Quebra de página. O modo de exibição Normal é o
único que permite a edição de quebras de página manuais (recortar, copiar, colar e
excluir). No modo de Layout de página e de Visualizar impressão, as páginas são
apresentadas como serão impressas. No modo de Tópicos as quebras de página
automáticas não aparecem; as manuais são mostradas com os dizeres Quebra de página.
4.4.1 Inserir e remover quebras de página manuais
4.4.1.1 Inserir uma quebra de página manual
1º Colocar o ponto de inserção onde deve ser inserida a quebra de página.
2º No menu Inserir, selecionar Quebra (ver Figura 4.1).
3º Clicar o botão Ok.
4º O Word irá ajustar a paginação para acomodar a nova quebra de página. Uma
quebra de página manual também pode ser inserida pressionando-se as teclas Ctrl
+ Enter.
4.4.1.2 Remover uma quebra de página manual
1º No modo Normal, selecionar a quebra de página manual a ser excluída.
2º Pressionar a tecla Del ou Backspace.
4.4.2 Controlar a paginação
É possível especificar que as linhas de um parágrafo devem ser impressas juntas
ou em uma nova página. Também pode ser controlada a existência de linhas viúvas ou
órfãs (linhas únicas no topo ou na base de uma página).
4.4.2.1 Manter as linhas de um parágrafo juntas na página
1º Posicionar o ponto de inserção no parágrafo.
2º No menu Formatar, selecionar Parágrafo.
3º Clicar sobre a guia Quebras de linha e de página (ver figura a seguir):
65
Figura 4.1 – Caixa Parágrafo guia Quebras de linha e de página
4º Em Paginação, selecionar a caixa de verificação Manter linhas juntas.
5º Clicar o botão Ok.
Obs.: se houver uma quebra de página manual no parágrafo que deve ser mantida
intacta, esta deve ser removida em primeiro lugar.
4.4.2.2 Manter parágrafos juntos na página
1º Posicionar o ponto de inserção em qualquer parte do primeiro parágrafo.
2º No menu Formatar, selecionar Parágrafo.
3º Clicar sobre a guia Quebras de linha e de página (ver Figura 4.1).
4º Em Paginação, selecionar a caixa de verificação Manter com o próximo.
5º Clicar o botão Ok.
4.4.2.3 Imprimir determinado parágrafo no topo de uma página
1º Posicionar o ponto de inserção em qualquer parte do parágrafo.
2º No menu Formatar, selecionar Parágrafo.
3º Clicar sobre a guia Quebras de linha e de página (ver Figura 4.1).
4º Em Paginação, selecionar a caixa de verificação Quebrar página antes.
5º Clicar o botão Ok.
6º Para remover a quebra de página, desativar a caixa de verificação Quebrar página
antes.
4.4.2.4 Permitir linhas viúvas e órfãs
7º No menu Formatar, selecionar Parágrafo.
8º Clicar sobre a guia Quebras de linha e de página (ver Figura 4.1).
9º Em Paginação, destivar a caixa de verificação Controle de linhas viúvas/órfãs.
66
10º Clicar o botão Ok.
11º O Word permitirá que uma única linha seja impressa como primeira ou última
linha da página.
4.5 Cabeçalhos e rodapés
Cabeçalhos e rodapés são porções de texto ou um elemento gráfico que podem ser
impressos ou no topo da página (cabeçalhos) ou na sua base (rodapés).
Os cabeçalhos e rodapés podem ser diferenciados (para páginas ímpares e páginas
pares, por exemplo), impressos em todas ou somente a partir da segunda página do
documento ou, ainda, um cabeçalho ou rodapé diferente para cada seção do documento.
4.5.1 Inserir cabeçalhos ou rodapés
4.5.1.1 Criar um cabeçalho ou rodapé:
1º No menu Exibir, selecionar Cabeçalho e Rodapé. Será alterado o modo de exibição
de Normal para Layout de página e exibida a barra de ferramentas Cabeçalho e Rodapé
(ver figura a seguir).
Figura 4.1 – Barra de ferramentas Cabeçalho e Rodapé
2º Clicar o botão Alternar entre cabeçalho e rodapé para alternar entre a área do
cabeçalho ou do rodapé.
3º A área de cabeçalho/rodapé é delimitada por uma linha tracejada não imprimível.
O texto do documento fica visível mas não disponível.
Figura 4.2 – Área de inserção de cabeçalho ou rodapé
4º Caso deva ser exibido/ocultado o texto do documento, clicar o botão
Mostrar/ocultar texto do documento.
5º Seguir um ou mais procedimentos:
Tabela 4.1 – Opções da barra de ferramentas Cabeçalho e Rodapé
Para Fazer isto
Inserir texto Digitar o texto dentro da área tracejada
Inserir AutoTexto
Clicar o botão e
selecionar a variável de AutoTexto
desejada
Inserir Número da
página Clicar o botão
67
Para Fazer isto
Inserir Número de
páginas do documento Clicar o botão
Formatar a numeração
de páginas Clicar o botão
Inserir Data atual Clicar o botão
Inserir Hora atual Clicar o botão
Para configurar página Clicar o botão
Mostrar ou ocultar o
texto do documento Clicar o botão
Conectar/desconectar
cabeçalhos e/ou
rodapés
Clicar no botão
Alternar entre o
cabeçalho e o rodapé
Clicar o botão
Visualizar o
cabeçalho/rodapé
anterior
Clicar o botão
Visualizar o próximo
cabeçalho/rodapé Clicar o botão
Fechar a barra de
ferramentas e voltar
para o documento
Clicar o botão
Obs.: O texto do cabeçalho/rodapé pode ser formatado como qualquer outro texto.
6º Clicar o botão para voltar ao texto principal.
Dica: Estando no modo Layout de página, para alternar entre o texto principal e o do
cabeçalho/rodapé, basta dar um duplo clique na área correspondente.
4.5.2 Excluir um cabeçalho/rodapé
1º Posicionar o ponto de inserção na seção cujo cabeçalho/rodapé deva ser excluído.
2º No menu Exibir, selecionar Cabeçalho e Rodapé.
3º Selecionar o cabeçalho/rodapé a ser excluído e clicar Del ou Backspace.
4º Através dos botões Exibir próximo e Exibir anterior, é possível localizar o
próximo cabeçalho/rodapé a ser excluído.
5º Para voltar ao documento principal, clicar o botão Fechar ou dar um duplo
clique na área do texto principal.
Importante: Se o documento possuí várias seções, cada uma com um
cabeçalho/rodapé diferente e estes estiverem conectados, a exclusão
de um cabeçalho/rodapé acarretará a exclusão de todos.
68
4.5.3 Cabeçalho/rodapés e a configuração de página
O Word ajusta as margens superior e inferior do documento para acomodar os
cabeçalhos e rodapés. Entretanto, caso o texto do cabeçalho/rodapé a ser digitado seja
muito grande, poderá sobreescrever o texto principal.
Para evitar este problema, seguir os procedimentos abaixo:
1º Selecionar o comando Configurar Página, do menu Arquivo.
2º Selecionar a guia Margens.
3º Digitar uma medida absoluta (um hífen) antes das configurações de margem
Superior e Inferior.
4.5.4 Posicionar cabeçalhos e rodapés
É possível alterar o posicionamento de cabeçalhos e rodapés através do
alinhamento horizontal (à esquerda, centralizado, à direita ou com recuo deslocado) ou
pelo alinhamento vertical, onde será fixada uma distância maior ou menor da borda
superior ou inferior da página. Também é possível alterar a distância entre o cabeçalho
ou rodapé e o texto principal.
As áreas de cabeçalho/rodapé possuem pontos de tabulação prédefinidos (com
alinhamento à esquerda, centralizado e à direita); caso as margens sejam alteradas, estes
pontos de tabulação também devem ser ajustados.
4.5.4.1 Ajustar a posição horizontal de um cabeçalho/rodapé
1º No menu Exibir, selecionar Cabeçalho e Rodapé.
2º Localizar o cabeçalho/rodapé desejado através dos botões Exibir próximo ou
Exibir anterior.
3º Para posicionar o cabeçalho/rodapé, seguir um ou mais procedimentos:
Tabela 4.1 – Alinhamento de cabeçalho/rodapé
Para criar Fazer isto
Um cabeçalho/rodapé alinhado
à esquerda
Digitar o texto do
cabeçalho/rodapé
Um cabeçalho/rodapé
centralizado
Pressionar Tab uma vez e
digitar o texto
Um cabeçalho/rodapé alinhado
à direita
Pressiona Tab duas vezes e
digitar o texto
4º Clicar os botões de alinhamento na barra de ferramentas Formatação.
5º Arrastar os marcadores de recuo na régua.
69
4.5.4.2 Ajustar a posição vertical de um cabeçalho/rodapé
1º No menu Exibir, selecionar Cabeçalho e Rodapé.
2º Localizar o cabeçalho/rodapé desejado através dos botões Exibir próximo ou
Exibir anterior.
3º Clicar sobre o botão Configurar Página. Será apresentada a caixa Configurar
Página.
4º Selecionar a guia Margens (ver figura a seguir).
Figura 4.1 – Caixa Configurar Página guia Margens
5º Nas caixas Cabeçalho ou Rodapé, em A partir da margem, digitar ou selecionar a
distância entre a borda da página e o topo do cabeçalho ou a base do rodapé e
clicar Ok.
6º Para voltar ao documento, clicar o botão na barra de ferramentas Cabeçalho e
Rodapé.
4.5.4.3 Alterar a distância entre o texto do documento e o cabeçalho/rodapé
1º No menu Exibir, selecionar Cabeçalho e Rodapé.
2º Na barra de ferramentas Cabeçalho e Rodapé, clicar os botões Exibir anterior ou
Exibir próximo ou Alternar entre cabeçalho e rodapé para localizar o
cabeçalho/rodapé desejado.
3º Apontar para o limite da margem superior ou inferior na régua principal. Com o
ponteiro do mouse transformado em seta de duas pontas, seguir um dos
procedimentos abaixo:
Tabela 4.1 – Opções para espaçamento entre texto e cabeçalho/rodapé
Para Fazer isto
Aumentar/diminuir o espaço
entre o topo do texto e o
cabeçalho
Arrastar o limite da margem
superior para baixo ou para cima
Aumentar/diminuir o espaço
entre a base do texto e o rodapé
Arrastar o limite da margem inferior
para baixo ou para cima
70
4.5.5 Utilizar diferentes cabeçalhos e rodapés dentro do mesmo
documento
É possível aplicar um cabeçalho/rodapé somente na primeira página e outro
diferente nas demais ou, então, omitir o cabeçalho/rodapé da primeira página.
4.5.5.1 Criar um cabeçalho/rodapé diferente para a primeira página
1º No menu Exibir, selecionar Cabeçalho e Rodapé.
2º Clicar o botão Configurar Página, na barra de ferramentas Cabeçalho e Rodapé.
3º Selecionar a guia Layout (ver figura a seguir).
Figura 4.1 – Caixa Configurar Página guia Layout
4º Em Cabeçalho e Rodapé, selecionar a caixa Diferente na 1ª página e clicar Ok.
5º Se necessário, clicar o botão Exibir próximo ou Exibir anterior para mover até o
cabeçalho/rodapé da primeira página do documento ou seção.
6º Crie o cabeçalho/rodapé para a primeira página. Se quiser omití-lo, deixar a área
correspondente em branco.
7º Clicar os botões Exibir próximo e Alternar entre cabeçalho e rodapé para criar o
cabeçalho/rodapé para o restante do documento ou seção.
8º Clicar o botão .
4.5.5.2 Criar cabeçalhos/rodapés diferentes para páginas ímpares e pares
Este recurso é particularmente útil no caso de documentos impressos em ambos os
lados da folha ou que devem ser encadernados.
Seguir os procedimentos abaixo:
1º No menu Exibir, selecionar Cabeçalho e Rodapé.
2º Na barra de ferramentas Cabeçalho e Rodapé, clicar o botão Configurar Página.
3º Selecionar a guia Layout (ver a Figura 4.1).
71
4º Em Cabeçalho e Rodapé, selecionar a caixa Dif. págs. pares e ímpares e clicar OK.
5º Clicar os botões Exibir próximo ou Exibir anterior para mover até um
cabeçalho/rodapé par e criar um elemento para as páginas pares.
6º Clicar os botões Exibir próximo ou Exibir anterior para mover até um
cabeçalho/rodapé ímpar e criar um elemento para as páginas ímpares.
7º Clicar o botão Fechar para retornar ao documento principal.
4.5.5.3 Criar um cabeçalho/rodapé diferente para cada seção
Um documento pode ser dividido em uma ou mais seções, sendo que cada uma
destas seções pode ter sua formatação própria.
Quando um cabeçalho/rodapé é criado em uma das seções, será aplicado a todas
as outras seções, fazendo com que fiquem interconectados e uniformizando o
documento. Caso um cabeçalho/rodapé seja alterado, esta alteração será aplicada a todo
o documento.
Para modificar este padrão, seguir os procedimentos abaixo:
1º Posicionar o ponto de inserção na seção desejada.
2º No menu Exibir, selecionar Cabeçalho e Rodapé.
3º Clicar o botão Mesmo que a seção anterior para desconectar os
cabeçalhos/rodapés.
4º Para excluir um cabeçalho/rodapé, selecionar-o e pressionar Del ou Backspace.
5º Crie o novo cabeçalho/rodapé para a seção atual.
6º Repetir os passos 3 a 5 para criar cabeçalhos/rodapés diferentes para as outras
seções do documento.
7º Clicar o botão Fechar.
4.5.5.4 Reconectar um cabeçalho/rodapé ao anterior
1º Posicionar o ponto de inserção na seção desejada.
2º No menu Exibir, selecionar Cabeçalho e Rodapé.
3º Clicar o botão Mesmo que a seção anterior.
4º O Word solicitará confirmação sobre a exclusão do cabeçalho/rodapé atual e sua
conexão com o anterior. Responder Sim.
5º Clicar o botão Fechar.
72
4.6 Colunas tipo jornalístico
A aparência geral de um documento pode ser alterada utilizando-se, no todo ou
somente em parte dele, a formatação de colunas tipo jornalístico.
Para determinar a parte do documento que será formatada em colunas, deverá ser
usado o recurso das seções. Em cada seção o texto poderá ser formatado em um número
diferente de colunas.
Caso o documento não esteja dividido em seções, a formatação em colunas será
aplicada a todo o documento; caso contrário, o ponto de inserção deverá ser posicionado
na seção a ser formatada. A seção que deverá conter o texto em colunas poderá ser
criada, bastando, para isto, selecionar o texto que deverá ser colunado e alterá-lo para
colunas.
4.6.1 Criar colunas múltiplas
4.6.1.1 Criar colunas com larguras iguais usando a barra de ferramentas
Padrão
1º No modo de Layout de página, seguir um destes procedimentos:
Tabela 4.1 – Opções para formatar texto em colunas
Se Fazer isto
O documento possui somente uma
seção e deve ser todo ele
formatado em colunas
Posicionar o ponto de inserção
em qualquer ponto do
documento
O documento dever ser formatado
em colunas somente em parte
Selecionar o texto a ser
formatado em colunas
O documento possui mais de uma
seção
Posicionar o ponto de inserção
na seção a ser formatada em
colunas
2º Na barra de ferramentas Padrão, clicar o botão (Colunas). Com o mouse
pressionado, arrastar para direita a fim de selecionar o número de colunas. Soltar o
botão do mouse.
4.6.2 Criar uma manchete
É possível incluir uma manchete em um documento de colunas múltiplas.
1º Digitar o texto da manchete sobre a primeira coluna (esquerda) e pressionar Enter.
2º Selecionar o texto da manchete.
3º Clicar o botão Colunas e arrastar para selecionar uma única coluna.
4º Mantendo o texto selecionado, aplicar a formatação desejada (alinhamento, fonte
e tamanho de letras, etc).
73
4.6.3 Colunas e recuos de parágrafos
Quando se utiliza o recurso de colunas, o Word mantém a formatação dos
parágrafos; entretanto, os recuos estabelecidos para os parágrafos podem não ser
exibidos conforme o esperado.
Para remover os recuos, selecionar o texto ou posicionar o ponto de inserção no
parágrafo a ser modificado e arrastar o marcador de recuo, alinhando-o com o marcador
de coluna, na régua.
4.6.3.1 Exibir colunas múltiplas
O modo de exibição Normal mostra o texto em uma única coluna. Para visualizar
as colunas de jornal como elas serão impressas, alternar para o modo de Layout de página
ou Visualizar impressão.
4.6.4 Criar colunas de larguras diferentes
4.6.4.1 Criar duas colunas com larguras diferentes
1º No modo de Layout de página, seguir um dos procedimentos constantes na Tabela
4.1 – Opções para formatar texto em colunas.
2º No menu Formatar, selecionar Colunas (ver figura a seguir).
Figura 4.1 – Caixa Colunas de larguras diferentes
3º Em Prédefinidas, selecionar Esquerda ou Direita (esta opção permite estabelecer qual
a coluna mais estreita).
4º Para especificar medidas para as colunas com larguras diferentes, digitar ou
selecionar as medidas na caixa Largura e espaçamento.
5º Clicar o botão Ok.
74
4.6.4.2 Criar mais de duas colunas com espaçamento diferentes
1º No modo de Layout de página, seguir um dos procedimentos constantes na Tabela
4.1 – Opções para formatar texto em colunas.
2º No menu Formatar, selecionar Colunas (ver figura a seguir).
Figura 4.1 – Caixa Colunas
3º Na caixa Número de colunas, digitar ou selecionar o número de colunas desejado.
4º Desativar a caixa de verificação Colunas de mesma largura.
5º Em Largura e espaçamento, na caixa Largura ou na caixa Espaçamento, digitar ou
selecionar a medida desejada (a caixa Espaçamento ajusta o espaço para a direita
da coluna. A caixa Visualização mostra como as colunas serão exibidas na página).
6º Clicar o botão Ok.
Obs.: é possível, através do comando Colunas, no menu Formatar, especificar medidas
precisas para cada largura de coluna. Quando as colunas forem iguais, digitar
ou selecionar uma medida na caixa Espaçamento. Quando as larguras das
colunas forem diferentes, digitar ou selecionar a medida nas caixas Largura e
Espaçamento para cada coluna. Todas as outras medidas serão ajustadas
automaticamente.
4.6.5 Alterar a largura das colunas e o espaço entre elas
Modificar diretamente a largura e o espaço entre as colunas arrastando o marcador
de colunas na régua. Se as colunas tiverem larguras iguais, as larguras se alteram
igualmente. Se as colunas forem diferentes, somente a coluna ajustada será alterada.
4.6.6 Alterar o número de colunas
1º Colocar o ponto de inserção na seção a ser alterada.
2º Seguir um dos procedimentos abaixo:
75
Tabela 4.1 – Opções para modificar o número de colunas
Se Fazer isto
As larguras das colunas
forem iguais
Clicar o botão na barra de
ferramentas Padrão e arrastar para
selecionar outro número de colunas
As larguras das colunas
forem diferentes
Selecionar Colunas no menu
Formatar e digitar ou selecionar um
número na caixa Número de colunas
4.6.7 Adicionar linhas verticais entre colunas
Linhas verticais entre colunas servem para aumentar a ênfase e a clareza. Estas
linhas terão o comprimento da coluna mais longa.
4.6.7.1 Adicionar linhas verticais entre as colunas
1º No modo de Layout de página, posicionar o ponto de inserção na seção onde
deverão ser inseridas linhas verticais entre colunas.
2º No menu Formatar, selecionar Colunas.
3º Selecionar a caixa de verificação Linha entre colunas.
Figura 4.1 – Caixa Colunas com Linha entre Colunas
4º Clicar o botão Ok.
4.6.8 Controlar quebras de coluna
Quebra de coluna é o ponto onde termina uma coluna e começa a próxima. As
colunas são distribuídas uniformemente pela página, mas é possível inserir quebras em
qualquer ponto onde se deseja iniciar uma nova coluna. Através das quebras de colunas
é possível evitar que um elemento gráfico seja separado de um parágrafo ou fazer com
que dois parágrafos sejam mantidos juntos.
76
4.6.8.1 Inserir uma quebra de coluna
1º No modo de Layout de página, colocar o ponto de inserção onde deve ser iniciada a
nova coluna.
2º Seguir um destes procedimentos:
Tabela 4.1 – Opções para quebra de colunas
Fazer isto Ou isto
No menu Inserir, selecionar
Quebra.
Em Inserir, selecionar Quebra de
coluna.
Clicar o botão OK.
Pressionar as teclas Ctrl + Shift
+ Enter simultaneamente
4.6.8.2 Manter texto ou elementos gráficos juntos na coluna
1º No modo de Layout de página, selecionar o parágrafo ou elemento gráfico que
deverá ficar junto ao parágrafo que o segue.
2º No menu Formatar, selecionar Parágrafo.
3º Clicar a guia Quebras de linha e de página.
4º Em Paginação, selecionar a caixa de verificação Manter com o próximo.
5º Clicar o botão Ok.
4.6.9 Distribuir igualmente colunas em uma página
1º No modo de Layout de página, posicionar o ponto de inserção no final do texto nas
colunas a serem ajustadas.
2º No menu Inserir, selecionar Quebra.
3º Na caixa Quebras de seção, selecionar o botão da opção Contínua (ver Figura 4.1).
4º Clicar o botão Ok.
4.7 Inserir notas de rodapé ou notas de fim
As notas de rodapé e notas de fim explicam, comentam ou fornecem referências
sobre o texto de um documento. Pode-se incluir notas de rodapé e notas de fim em um
mesmo documento – por exemplo, pode-se usar notas de rodapé para comentários
detalhados e notas de fim para a citação de fontes. As notas de rodapé são exibidas no
final de cada página de um documento. Já as notas de fim normalmente são exibidas no
final de um documento.
Uma nota de rodapé ou nota de fim consiste em duas partes vinculadas – a marca
de referência de nota e o texto de nota correspondente. É possível numerar as marcas
automaticamente ou criar marcas personalizadas. Quando adicionar, excluir ou mover
notas que automaticamente numeradas, o Word fará a renumeração das marcas de
77
referências de notas.
É possível adicionar um texto de nota de qualquer tamanho e formatá-lo da
mesma forma que qualquer outro texto. Além disso, pode-se personalizar os separadores
de notas, isto é as linhas que separam o texto do documento do texto da nota.
4.7.1 Para inserir uma nota de rodapé ou uma nota de fim
1º Clicar no local onde deve ser inserida a marca de referência de nota.
2º No menu Inserir, clicar em Notas. Será apresentada a seguinte caixa de diálogo:
Figura 4.1 – Caixa Nota de rodapé e nota de fim
3º Clicar em Nota de rodapé ou Nota de fim.
4º Clicar em AutoNumeração para que o Word numere automaticamente as notas, ou
clicar em Personalizada para digitar uma marca personalizada de referência de
nota.
5º Caso selecionar Personalizada, clicar no botão Símbolo para inserir um caractere de
símbolo como uma marca de referência de nota personalizada.
6º O botão Opções ajusta o posicionamento de notas, define as opções de formatação
e numeração de notas, além de converter notas em notas de rodapé ou notas de
fim.
7º Clicar Ok.
8º Será aberto um painel para a digitação do texto da nota. Em seguida, clicar no
documento para voltar ou clicar no botão Fechar.
78
5 Criar tabelas
As tabelas são utilizadas para organizar informações e criar layouts de página com
colunas de texto e elementos gráficos lado a lado. A aparência destas tabelas pode ser
melhorada aplicando-se recursos tais como sombreamento e bordas.
Uma tabela compõe-se de linhas de colunas de caixas denominadas células. Estas
células podem ser preenchidas com texto ou elementos gráficos. Dentro de cada célula o
texto é dividido como entre margens de um documento: a célula se expande
verticalmente, ajustando-se à quantidade de texto digitado.
5.1 Criar e preencher tabelas
5.1.1 Criar uma tabela na barra de ferramentas Padrão
1º Posicionar o ponto de inserção onde deve ser criada a tabela.
2º Na barra de ferramentas Padrão, clicar o botão Inserir tabela .
3º Será apresentada uma grade logo abaixo do botão. Arrastar sobre a grade para
selecionar o número de linhas e colunas e liberar o botão do mouse.
Figura 5.1 – Criar tabelas com o mouse
4º A tabela será apresentada com linhas pontilhadas (não imprimíveis), formando as
células para digitação. O ponto de inserção será posicionado na primeira célula.
Figura 5.2 – Exemplo de uma tabela vazia
5.1.2 Criar uma tabela com o comando Inserir Tabela
1º Posicionar o ponto de inserção onde deve ser criada a tabela.
2º No menu Tabela, selecionar Inserir Tabela (ver figura a seguir).
79
Figura 5.1 – Caixa Inserir Tabela
3º Nas caixas Número de colunas e Número de linhas, digitar ou selecionar o número de
colunas e linhas desejado.
4º Clicar Ok.
5.1.3 Criar uma tabela com o comando Desenhar Tabela
1º No menu Tabela, selecionar Desenhar Tabela.
2º Será apresentada a barra de ferramentas Tabelas e bordas e o modo de visualização
será o de Layout da página.
3º O cursor se transformará em um lápis, quando poderá ser desenhada uma tabela
simplesmente arrastando o cursor e formando as linhas e colunas da tabela.
5.1.4 Movimentação dentro de uma tabela
A movimentação dentro de uma tabela pode ser feita via teclado (usando a tecla
Tab ou as teclas de direção) ou via mouse. Usando o mouse, basta clicar dentro da célula
desejada.
Para usar o teclado, selecionar uma das seguintes teclas:
Tabela 5.1 – Opções para movimentação em uma tabela usando o teclado
Para mover Pressionar
Para a próxima célula Tab
Para a célula anterior Shift + Tab
Um caracter para a frente è
Um caracter para trás ç
Para a linha seguinte ou anterior ê ou é
Para a primeira célula da linha
Alt + Home ou Alt + 7 no teclado
numérico (tecla NumLock desativada)
Para a última célula da linha
Alt + End ou Alt + 1 no teclado
numérico (tecla NumLock desativada)
Para a primeira célula da coluna
Alt + PgUp ou Alt + 9 no teclado
numérico (tecla NumLock desativada)
Para a última célula da coluna
Alt + PgDn ou Alt + 3 no teclado
numérico (tecla NumLock desativada)
80
5.1.5 Preencher tabelas com texto e elementos gráficos
Quando o Word insere uma tabela vazia, o ponto de inserção é posicionado na
primeira célula. O texto deve, então ser digitado, pressionando Enter para criar novos
parágrafos dentro desta célula.
5.2 Exibir linhas de grade, marcas de fim de célula e marcas
de fim de linha
O Word exibe linhas de grade pontilhadas entre as células de uma tabela,
permitindo assim, a visualização da célula atual.
Figura 5.1 – Exemplo de uma tabela
A marca de fim de célula identifica o fim do texto ou elemento gráfico dentro de
uma célula; a marca de fim de linha identifica o final de uma linha.
5.3 Converter texto em tabela ou tabela em texto
5.3.1 Converter texto existente em uma tabela
1º Se o texto ainda não contém caracteres de separação, deve-se adicioná-los antes
da conversão:
Tabela 5.1 – Opções para inserir caracteres de separação
Para Adicionar
Separar o conteúdo das
células dentro de uma
linha
Ponto e vírgula ou caracteres
de tabulação
Marcar o final das linhas Marcas de parágrafo
2º Selecionar o texto a ser convertido.
3º Seguir um destes procedimentos:
Tabela 5.2 – Opções para converter texto em tabela
Fazer isto Ou isto
Na barra de ferramentas Padrão,
clicar sobre o botão Inserir tabela
.
Para controlar como o Word
converte texto, a partir do menu
Tabela, escolher Converter Texto em
Tabela e, em seguida, completar este
procedimento.
81
4º O Word indica o número de colunas e linhas existentes na tabela, bem como a
largura das colunas e o caracter que as separa. Para alterar estas definições, seguir
um destes procedimentos:
Tabela 5.3 – Opções da caixa Converter Texto em Tabela
Para Seguir este procedimento
Especificar um número
de colunas diferente
Digitar ou selecionar o
número desejado na caixa
Número de colunas
Especificar uma largura
de colunas exata
Digitar ou selecionar a
largura desejada na caixa
Largura da coluna
Especificar um caracter
de separação diferente
Em Separar texto em,
selecionar a opção desejada
Aplicar um conjunto de
formatos prédeterminado
na tabela
Selecionar o botão
AutoFormatação e selecionar
o formato desejado
5º Clicar o botão Ok.
5.3.2 Converter uma tabela em parágrafos de texto
1º Selecionar as linhas que devem ser convertidas em parágrafos.
2º No menu Tabela, selecionar Converter Tabela em Texto (ver figura a seguir):
Figura 5.1 – Caixa Converter Tabela em Texto
3º Em Separar texto com, selecionar o caracter a ser utilizado para a separação do
texto e, em seguida, clicar o botão Ok.
5.4 Modificar tabelas
5.4.1 Selecionar células, linhas e colunas
Para selecionar texto em uma tabela usando o mouse ou o teclado, ver a Tabela
2.2 – Seleção de tabelas, na seção Selecionando texto.
5.5 Inserir células, linhas e colunas
Antes de inserir uma nova célula, linha ou coluna, é necessário selecionar uma
célula, linha ou coluna já existente. O Word insere uma nova linha acima da linha
82
selecionada, uma nova coluna à esquerda da coluna selecionada e uma nova célula na
posição especificada.
Caso seja necessário inserir mais de uma linha, coluna ou célula, selecionar, em
primeiro lugar, o número de linhas, colunas ou células a serem inseridas. Por exemplo,
se for necessário inserir três novas linhas, selecionar três linhas na tabela e, a seguir,
selecionar Inserir Linhas no menu Tabela.
5.6 Inserir células em tabelas
5.6.1 Adicionar células a uma tabela
1º Selecionar a(s) célula(s) ao lado do local onde deseja inserir a(s) nova(s) célula(s).
Selecionar um número igual ao das células a serem inseridas.
2º Seguir um destes procedimentos:
Tabela 5.1 – Opções para inserir células em uma tabela
Fazer isto Ou isto
Na barra de ferramentas Padrão,
clicar o botão Inserir células .
No menu Tabela, selecionar Inserir
Células.
3º Seguir um destes procedimentos:
Tabela 5.2 – Opções para inserir células em tabelas
Para Selecionar este botão de opção
Inserir novas células à esquerda das
células selecionadas
Mover célula para a direita
Inserir novas células acima das
células selecionadas
Mover célula para baixo
Inserir uma linha ou linhas Inserir linha inteira
Inserir uma coluna ou colunas Inserir coluna inteira
4º Clicar o botão Ok.
5.7 Inserir linhas em tabelas
5.7.1 Adicionar linhas a uma tabela
1º Selecionar a(s) linha(s) abaixo da posição onde deve(m) ser inserida(s) a(s)
nova(s) linha(s). Selecionar um número igual ao das linhas a serem inseridas.
2º Seguir um destes procedimentos:
Tabela 5.1 – Opções para inserção de novas linhas em uma tabela
Fazer isto Ou isto
Na barra de ferramentas Padrão,
clicar o botão Inserir linhas .
No menu Tabela, selecionar
Inserir Linhas
83
3º O Word insere uma linha ou linhas acima da(s) linha(s) selecionada(s).
Obs.: para adicionar uma linha no final de uma tabela, posicionar o ponto de inserção
na última célula da última linha e, em seguida, pressionar a tecla Tab. As
células da nova linha possuirão a formatação das células da linha anterior.
5.8 Inserir colunas em tabelas
5.8.1 Adicionar colunas em uma tabela
1º Selecionar uma coluna ou grupo de colunas à direita da posição onde deve(m) ser
inserida(s) nova(s) coluna(s). Selecionar um número igual ao das linhas a serem
inseridas.
2º Seguir um destes procedimentos:
Tabela 5.1 – Opções para inserir colunas em tabelas
Fazer isto Ou isto
Na barra de ferramentas Padrão,
clicar o botão Inserir colunas
.
No menu Tabela, selecionar
Inserir Colunas
3º O Word inserirá uma ou mais colunas à esquerda da(s) coluna(s) selecionada(s).
A tabela pode conter um máximo de 31 colunas.
Obs.: Para adicionar uma coluna à direita de uma tabela, selecionar todas as marcas
de fim de linha e, em seguida, clicar o botão Inserir colunas na barra de
ferramentas Padrão.
5.9 Excluír células, linhas e colunas
Para excluir texto ou elementos gráficos, proceder normalmente: selecionar o
texto ou o elemento gráfico a ser excluído e pressionar a tecla Del ou Backspace. Para
excluir células, linhas ou colunas, usar um dos procedimentos a seguir.
5.9.1 Excluir células em um tabela
1º Selecionar a(s) célula(s) a ser(em) excluída(s)
2º No menu Tabela, selecionar Excluir Células
3º Seguir um destes procedimentos:
Tabela 5.1 – Opções para exclusão de células
Para Selecionar este botão de opção
Mover células para esquerda
após excluir as células
selecionadas
Mover células para a esquerda
84
Para Selecionar este botão de opção
Mover células para cima após
excluir as células selecionadas
Mover células para cima
Excluir a(s) linha(s) Excluir linha inteira
Excluir a(s) coluna(s) Excluir coluna inteira
4º Clicar o botão Ok.
5.9.2 Excluir linhas ou colunas de uma tabela
1º Selecionar as linhas ou colunas a serem excluídas.
2º No menu Tabela, selecionar um destes procedimentos:
Tabela 5.1 – Opções para excluir linhas ou colunas
Para Selecionar
Excluir linhas Excluir Linhas
Excluir colunas Excluir Colunas
5.10 Mover e copiar células, linhas e colunas
5.10.1 Mover ou copiar células, linhas e colunas em uma tabela
1º Selecionar as células, linhas ou colunas que devem ser movidas ou copiadas.
2º Posicionar o ponteiro do mouse sobre a seleção e, quando o ponteiro apontar para
a esquerda, seguir um destes procedimentos:
Tabela 5.1 – Opções para mover ou copiar células, linhas ou colunas
Para Seguir este procedimento
Mover a seleção Arrastar-a para o novo local
Copiar a seleção
Mantenha pressionada a tecla Ctrl
enquanto arrasta a seleção
5.11 Largura da coluna, espaçamento e altura da linha
5.11.1 Modificar manualmente a largura de uma tabela
Pode-se modificar diretamente a largura das células selecionadas e/ou de colunas
inteiras usando os marcadores de coluna da tabela na régua ou as bordas da coluna.
Figura 5.1 – Tabela com marcadores de coluna na régua
85
Figura 5.2 – Tabela com ponteiro do mouse modificado
5.11.2 Alterar a largura da coluna de uma tabela
Seguir um destes procedimentos:
Tabela 5.1 – Opções para alterar a largura de uma coluna
Fazer isto Ou isto
Posicionar o ponteiro do
mouse sobre o limite
vertical da coluna a ser
ajustada.
Quando o ponteiro do
mouse alterar, arrastar o
limite da coluna para a
direita ou esquerda
Apontar para o marcador de
coluna na régua acima do
limite vertical da coluna a ser
ajustada e manter pressionado
o botão do mouse.
Em seguida, arrastar o
marcador de coluna para a
direita ou esquerdax
Quando se arrasta um limite de coluna ou um marcador de coluna, todas as
colunas da direita são redimensionadas proporcionalmente à sua largura original. A
largura geral da tabela não é alterada. Outras opções para ajustar larguras de colunas
são:
Tabela 5.2 – Ajustes para larguras de colunas
Para ajustar a coluna atual Manter pressionada
E uma coluna para a direita
(largura da tabela não altera)
A tecla Shift enquanto arrasta
E tornar todas as colunas para a
direita iguais (largura da tabela
não altera)
A tecla Ctrl enquanto arrasta
Sem alterar outras colunas
(largura da tabela altera)
Ctrl + Shift enquanto arrasta
5.11.3 Modificar automaticamente a largura de uma coluna
Para ajustar a largura das colunas depois de preenchida a tabela (texto e elementos
gráficos):
1º Selecionar a tabela.
2º No menu Tabela, selecionar Tamanho da Célula.
3º Selecionar a guia Coluna.
86
Figura 5.1 – Caixa Tamanho da Célula guia Coluna
4º Clicar o botão AutoAjuste.
5.11.4 Modificar o espaçamento entre colunas
É possível adicionar espaço em branco entre colunas para melhorar a legibilidade
da tabela (principalmente se não for usado o recurso das bordas).
5.11.5 Alterar o espaço entre as colunas
1º Posicionar o ponto de inserção na tabela.
2º No menu Tabela, selecionar Tamanho da Célula.
3º Selecionar a guia Coluna (ver Figura 5.1).
4º Na caixa Espaço entre colunas, digitar ou selecionar uma medida.
5º Clicar Ok (a largura da tabela será alterada completamente).
5.11.6 Modificar a altura da linha
A altura da linha de uma célula pode ser modificada em função do seu conteúdo,
incluindo o espaçamento do parágrafo (espaço antes ou depois do texto). Em princípio,
todas as linhas tem a mesma altura, mas é possível variar cada uma individualmente.
5.11.7 Alterar a altura da linha
1º Selecionar a(s) linha(s) a serem alteradas.
2º No menu Tabela, selecionar Tamanho da Célula.
3º Selecionar a guia Linha (ver figura a seguir):
87
Figura 5.1 – Caixa Tamanho da Célula guia Linha
4º Seguir um destes procedimentos:
Tabela 5.1 – Ajustes de altura de linhas
Para Selecionar
Ajustar a altura da linha para
acomodar textos e elementos
gráficos inseridos em qualquer
célula da linha
Automática, em Altura das
linhas
Especificar uma altura mínima
para a linha
Pelo menos em Altura das
linhas. Em seguida, digitar
ou selecionar um número na
caixa Em.
Especificar uma altura de linha
fixa
Exatamente em Altura de
linhas. Em seguida, digitar
ou selecionar um número na
caixa Em. Se o conteúdo da
célula ultrapassar a altura
fixa, o Word cortará o
conteúdo.
5º Para evitar que uma linha seja dividida em uma quebra de página, desativar a
caixa de verificação Permitir quebras de linhas entre páginas.
6º Clicar o botão Ok.
5.12 Dividir tabelas
Para inserir texto normal entre duas linhas de uma tabela, é possível dividi-la.
5.12.1 Dividir uma tabela
1º Posicionar o ponto de inserção na linha onde deve iniciar a nova tabela.
2º No menu Tabela, selecionar Dividir Tabela.
3º O Word inserirá uma marca de parágrafo formatada com o estilo Normal, entre as
partes da tabela. Para desfazer a divisão, eliminar a marca de parágrafo.
88
5.13 Formatar tabelas
5.13.1 Formatar o texto de uma tabela
A formatação de texto dentro de uma tabela funciona normalmente: pode-se usar a
barra de ferramentas Formatação, os comandos do menu Formatar ou a régua.
Entretanto, você se deve usar a tecla Tab para inserir um caracter de tabulação –
esta tecla serve para deslocar o ponto de inserção entre células.
5.13.2 Inserir um caracter de tabulação na tabela
1º Pressionar Ctrl + Tab.
5.14 Centralizar tabelas e alinhar linhas
5.14.1 Centralizar uma tabela e alterar seu alinhamento de linha
1º Selecionar a tabela inteira ou as linhas a serem alinhadas.
2º No menu Tabela, selecionar Tamanho da célula e, em seguida, a guia Linha (ver
Figura 5.1).
3º Seguir um destes procedimentos:
Tabela 5.1 – Opções para alinhamento de linhas
Para Seguir este procedimento
Centralizar uma tabela
Em Alinhamento, selecionar o
botão de opção Centralizado
Definir uma quantia exata
para um recuo a partir da
margem esquerda
Digitar ou selecionar um
número na lista Recuar a partir da
esquerda
Definir o alinhamento em
relação às margens da
página
Em Alinhamento, selecionar
Esquerda, Centralizado ou Direita
4º Clicar o botão Ok.
5.15 Criar títulos de tabela
5.15.1 Mesclar e dividir células
A partir da mesclagem de células de uma tabela, é possível criar um título que
ocupe várias colunas.
89
5.15.1.1 Mesclar células na mesma linha de uma tabela
1º Selecionar as células a serem mescladas. É possível selecionar mais de uma linha,
entretanto as células serão mescladas horizontalmente, apenas.
2º No menu Tabela, selecionar Mesclar Células.
3º O Word converterá o conteúdo de cada célula mesclada em parágrafos dentro da
célula combinada.
5.15.1.2 Dividir as células
1º Selecionar as células a serem divididas.
2º No menu Tabela, selecionar Dividir Células.
3º Na caixa de diálogo Dividir Células, aceitar o número de colunas que o Word
sugerir ou selecionar um número diferente.
4º Clicar o botão Ok.
5.15.1.3 Repetir os títulos das tabelas
1º Selecionar a(s) linha(s) de texto, iniciando com a primeira linha da tabela que
deve ser utilizada como título de tabela.
2º No menu Tabela, selecionar Títulos.
3º Se os títulos de uma tabela forem alterados, o texto será automaticamente
atualizado em todos os títulos repetidos.
4º O Word só repetirá títulos caso as tabelas tenham sido divididas por quebras de
página automáticas.
5.16 Aplicar bordas e sombreamento
As linhas de grade que dividem, na tela, as células de uma tabela não são
impressas. Para inserir linhas verticais e horizontais entre as células é necessário usar o
recurso de Bordas.
5.16.1 Adicionar bordas e sombreamento a tabela
1º Posicionar o ponto de inserção na tabela.
2º No menu Tabela, selecionar Auto Formatação de Tabela (ver figura a seguir).
90
Figura 5.1 – Caixa AutoFormatação de Tabelas
3º Na caixa Formatos, selecionar o tipo de borda e sombreamento desejados. Para
remover quaisquer bordas e sombreamento, selecionar Nenhum.
4º Em Formatos para utilizar e Utilizar formatos especiais na, selecionar quaisquer opções
desejadas.
5º Clicar o botão Ok.
Obs.: Também pode ser usado o comando Bordas e Sombreamento, do menu Formatar.
5.17 Classificar e numerar células
As células de uma tabela podem ser classificadas e numeradas, organizando as
variáveis em ordem alfabética ou numérica e por data. O Word utiliza a primeira coluna
como base para a ordenação.
5.17.1 Classificar informações
1º Selecionar as linhas ou itens da lista que devem ser classificados.
2º No menu Tabela, selecionar Classificar (ver figura a seguir). Se a seleção não for
uma tabela, o nome do comando será alterado para Classificar Texto.
Figura 5.1 – Caixa Classificar
3º Se existir um título que não deve ser classificado, selecionar o botão de opção
Possui linha de título em A lista.
4º Em Classificar por, selecionar um número de coluna, número de campo, parágrafo
ou nome.
91
5º Em Tipo, selecionar Texto, Número ou Data e selecionar o botão de opção Ascendente
ou Descendente.
6º Para utilizar colunas adicionais como base de classificação, repetir as etapas 4 e 5,
selecionando opções em Depois por para cada coluna.
7º Clicar o botão Ok.
5.17.2 Numerar as células de uma tabela
1º Selecionar as células a serem numeradas. Para numerar o inicio de cada linha,
selecionar somente a primeira coluna da tabela.
2º Na barra de ferramentas Formatação, clicar sobre o botão Numeração. O Word
exibirá a caixa de diálogo Numeração de Tabela.
Figura 5.1- Caixa Numeração de Tabela
3º Se foram selecionadas células em mais de uma linha e em mais de uma coluna,
seguir um destes procedimentos:
Tabela 5.1 – Opções para numerar linhas e colunas
Para numerar células Selecionar este botão de opção
Nas linhas, linha por linha Numerar linhas
Nas colunas, coluna por coluna Numerar colunas
4º Para inserir um número para cada parágrafo em cada célula, selecionar a caixa de
verificação Numerar cada célula apenas uma vez.
5º Clicar o botão Ok.
5.18 Tarefas especiais com tabelas
As tarefas especiais que podem ser executadas com tabelas são: cálculos,
importação de dados do Microsoft Excel, criar gráficos ou definir bancos de dados.
5.18.1 Executar cálculos em tabelas
O Word permite que sejam efetuadas somas, multiplicações, subtrações e
divisões, além do cálculo de médias, porcentagens e valores mínimos e máximos em
tabelas.
92
5.18.2 Somar uma linha ou coluna de números
1º Posicionar o ponto de inserção na célula onde deve ser exibida a soma.
2º No menu Tabela, selecionar Fórmula (ver figura a seguir).
Figura 5.1 – Caixa Fórmula
3º O Word analisará a tabela e proporá a fórmula adequada na caixa Fórmula. Caso
não seja possível determinar uma fórmula apropriada, um sinal de igualdade (=)
será inserido na caixa Fórmula. Deve-se, então, digitar ou selecionar a função
desejada.
4º Clicar o botão Ok.
5.18.3 Executar outros cálculos em uma tabela
1º Posicionar o ponto de inserção na célula onde deve se exibido o resultado.
2º No menu Tabela, selecionar Fórmula (ver Figura 5.1).
3º Caso você não se queira usar a fórmula proposta, deve-se excluí-la da caixa
Fórmula.
4º Para executar cálculos simples, envolvendo duas ou mais células, digitar as
referências das células juntamente com o sinal aritmético para adição, subtração,
multiplicação e divisão, conforme o caso.
5º Para calcular a média de células ou executar cálculos mais complicados,
selecionar uma função na caixa Inserir função.
6º Na caixa Fórmula, digitar entre os parênteses o intervalo das células a ser utilizado
no cálculo. Utilizar ponto e vírgula para separar referências de células individuais.
Designar um intervalo de células utilizando dois pontos para separar a primeira e
a última célula do intervalo.
Para calcular a
média destas
células
Digitar
=média(b:b) ou
=média(b1:b3)
=média(2:2) ou
=média(a2:c2)
=média(a1:b2)
=média(1:1,2:2) ou
=média(a1:c2)
93
Para calcular a
média destas
células
Digitar
=média(a1,a3,c2)
Figura 5.1- Exemplo de cálculos de médias
7º Em Formato do número, digitar ou selecionar um formato para os números. Por
exemplo, para exibir os números como uma percentagem decimal, selecionar
0,00%.
8º Clicar o botão Ok.
94
6 Índices
Para criar um índice analítico, primeiro é preciso aplicar os estilos de título
internos (Títulos 1 a 9) do Word aos tópicos que devem ser incluídos no índice analítico.
Depois de aplicar os estilos, escolhe-se um formato e cria-se o índice analítico final.
Quando um índice analítico é criado, o Word pesquisa títulos com os estilos
especificados, classifica-os por nível de título, cria referências aos números de página e
exibe o índice analítico no documento.
Após a criação do índice analítico, é possível usá-lo para navegar rapidamente por
um documento on-line. Basta clicar em qualquer número de página do índice analítico
para ir para o título correspondente no documento.
6.1 Criar e formatar um índice analítico usando estilos de
títulos internos
1º No documento, aplicar estilos de títulos internos (Títulos 1 a 9) aos títulos que
devem ser incluidos no índice analítico.
2º Clicar no local onde deve ser inserido o índice analítico.
3º No menu Inserir, clicar em Índices e na guia Índice analítico. Ver figura a seguir.
Figura 6.1 – Caixa Índices
4º Para usar um dos formatos disponíveis, selecioná-lo em Formatos. Na caixa
Visualização será apresentado o formato de índice selecionado.
5º As caixas de verificação Exibir números de página e Alinhar nºs de página à direita
devem ser selecionadas para a correta formatação do índice.
6º A caixa Mostrar níveis em geral está configurada até o nível 3 para o índice (é o
usual); entretanto, pode exibir até 9 níveis.
7º A caixa Preenchimento mostra as diferentes opções para preenchimento do espaço
entre o tópico relacionado no índice e o número de página.
95
6.2 Inserir legendas
Pode-se adicionar uma legenda (tanto automática como manualmente) a uma
tabela, figura, equação ou outro item.
6.2.1 Adicionar uma legenda a uma tabela, figura, equação ou outro
item existente
1º Selecionar o item ao qual deve-se adicionar uma legenda.
2º No menu Inserir, clicar em Legenda (ver Figura 6.1).
3º Selecionar as opções desejadas.
4º Clicar Ok.
Obs.: As legendas são inseridas como campos. Se for exibida uma entrada
semelhante a {SEQ Tabela \* ARABIC} em vez do texto, isso significa que
estão sendo exibidos códigos de campo em vez de resultados de campo. Para
exibir os resultados de campo, clicar o botão direito do mouse no código de
campo e clicar em Alternar códigos de campo no menu de atalho.
6.2.2 Adicionar automaticamente legendas a tabelas, figuras,
equações ou outros itens ao inseri-los
1º No menu Inserir, clicar em Legenda. Ver figura a seguir.
Figura 6.1 – Caixa Legenda
2º Clicar em AutoLegenda. Ver figura a seguir.
96
Figura 6.2 – Caixa AutoLegenda
3º Na lista Adicionar legenda ao inserir, selecionar os itens aos quais o Word deve
inserir legendas.
4º Selecionar as opções desejadas.
5º Clicar Ok.
Obs: As legendas passarão a ser inseridas automaticamente quando for adicionado o
tipo de item selecionado na lista Adicionar legenda ao inserir.
6.2.3 Formatar a numeração de legendas
6º No menu Inserir, clicar em Legenda (ver Figura 6.1).
7º Clicar o botão Numeração (ver figura a seguir).
Figura 6.1 – Caixa Numeração de legenda
8º Para incluir a numeração de capítulo clicar a caixa de verificação Incluir número do
capítulo.
9º Selecionar o estilo (normalmente é o Título 1) que inicia um novo capítulo na caixa
Capítulo inicia com estilo.
10º Selecionar o separador desejado na caixa Usar separador.
11º Clicar Ok.
As legendas podem ser aplicadas a figuras, tabelas ou equações (conforme
mostradas nas figuras a seguir). De acordo com normas pré-estabelecidas, a legenda
pode ser inserida acima do item (no caso de equações e tabelas) ou abaixo do item (no
caso de figuras).
97
Figura 6.2 – Caixa Legenda, opção Equação
Figura 6.3 – Caixa Legenda, opção Figura
Figura 6.4 – Caixa Legenda, opção Tabela
6.3 Criar referências cruzadas
1º No documento, digitar o texto introdutório que inicia a referência cruzada. Por
exemplo, digitar “Para obter maiores informações, consultar”.
2º No menu Inserir, clicar em Referência cruzada. Ver figura a seguir:
98
Figura 6.1 – Caixa Referência cruzada
3º Na caixa Tipo de referência, clicar no tipo de item ao qual deseja fazer referência –
por exemplo, um título de capítulo ou tabela.
4º Na caixa Inserir referência para, clicar nas informações a serem inseridas no
documento – por exemplo, um título de cabeçalho.
5º Na caixa Para qual legenda, clicar no item específico ao qual se deseja fazer
referência. Por exemplo, se clicar em Título na caixa Tipo de referência e o
documento tiver seis títulos, clicar no título ao qual deseja fazer referência.
6º Clicar em Inserir. Em seguida clicar em Fechar.
Obs.:· Se for exibida uma entrada semelhante a {REF _Ref249586 \*
MERGEFORMAT} em vez do texto, isso significa que o Word está exibindo
códigos de campo em vez de resultados de campo. Para exibir resultados de
campo, clicar o botão direito do mouse no código de campo e clicar em Alternar
códigos de campo no menu de atalho.
7º Para permitir que os leitores pulem para o item ao qual é feita referência no
mesmo documento, marcar a caixa de seleção Inserir como hyperlink. Se o item ao
qual se deseja fazer referência estiver localizado em outro documento, os dois
documentos devem fazer parte de um documento mestre.
6.4 Atualizar os campos
Quando se utiliza o recurso de campos, tais como numeração de títulos, legendas,
referências cruzadas e índices, é possível atualizá-los a qualquer momento. Para isto:
1º Selecionar todo o documento.
2º Selecionar, no menu Editar, o comando Selecionar tudo ou, simplesmente,
pressionar as teclas Ctrl + T simultaneamente.
3º Pressionar a tecla de função F9. Será apresentada uma caixa de diálogo como a
seguir:
99
Figura 6.1 – Caixa Atualizar índice analítico
4º Clicar o botão de rádio Atualizar o índice inteiro e clicar Ok. O índice será atualizado.
5º Caso legendas tenham sido aplicadas a figuras, em seguida será apresentada uma
caixa de diálogo semelhante à abaixo:
Figura 6.2 – Caixa Atualizar índice de figuras
6º Repetir o procedimento do item 3.
7º Da mesma forma, se existirem tabelas e equações com legendas associadas, será
apresentada a mesma caixa de diálogo da Figura 6.2. Repetir o procedimento do
item 3 para cada tipo de atualização.
Obs.: é importante salientar que, quando os índices de figuras, tabelas e equações
estão sendo atualizados, a caixa de diálogo apresentada é sempre a mesma (a
da Figura 6.2).
100
Bibliografia
Word Processing Program for the Macintosh, Apple Macintosh Series. Version 5.0,
Microsoft Word User´s Guide, Microsoft Corporation, 929 pp.
Microsoft Word para Windows, Guia do Usuário, Versão 6.0, Sistema DOS, Microsoft
Corporation, 863 pp.
Exame Informática, Editora Abril, ano 9, nº 99, junho de 1994, pp. B44-B45
JACQUES, Eunice B. Um duende na calçada, CLT Editora Cultural, 1993, 120 pp.
SOUTO, M.A.M., LIVI, M.A.C., MEDERO, I.M. Microsoft Word para Macintosh –
material do aluno, versão 01. UFRGS, Instituto de Informática, Setembro de 1994.
MEIRELLES, F. S. Informática: Novas Aplicações com Microcomputadores. 2ª Edição.
São Paulo. Mackron Books, 1994.
MALONEY, Eric & NOSSITER, Joshua C. Usando Word para Windows 95. Rio de
Janeiro: Campus, 1996. (Usando: O Guia Amigável)
MICROSOFT Corporation. Microsoft Word 97. Ajuda on-line.
Microsoft Word for Windows 95. Passo a Passo. Catapult Inc. Rio de Janeiro: Makron
Books, 1996.
RAMALHO, José Antônio Alves. Word 7 e Internet Assistant. São Paulo: Makron
Books, 1997
101
ATIVIDADES PRÁTICAS
102
7 Atividade Prática
Objetivos
· Criar um documento
· Eliminar texto
· Marcar texto
· Alterar texto por substituição
· Liberar texto marcado
· Inserir texto
· Unificar parágrafos
· Criar novos parágrafos
· Movimentar texto
· Salvar o documento
· Imprimir o documento
103
7.1 Atividade Prática
1 Ligar seu PC.
1.1 Ativar o Word. Será, então, mostrada a tela de abertura com informações sobre a
versão e licenciamento desta cópia.
1.2 Em seguida, será mostrada a janela de edição do Word.
1.3 Digitar ou abrir o primeiro arquivo, chamado Ataque Solerte, e começar a
trabalhar.
1.4 Atenção: observar as seguintes recomendações iniciais:
1.4.1 Verificar se o ponto de inserção está localizado no canto superior esquerdo da
janela de edição. Este traço vertical piscante quer dizer que, a partir dele será
inserido o texto digitado. Ao mesmo tempo, poderá ser visualizado um traço
horizontal, indicando o final do documento. Este traço será deslocado durante a
digitação e não poderá ser apagado.
1.4.2 Não pressionar a tecla Enter no final de cada linha a não ser nos seguintes
casos:
• a linha digitada é um título ou subtítulo,
• ou final de parágrafo.
1.4.3 Caso contrário, o Word não conseguirá fazer a reformatação automática de
parágrafos, que é o recurso de iniciar uma nova linha sempre que se atingir a
margem direita do documento. Este recurso também age sempre que se apagar
ou inserir caracteres, palavras ou frases, além de alterações em margens e
alinhamentos.
1.5 Os eventuais erros de digitação são propositais. A formatação do texto será visto
posteriormente.
1.6 O texto a ser trabalhado foi extraído do livro “ Um duende na calçada”, de Eunice
Jacques, publicado pela CLT Editora Cultural, 1993, 120 p.
1 Ataque solerte
2 Amiga me contou que, na casa dela, entraram certa noite em formação de quadrilha e
3 em número só comparado em número número às aeronaves existentes naqueles filmes
4 sobre as belezas de guerra que Holywood costumava fazer. A baterias antiaérea
5 detonada por ela e pelo maridinho – alucinadas salvas de palmas e petardos – funcionou
6 mas não completamente. Semanas depois apareceram os primeiros invasores, e logo
7 embaixo da mesa da saala.
1.7 Efetuar as alterações a seguir:
1.8 Eliminação de texto
1.8.1 Posicionar o ponto de inserção na 3ª linha do texto (1º parágrafo), logo após a
letra “o” da palavra número (terceira ocorrência). Pressionar a tecla Backspace
até apagar a palavra repetida.
104
1.8.2 Da mesma maneira, eliminar a letra “s” da palavra “bateria”, localizada na 4ª
linha do texto e a letra “a” excedente na palavra “sala” na última linha do
parágrafo.
1.9 Alteração de texto por substituição
1.9.1 Marcar o texto a ser substituído (usar as técnicas para seleção de texto descritas
na apostila). No caso, selecionar a palavra “número” (1ª ocorrência).
1.9.2 Em seguida, digitar “quantidade”. A palavra “número” será substituída pela
recém digitada.
1.9.3 Da mesma maneira descrita acima, substituir as palavras “às aeronaves” por
“aos aviões” e “maridinho” por “maridão”.
1.10 Liberação de texto marcado
1.10.1 Para liberar, isto é, desmarcar um texto, basta clicar em qualquer parte do
documento ou, então, selecionar outro texto.
1.11 Inserção de texto
1.11.1 Dentre as alterações de texto consideradas, tem-se a inserção que nada mais é
do que acrescentar texto ao já existente.
1.11.2 Posicionar o ponto de inserção logo após a palavra “petardos” na 5ª linha e
digitar “de jornalaços”. Não esquecer de inserir um espaço em branco (através
da barra de espaço) entre o novo texto e o anterior.
1.11.3 Da mesma maneira, inserir “resquícios dos” exatamente antes da palavra
“invasores” na 7ª linha do parágrafo original.
1.11.4 Assim, não esquecer que, sempre que forem digitados sinais gráficos como
ponto, vírgula, ponto-e-vírgula, ponto de exclamação ou de interrogação, estes
devem ser inseridos imediatamente após o texto. Também deve ser deixado um
espaço em branco entre os sinais acima descritos e o texto que segue.
1.12 Primeiro parágrafo corrigido
1.12.1 O primeiro parágrafo corrigido deve ficar com a seguinte aparência:
Ataque solerte
Amiga me contou que, na casa dela, entraram certa noite em formação de quadrilha e
em quantidade só comparada em número aos aviões existentes naqueles filmes sobre as
belezas de guerra que Hollywood costumava fazer. A bateria antiaérea detonada por ela
e pelo maridão – alucinadas salvas de palmas e petardos de jornalaços – funcionou mas
não completamente. Semanas depois apareceram os primeiros resquícios dos invasores,
e logo embaixo da mesa da sala.
1.13 Digitação do segundo parágrafo
8 No meu caso o ataque foi mais solerte (essa palavra não se ajusta ao caso, com
9 precisão?). Não tenho idéia de quando nem como ocorreu a invasão, e um dia,
10 distraidamente, observei que havia um buraquinho na caixa que protege a persiana, mas
11 vagamente pensei que deveria ser cansaço do material, que a gente sempre acha um
12 termo desses quando não quer considerar um assunto.
105
13 Foi a minha secretária executiva que resolveu fazer o anúncio formal: “Tem cupim no
14 seu quarto”.
1.14 Efetuar as alterações solicitadas
1.15 Eliminar texto
1.15.1 Eliminar as palavras “nem como” da 9ª linha de texto.
1.16 Alteração por substituição
1.16.1 Substituir “cansaço” por “fadiga”, na 11ª linha do parágrafo.
1.17 Inserção de texto
1.17.1 Inserir a palavra “arguta” antes da palavra “secretária” na 13ª linha do texto.
1.18 Unificação de parágrafos
1.18.1 Para unificar dois parágrafos, basta posicionar o ponto de inserção no início do
segundo parágrafo e pressionar a tecla Backspace até juntar os dois parágrafos.
1.18.2 Posicionar o ponto de inserção antes de “Foi a minha…”, na 13ª linha e
pressionar Backspace até unir os dois parágrafos. Não esquecer de deixar um
espaço em branco logo após a frase que termina por “… um assunto” e a frase
que inicia por “Foi a minha…”.
1.19 Segundo parágrafo corrigido
No meu caso o ataque foi mais solerte (essa palavra não se ajusta ao caso, com
precisão?). Não tenho idéia de quando ocorreu a invasão, e um dia, distraidamente,
observei que havia um buraquinho na caixa que protege a persiana, mas vagamente
pensei que deveria ser fadiga do material, que a gente sempre acha um termo desses
quando não quer considerar um assunto. Foi a minha arguta secretária executiva que
resolveu fazer o anúncio formal: “Tem cupim no seu quarto”.
1.20 Digitação do terceiro parágrafo
15 E lá fui eu olhar o indício de tão insólitos e numerosos companheiros de morada:
16 estavam lá, aqueles farelinhos todos, que eu não sei se representam restos de freqüentes
17 banquetes dos bichinhos ou cocozinho deles, que deve existir em quantidade pela
18 voracidade da espécie. E pedi ajuda familiar, porque parentes também servem para estas
19 coisas. De um lado veio o produto e a seringa. De outro, o primo para a operação
20 “Cupinzada te apronta que lá vamos nós”.
1.21 Efetuar as alterações propostas
1.22 Eliminação de texto
1.22.1 Eliminar as palavras “e numerosos”, antes de “companheiros”, na linha 15.
1.23 Alteração por substituição
1.23.1 Substituir “dos bichinhos” por “da bicharada”, antes de ‘ou cocozinho…”, na
linha 17 do parágrafo original.
1.24 Inserção de texto
1.24.1 Inserir “justamente” antes de “pela voracidade…”, na linha 18 do parágrafo
original.
106
1.25 Terceiro parágrafo corrigido
E lá fui eu olhar o indício de tão insólitos companheiros de morada: estavam lá, aqueles
farelinhos todos, que eu não sei se representam restos de freqüentes banquetes da
bicharada ou cocozinho deles, que deve existir em quantidade justamente pela
voracidade da espécie. E pedi ajuda familiar, porque parentes também servem para estas
coisas. De um lado veio o produto e a seringa. De outro, o primo para a operação
“Cupinzada te apronta que lá vamos nós”.
1.26 Digitação do quarto parágrafo
21 Na verdade, foi ele e a sua enorme paciência, que eu preferi me dedicar a outras
22 atividades. Apenas recomendei que caprichasse, porque estava ouvindo as risadas
23 durante a sua comilança e de tal forma que eu achava que eles já estavam extraindo o
24 metanol da madeira – o barulho, juro, era de cupim no porre.
1.27 Efetuar as alterações propostas.
1.28 Eliminação de texto
1.28.1 Eliminar a palavra “enorme”, antes de “paciência’, na linha 21.
1.29 Alteração por substituição
1.29.1 Substituir “atividades”, na linha 22 (do parágrafo original) por “amenidades”.
1.30 Inserção de texto
1.30.1 Inserir “dos bichinhos” na linha 23 (do parágrafo original), antes da palavra
“durante…”.
1.31 Quarto parágrafo corrigido
Na verdade, foi ele e a sua paciência, que eu preferi me dedicar a outras amenidades.
Apenas recomendei que caprichasse, porque estava ouvindo as risadas dos bichinhos
durante a sua comilança e de tal forma que eu achava que eles já estavam extraindo o
metanol da madeira – o barulho, juro, era de cupim no porre.
1.32 Criação de novos parágrafos
1.32.1 Para criar novos parágrafos de texto, basta posicionar o ponto de inserção no
final do último parágrafo digitado, pressionar Enter duas vezes para deixar uma
linha em branco entre um parágrafo e outro e iniciar a digitação.
1.32.2 Posicionar o ponto de inserção logo após o ponto final do segundo parágrafo
(termina por “…no seu quarto”), pressionar Enter e começar a digitar o novo
parágrafo.
25 – Estás brincando…
1.32.3 Repetir o procedimento, inserindo o próximo parágrafo antes daquele que
inicia por “Na verdade…”
26 O primo de que vos falo caprichou. Tenho convicção de que não existe nenhum
27 daqueles invisíveis animaizinhos partilhando meu quarto. Pois sinal, o quarto correu o
28 risco de não ser partilhado por ninguém no curto prazo porque o cheiro do tal produto
29 quase terminou comigo. Resisti de vergonha e susto. Já pensaram um necrológio com
107
30 um título informativo como “Jornalista morre durante extermínio de cupins” ou, pior,
31 “Cheiro mata cronista, mas cupins resistem”?
1.33 Movimentação de texto
1.34 No texto digitado, “Ataque Solerte”, os dois últimos parágrafos estão fora de
ordem. Ver a seqüência correta abaixo:
1º parágrafo: “Amiga me contou…”
2º parágrafo: “No meu caso…”
3º parágrafo: “- Estás brincando…”
4º parágrafo: “E lá fui eu…”
5º parágrafo: “Na verdade…”
6º parágrafo: “O primo de que vos falo…”
1.35 Serão utilizados os recursos para movimentação de textos, os comandos Recortar e
Colar. Estes recursos são aplicados em três etapas.
1.35.1 Na primeira etapa, selecionar o parágrafo a ser movido. Neste caso, é o
parágrafo que inicia por “O primo…”.
1.35.2 Na segunda etapa, selecionar, no menu Editar, o comando Recortar ou pressionar
o botão da tesoura na barra de ferramentas ou, usando o teclado, pressionar as
teclas Ctrl + X simultaneamente. Observar que o texto marcado desaparecerá,
sendo transferido para a área de transferência (clipboard) à espera de ser
levado para seu local definitivo.
1.35.3 Na última etapa, inserir o texto recortado na posição correta. Neste caso,
posicionar o ponto de inserção logo após o último caracter do parágrafo que
inicia por “Na verdade…”, e pressionar Enter duas vezes. No menu Editar,
selecionar Colar ou pressionar as teclas Ctrl + V simultaneamente ou, ainda,
pressionar o botão correspondente na barra de ferramentas.
1.35.4 Estas três etapas fizeram a movimentação de uma porção de texto de um ponto
do seu documento para outro, sem a necessidade de redigitação. Na realidade,
as operações realizadas são as mesmas do tipo recortar e colar que seriam
executadas manualmente.
1.36 Salvamento do documento
1.36.1 Certificar-se que o disco está inserido corretamente no drive.
1.36.2 Acionar o comando para salvamento conforme visto na apostila.
1.36.3 Atenção: selecionar corretamente a unidade de disco A:, caso contrário, o
trabalho não será armazenado no disquete, pois não é aconselhável a gravação
das atividades no disco rígido dos equipamento dos laboratórios!
1.36.4 A partir desta etapa, para salvar o documento, é só pressionar o ícone
correspondente a um disquete, na barra de ferramentas.
1.37 Impressão do documento
1.37.1 Imprimir uma versão do seu trabalho pronto, incluindo, logo abaixo do texto, o
nome e número de matrícula e entregar para o professor.
108
1.37.2 Para imprimir o trabalho, seguir os procedimentos constantes no item
Imprimindo um documento.
1.38 Encerramento do Word
1.38.1 Logo após salvar e imprimir o trabalho, encerrar a sessão no Word,
selecionando, no menu Arquivo, a opção Sair ou
1.38.2 Pressionar as teclas Alt + F4 simultaneamente. Caso o documento não tenha sido
salvo, o Word emitirá uma mensagem de aviso. Se isto acontecer, refazer os
procedimentos de salvamento constantes no item Salvando um documento e
só, então, encerrar a execução do Word.
109
8 Atividade Prática
Objetivos
· Formatação de caracteres
· Alteração de fontes e tamanho de caracteres
· Efeitos sobre os caracteres (negrito, itálico, sublinhado, sobrescrito, subscrito)
· Símbolos especiais
· Maiúsculas e minúsculas
110
8.1 Atividade Prática
1 Ligar o PC.
1.1 Ativar o Word. Será, então, mostrada a tela de abertura com informações sobre a
versão e licenciamento desta cópia.
1.2 Em seguida, será mostrada a janela de edição do Word.
1.3 Abrir o segundo documento a ser trabalhado: Palavras ou digitar, de acordo com
os procedimentos descritos na Atividade Prática I.
1.4 Atenção: observar as seguintes recomendações iniciais:
1.4.1 Verificar se o ponto de inserção está localizado no canto superior esquerdo da
janela de edição. Este traço vertical piscante quer dizer que, a partir dele será
inserido o texto digitado. Ao mesmo tempo, poderá ser visualizado um traço
horizontal, que indica o final do documento e que não pode ser eliminado.
1.4.2 O texto foi extraído da crônica “Jogo de Palavras”, da Jornalista Eunice
Jacques, publicado no Segundo Caderno de Zero Hora, dia 13 de março de
1995.
jogo de palavras
Hoje estou com vontade de brincar com as palavras. Talvez porque meu coração ande
desejoso de criar algumas bem novas, jamais ditas, nunca descobertas. Ou quem sabe,
porque ele se sinta tão novo, ouvinte incansável das mesmas palavras que ama escutar e
que são reinauguradas a cada vez. Não sei ao certo. E nem quero saber certezas
irrecorríveis e transitadas em julgado. O que me apetece, agora, são as palavras que
desejaria transformar em jogos, em truques, em charadas, em gamões, em canastras, em
redes e em tacos, em bolas e em petecas. Em cordas.
Sim, vou buscar uma corda rosa-ruiva que reservei recentemente e recolhi da rua, ou da
rótula – receio recordas com reticências… Com ela, elejo o efeito: saltarei, satisfeita,
sinhazinha sapeca seqüestrando a saia para saltar, salt-ar, salTar, e sendo a sensação de
saíra de sete sentidos, sem sofreguice senão a de saltar sandiamente. Sorrindo.
Depois, decerto derreada, decidirei por dados. Declinarei desejos, darei deo-gratia pelas
dádivas: pegarei a pelota pequena e peluda para um paddle no paredão. “Pára, pé!”,
permitirei a própria pronúncia, pedindo paciência. O pé perigoso perseguirá a pelota
para proporcionar-se prazer. Com bendição, a bola baterá no batente, bandeando-se a
bombordo, bem bonita. Bambaleará no balaústre do barco, banzada, balouçando como
bandeira brevemente. Bravo!, berrarei antes do basta.
1.5 Salvar o texto (sugestão: Palavras). Qualquer dúvida, consultar o item Salvar um
documento.
1.6 Trabalhar o título
1.6.1 Selecionar o título.
1.6.2 Trocar o tamanho da fonte para 24.
1.6.3 Trocar a fonte de letra para Arial.
1.6.4 Aplicar o efeito negrito.
111
1.6.5 Trocar as iniciais minúsculas por maiúsculas (selecionar o comando
Maiúsculas/Minúsculas do menu Formatar). Desmarcar o título.
1.7 Trabalhar o texto
1.7.1 Separar o título do resto do texto posicionando o ponto de inserção após a
última letra do título e pressionando uma vez a tecla Enter.
1.7.2 Selecionar o texto (exceto o título) e trocar a fonte de letra (escolher qualquer
uma, o padrão é Times New Roman), trocando, também o seu tamanho para
14.
1.7.3 Desmarcar o texto.
1.8 Aplicar efeitos
1.8.1 Selecionar a palavra “Sorrindo” (última palavra do 2º parágrafo).
1.8.2 Clicar no efeito sublinhado na barra de formatação ou selecionar na caixa
Fonte, menu Formatar.
1.8.3 Desmarcar a palavra.
1.8.4 Selecionar a expressão “deo-gratia” no 3º parágrafo e aplicar o efeito itálico.
1.8.5 Desmarcar a expressão.
1.8.6 Selecionar a palavra “paddle” (no 3º parágrafo) e, novamente, aplicar o itálico.
1.8.7 Desmarcar a palavra.
1.9 Símbolos Especiais
1.9.1 Deixar uma linha em branco logo após o último parágrafo.
1.9.2 Digitar uma linha inteira de símbolos especiais disponíveis nas fontes Symbol
ou Wingdings, na caixa Símbolo do menu Inserir (no exemplo foi escolhido um
disquete). Para repetir, selecionar o símbolo escolhido, clicar o botão Copiar e,
em seguida, clicar o botão Colar ou pressionar as teclas Ctrl + V repetidamente
até preencher toda a linha.
1.10 Salvar texto
1.10.1 Salvar mais uma vez o texto.
1.10.2 Atenção: certificar-se da seleção correta da unidade de disco A:, caso contrário,
o trabalho não será armazenado no disquete, pois não é aconselhável o
armazenamento de trabalhos no disco rígido dos equipamento dos laboratórios!
1.11 Aparência do texto
Jogo De Palavras
Hoje estou com vontade de brincar com as palavras. Talvez porque
meu coração ande desejoso de criar algumas bem novas, jamais
ditas, nunca descobertas. Ou quem sabe, porque ele se sinta tão
novo, ouvinte incansável das mesmas palavras que ama escutar e
que são reinauguradas a cada vez. Não sei ao certo. E nem quero
112
saber certezas irrecorríveis e transitadas em julgado. O que me
apetece, agora, são as palavras que desejaria transformar em
jogos, em truques, em charadas, em gamões, em canastras, em
redes e em tacos, em bolas e em petecas. Em cordas.
Sim, vou buscar uma corda rosa-ruiva que reservei recentemente e
recolhi da rua, ou da rótula – receio recordas com reticências… Com
ela, elejo o efeito: saltarei, satisfeita, sinhazinha sapeca
seqüestrando a saia para saltar, salt-ar, salTar, e sendo a sensação
de saíra de sete sentidos, sem sofreguice senão a de saltar
sandiamente. Sorrindo.
Depois, decerto derreada, decidirei por dados. Declinarei desejos,
darei deo-gratia pelas dádivas: pegarei a pelota pequena e peluda
para um paddle no paredão. “Pára, pé!”, permitirei a própria
pronúncia, pedindo paciência. O pé perigoso perseguirá a pelota
para proporcionar-se prazer. Com bendição, a bola baterá no
batente, bandeando-se a bombordo, bem bonita. Bambaleará no
balaústre do barco, banzada, balouçando como bandeira
brevemente. Bravo!, berrarei antes do basta.
<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<
1.12 Digitação da segunda parte
1.12.1 Digitar a segunda e última parte do texto e, em seguida, executar os
procedimentos solicitados. Assegurar-se que a fonte de letra seja Arial, tamanho
12.
Correrei às cartas, canastra, cesta, cigana a cabalar certeira os contos do meu
contar. contradigo. contesto. contraponho. converso. consinto. compenso.
comporto-me, mas complico e com clareza. Certamente, há contradição na
crítica crivada de crenças.
Fora, falo febril à forasteira que fuxica as fantasias feitas. Fico feliz nada
fazendo, fornecendo fôlego à finória finura da fértil férula. Foi-se a feia farisaica,
finalmente. Grande gesto, gabo-me grazinadora, gargalhando o gáudio gratuito.
Gosto do gracejo sem gravame, e gravo a glória em giz já gerindo um ginete
gigante da gleba gretada de girassóis. Gente, é genial e de graça genuína.
A hora havida me intriga, intraduzível.
No momento memorável, noção de nada. Nego-me a negaças: nenhuma.
Alegre, boba, chego decidida então ao fim gostoso, hilário e imprevisto deste
jogo. De ás e de esses, batizo.
1.13 Trabalhar o texto
1.13.1 Salvar o texto digitado.
1.13.2 Separar os parágrafos, inserindo linhas em branco entre eles.
1.13.3 Selecionar todo o texto (exceto o título e a linha de símbolos) e modificar a
fonte de letra para Times New Roman, tamanho 14.
113
1.13.4 Atenção: a linha dos símbolos deve localizar-se entre a 1ª e a 2ª partes do texto.
1.13.5 No primeiro parágrafo da segunda parte, trocar as letras minúsculas das
diversas frases para maiúsculas.
1.13.6 Finalmente, salvar outra vez o trabalho e encerrar a execução do Word.
1.14 Forma final do texto
1.14.1 O texto deve ficar como o que segue.
Jogo De Palavras
Hoje estou com vontade de brincar com as palavras. Talvez porque meu
coração ande desejoso de criar algumas bem novas, jamais ditas, nunca
descobertas. Ou quem sabe, porque ele se sinta tão novo, ouvinte
incansável das mesmas palavras que ama escutar e que são reinauguradas a
cada vez. Não sei ao certo. E nem quero saber certezas irrecorríveis e
transitadas em julgado. O que me apetece, agora, são as palavras que
desejaria transformar em jogos, em truques, em charadas, em gamões, em
canastras, em redes e em tacos, em bolas e em petecas. Em cordas.
Sim, vou buscar uma corda rosa-ruiva que reservei recentemente e recolhi
da rua, ou da rótula – receio recordas com reticências… Com ela, elejo o
efeito: saltarei, satisfeita, sinhazinha sapeca seqüestrando a saia para saltar,
salt-ar, salTar, e sendo a sensação de saíra de sete sentidos, sem sofreguice
senão a de saltar sandiamente. Sorrindo.
Depois, decerto derreada, decidirei por dados. Declinarei desejos, darei
deo-gratia pelas dádivas: pegarei a pelota pequena e peluda para um paddle
no paredão. “Pára, pé!”, permitirei a própria pronúncia, pedindo paciência.
O pé perigoso perseguirá a pelota para proporcionar-se prazer. Com
bendição, a bola baterá no batente, bandeando-se a bombordo, bem bonita.
Bambaleará no balaústre do barco, banzada, balouçando como bandeira
brevemente. Bravo!, berrarei antes do basta.
<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<
Correrei às cartas, canastra, cesta, cigana a cabalar certeira os contos do
meu contar. Contradigo. Contesto. Contraponho. Converso. Consinto.
Compenso. Comporto-me, mas complico e com clareza. Certamente, há
contradição na crítica crivada de crenças.
Fora, falo febril à forasteira que fuxica as fantasias feitas. Fico feliz nada
fazendo, fornecendo fôlego à finória finura da fértil férula. Foi-se a feia
farisaica, finalmente. Grande gesto, gabo-me grazinadora, gargalhando o
gáudio gratuito. Gosto do gracejo sem gravame, e gravo a glória em giz já
gerindo um ginete gigante da gleba gretada de girassóis. Gente, é genial e
de graça genuína.
A hora havida me intriga, intraduzível.
114
No momento memorável, noção de nada. Nego-me a negaças: nenhuma.
Alegre, boba, chego decidida então ao fim gostoso, hilário e imprevisto
deste jogo. De ás e de esses, batizo.
115
9 Atividade Prática
Objetivo:
· Formatação de parágrafos
· alinhamento de parágrafos
· endentação de parágrafos
· ajuste de espaço entre linhas de parágrafos
· ajuste de espaço entre parágrafos
· Tabulações
· Listas
· Com marcadores
· Numeradas
· Em vários níveis
· Estilos
116
9.1 Atividade Prática
1 Ligar o PC.
1.1 Ativar o Word. Será, então, mostrada a tela de abertura com informações sobre a
versão e licenciamento desta cópia.
1.2 Em seguida, será mostrada a janela de edição do Word.
1.3 Neste momento, recuperar ou digitar o texto a seguir.
1.4 Atenção: observar as seguintes recomendações iniciais:
1.4.1 Verificar se o ponto de inserção está localizado no canto superior esquerdo da
janela de edição. Este traço vertical piscante quer dizer que, a partir dele será
inserido o texto digitado. Ao mesmo tempo, pode ser visualizado um traço
horizontal, que indica o final do documento.
1.4.2 Fonte: Antonio Carlos Cardozo – CompExpress, São Paulo – SP.
1.2 Digitação e edição do texto
Quais são as ameaças elétricas contra seu computador e como evitá-las?
1ªRuídos elétricos: em geral são causados por outros equipamentos ligados à rede.
2ªVariações de tensão: decorrem da má qualidade ou do mau dimensionamento da rede
elétrica pública ou da rede de distribuição interna.
3ªTransientes de tensão: correspondem a aumentos intensos e repentinos da voltagem
elétrica. São produzidos por descargas atmosféricas ou desligamentos de equipamentos
de grande porte. Também chamados de surtos de voltagem.
4ªInterrupções no fornecimento de energia: de acordo com sua intensidade, essas
ameaças podem perturbar o funcionamento de sistemas de computadores e
freqüentemente causam grandes prejuízos devido a danos nos circuitos eletrônicos,
perdas de dados e de arquivos importantes ou à interrupção de serviços ou processos
críticos.
5ªFiltros de linha: estes dispositivos são mais indicados quando incorporam também
proteção contra surtos de voltagem. Caso se destinem a proteger computadores com
modems ligados ao telefone, devem incluir também uma proteção específica contra os
transientes da linha telefônica.
6ªEstabilizadores de tensão: são indicados para manter a voltagem dentro dos limites
apropriados para a operação dos equipamentos. Os computadores mais recentes e de boa
qualidade toleram variações significativas de tensão. Mesmo assim, exigem o uso de
estabilizadores nos casos em que a rede elétrica é de baixa qualidade.
7ªShort-breaks e No-breaks: os Short-breaks e No-breaks garantem a continuidade do
fornecimento de energia no caso de falhas da rede elétrica. Nesse período, o usuário
consegue salvar todos os arquivos em uso e desligar o computador.
1.3 Salvar texto
1.3.1 Salvar em disco o documento.
117
1.4 Edição
1.4.1 Marcar o título.
1.4.2 Centralizá-lo.
1.4.3 Aplicar o efeito negrito.
1.4.4 Usar o recurso de Maiúsculas e Minúsculas, trocando as iniciais das palavras do
título de minúsculas para maiúsculas.
1.4.5 Aumentar o tamanho da fonte de letra em pelo menos 2 pontos.
1.4.6 Aumentar o espaçamento entre as linhas do parágrafo para 1,5.
1.5 Alinhar parágrafos
1.5.1 O alinhamento padrão do Word é pela margem esquerda. Selecionar todo o
texto (exceto o título) e trocar o alinhamento para justificado (alinhamento por
ambas as margens).
1.6 Endentar as linhas dos parágrafos
1.6.1 O texto digitado está sob a forma de uma “lista numerada”, onde são
apresentados tópicos em seqüência, identificados por números, letras do
alfabeto, numeração romana, etc.
1.6.2 Marcar a área a ser endentada (todos os tópicos).
1.6.3 Aplicar o recuo pressionando a tecla Shift e arrastar o marcador de endentação
esquerdo (triângulo inferior esquerdo na régua) até a posição 1,0cm.
1.6.4 Desmarcar o texto.
1.6.5 Mesmo assim, o texto não ficou corretamente alinhado. Para que isto ocorra,
posicionar o ponto de inserção antes da primeira letra do tópico e pressionar a
tecla Tab. O tópico será alinhado, deixando a numeração salientada. Repetir
esta operação para todos os itens!
1.7 Espaçamento entre parágrafos
1.7.1 Aplicar um espaço entre os tópicos da lista usando no comando Parágrafo, do
menu Formatar, a caixa Espaçamento, opção Antes (para isto, basta clicar ou
digitar um valor – de seis em seis espaços).
1.8 Formatação de caracteres
1.8.1 Destacar com um sublinhado os problemas elétricos descritos no texto.
1.8.2 Aplicar o efeito itálico nas palavras No-break e Short-break, no último item da
lista.
1.9 Ferramenta Pincel.
1.9.1 Selecionar a primeira expressão: “Ruídos Elétricos” e aplicar o sublinhado.
1.9.2 Em seguida, com a expressão “Ruídos Elétricos” ainda selecionada, dar um
duplo-clique no botão da Ferramenta Pincel.
118
1.9.3 O mouse mudará de aparência sempre que passar pelo texto (um pequeno
pincel). Para aplicar a formatação, basta selecionar o texto desejado com o
pincel.
1.9.4 Finalmente, desligar o recurso clicando no botão da Ferramenta Pincel.
1.10 Formato final do texto
Quais são as Ameaças elétricas contra seu computador e como evitálas?
1ª Ruídos elétricos: em geral são causados por outros equipamentos ligados à rede.
2ª Variações de tensão: decorrem da má qualidade ou do mau dimensionamento da
rede elétrica pública ou da rede de distribuição interna.
3ª Transientes de tensão: correspondem a aumentos intensos e repentinos da
voltagem elétrica. São produzidos por descargas atmosféricas ou desligamentos de
equipamentos de grande porte. Também chamados de surtos de voltagem.
4ª Interrupções no fornecimento de energia: de acordo com sua intensidade, essas
ameaças podem perturbar o funcionamento de sistemas de computadores e
freqüentemente causam grandes prejuízos devido a danos nos circuitos
eletrônicos, perdas de dados e de arquivos importantes ou à interrupção de
serviços ou processos críticos.
5ª Filtros de linha: estes dispositivos são mais indicados quando incorporam também
proteção contra surtos de voltagem. Caso se destinem a proteger computadores
com modems ligados ao telefone, devem incluir também uma proteção específica
contra os transientes da linha telefônica.
6ª Estabilizadores de tensão: são indicados para manter a voltagem dentro dos
limites apropriados para a operação dos equipamentos. Os computadores mais
recentes e de boa qualidade toleram variações significativas de tensão. Mesmo
assim, exigem o uso de estabilizadores nos casos em que a rede elétrica é de baixa
qualidade.
7ª Short-breaks e No-breaks: os Short-breaks e No-breaks garantem a continuidade
do fornecimento de energia no caso de falhas da rede elétrica. Nesse período, o
usuário consegue salvar todos os arquivos em uso e desligar o computador.
2 Tabulações
2.1 Digitar o texto a seguir, exatamente como se apresenta e executar os
procedimentos solicitados.
Linguagens de Quarta Geração – Principais Tipos e Produtos para PC
Planilhas Eletrônicas Lotus 1-2-3, Quattro, Excel, SuperCalc…
Processadores de Texto Word, Wordstar, WordPerfect…
Bancos de Dados dBase, Clipper, Access, Fox, FileMaker…
Gráficos Comerciais Harvard Graphics, PowerPoint, CorelDraw…
Gráficos Técnicos AutoCAD, Microstation, VersaCAD…
Editoração Eletrôncia PageMaker, Ventura, FirstPublisher…
Utilitários Xtree, Norton, PCTools, Scan, NAV…
119
2.2 Edição do texto
2.2.1 Marcar o título, centralizá-lo e aplicar o efeito sublinhado.
2.2.2 Alterar a fonte de letra para Arial, tamanho 14.
2.2.3 Desmarcar o título.
2.2.4 Marcar o texto (exceto o título), e definir um ponto de tabulação na posição 6
da régua (6cm).
2.2.5 Desmarcar o texto.
2.2.6 Posicionar o ponto de inserção antes da primeira letra do nome de cada
aplicativo e pressionar Tab.
2.2.7 Aplicar o efeito negrito em todos os tipos de linguagem de quarta geração.
2.3 Salvar o texto.
2.4 Texto na forma final
Linguagens de Quarta Geração – Principais Tipos e Produtos para
PC1
Planilhas Eletrônicas Lotus 1-2-3, Quattro, Excel, SuperCalc…
Processadores de Texto Word, Wordstar, WordPerfect…
Bancos de Dados dBase Clipper, Access, Fox, FileMaker…
Gráficos Comerciais Harvard Graphics, PowerPoint, CorelDraw…
Gráficos Técnicos AutoCAD, Microstation, VersaCAD…
Editoração Eletrôncia PageMaker, Ventura, FirstPublisher…
Utilitários Xtree, Norton, PCTools, Scan, NAV…
2.5 Preparar outro texto com tabulações; desta vez, porém, o texto será
formatado antes da digitação dos dados
2.6 Digitação do título e formatação
2.6.1.1 Digitar o título negritado e centralizado na linha.
2.6.1.2 Alterar a fonte da letra para Arial, tamanho 14.
2.6.1.3 Digitar os títulos das colunas da tabela, marcando, previamente, os seguintes
pontos de tabulação
Posição Alinhamento Tabulação Título da Coluna
0,5 esquerda ANO
3,0 esquerda VENDA ANUAL
7,0 esquerda VENDA ACUM.
11,5 esquerda VIDA ÚTIL
1 Fonte: Informática: Novas Aplicações com Microcomputadores, de Fernando de Souza Meirelles. Ver
bibliografia anexa.
120
2.6.1.4 Digitar os dados das colunas da tabela, marcando, previamente, os seguintes
pontos de tabulação.
Posição Alinhamento Tabulação Dados da Coluna
0,5 esquerda ANO
5,0 direita VENDA ANUAL
9,0 direita VENDA ACUM.
12,5 numérica VIDA ÚTIL
2.6.2 O texto deverá ficar como a seguir:
Mercado Nacional de Microcomputadores2
ANO VENDA ANUAL VENDA ACUM. VIDA ÚTIL
1980 1.000 1.000 7,0
1983 35.000 50.000 6,4
1986 230.000 480.000 5,8
1989 460.000 1.650.000 5,2
1992 400.000 2.850.000 4,6
1995 750.000 4.700.000 4,0
1996 900.000 5.600.000 menos de 4,0
3 Criar e aplicar estilos
3.1 Criar estilos tomando como base os textos digitados anteriormente.
3.1.1 Para o primeiro texto, “Ataque Solerte”
3.1.1.1 Criar um estilo chamado TÍTULO, com as seguintes características:
3.1.1.2 Alinhamento centralizado.
3.1.1.3 Selecionar uma fonte de letra com tamanho 20.
3.1.2 Para o primeiro parágrafo de texto, definir um estilo chamado PAR, com as
seguintes características:
3.1.2.1 Alinhamento justificado.
3.1.2.2 Fonte de letra Times New Roman ou Arial ou outra qualquer, com tamanho 12.
3.1.2.3 Recuo de primeira linha do parágrafo em 1 cm da régua.
3.1.2.4 Espaçamento Antes em 6 pts.
3.1.2.5 Este estilo deve ser aplicado a todos os demais parágrafos do texto.
3.2 Salvar o texto com as novas alterações em outro documento.
3.2.1 Para o segundo texto “Palavras”
3.2.1.1 Criar um estilo para o título:
3.2.1.1.1 Alinhamento à direita.
2 Fonte: Informática: Novas Aplicações com Microcomputadores, de Fernando de Souza Meirelles. Ver
bibliografia anexa.
121
3.2.1.1.2 fonte de letra Arial, tamanho 20.
3.2.1.2 Aplicar negrito e sublinhado.
3.2.2 Criar um estilo para os parágrafos normais do texto, semelhante ao PAR,
exceto pelo tamanho da fonte de letra que deve ser 14. Aplicar em todos os
parágrafos.
3.2.3 Alterar o estilo do título, modificando seu alinhamento para centralizado e
reaplicar no parágrafo do título.
3.3 Salvar o texto em um arquivo separado.
3.4 Para o texto da lista
3.4.1 Criar um estilo segundo a formatação solicitada para o texto Ameaças
Elétricas (não esquecer do espaçamento entre linhas e entre parágrafos).
Aplicar em todos os itens da lista numerada.
3.4.2 Em seguida modificar o estilo, fixando o marcador de recuo da primeira linha
do parágrafo na posição 1,0 da régua e o marcador de recuo à esquerda na
posição 2,0 da régua. A alteração se processará também em todos os outros
itens.
3.5 Salvar o texto em outro documento.
3.6 Para as tabulações
3.6.1 Criar estilos para os exercícios de tabulação, lembrando, sempre, de criar um
estilo para cada formatação diferente.
3.6.2 Por exemplo, para o texto Linguagens de Quarta Geração, deve ser criado
um estilo para o título e outro para o texto propriamente dito. No caso da
tabela, são três estilos diferentes: um para o título, um para os cabeçalhos das
colunas e outro para o texto das colunas.
3.7 Salvar o texto em um documento separado.
4 Listas
4.1 Digitar (ou recuperar) o texto a seguir.
Postulados da Lei de Murphy
Murphologia do comportamento
Leis do Desenho
Nunca desenhe o que você pode copiar.
Nunca copie o que você pode decalcar.
Nunca decalque o que você pode recortar e colar.
Nunca recorte e cole o que você pode xerocar.
Hierarquiologia e Comitelogia
Lei do Computador
Qualquer um pode tomar uma decisão se lhe fornecerem dados suficientes.
Um bom administrador pode tomar uma decisão mesmo dispondo de poucos dados.
Um administrador perfeito pode agir com total ignorâncias dos dados.
Princípio do Atrasado
Se você chega cedo, o espetáculo será cancelado.
122
Se você se mata para chegar na hora, terá que esperar.
Se você chega atrasado, começou na hora.
Murphologia de Escritório
Regra da Precisão
Meça com micrômetro.
Marcar com giz.
Corte com machado.
Leis de Engenharia Industrial
A primeira função do engenheiro industrial é fazer as coisas difíceis para fabricação e
impossíveis para manutenção.
Em qualquer circuito eletrônico, o componente de vida mais curta será instalado no
lugar de acesso mais complicado.
Qualquer desenho de circuito eletrônico deve conter pelo menos uma peça obsoleta,
duas impossíveis de encontrar e três ainda sendo testadas.
Consumologia
Leis da Compra de Roupas e Sapatos
Se você gosta do modelo, não há no seu número.
Se você gosta do modelo e o número é o seu, mesmo assim não dá no seu pé.
Se você gosta do modelo, dá certo no seu pé e o preço é razoável, o sapato vai-se
desmilingüir na primeira chuva que cair.
Leis do Varejo
A garantia não garante.
A gerência não gerencia.
A segurança não segura.
A assistência técnica não assiste.
A seção de reclamações é naquela salinha do último andar com seis lances de escada.
Murphologia Doméstica
Leis da Dúvida Eterna
Se você está em dúvida sobre se tirou a carne do congelador pro jantar, é porque não
tirou.
Se você está em dúvida sobre se deixou o ferro ligado, é porque deixou.
Se você está em dúvida sobre se precisa comprar pão e leite no caminho para casa, é
porque precisa.
Se você acha que o dinheiro não vai dar para jantar fora com a família, é porque não vai
dar mesmo.
4.2 Selecionar os tópicos da primeira Lei de Murphy (Lei do Desenho).
4.2.1 No menu Formatar, selecionar Marcadores e Numeração.
4.2.2 Clicar na guia Com marcadores, caso não esteja selecionada, e escolher o tipo de
marcador desejado. Cada um dos marcadores já vem com uma formatação
prévia. Esta formatação pode ser alterada, para isto basta clicar no botão
Personalizar e modificar a fonte de letra, o marcador, bem como os recuos entre
o marcador e o texto, ou, ainda, o recuo entre a margem esquerda e o marcador.
4.2.3 Para os tópicos da Lei do Computador, clicar na guia Numerada e verificar as
opções disponíveis. Escolhido o modelo, clicar Ok e ver os tópicos se
transformarem em uma lista numerada.
123
4.2.4 Para cada uma das listas, criar um estilo, definindo um nome, alinhamento para
os parágrafos, espaçamento entre parágrafos e entre linhas de parágrafo. Em
seguida, aplicar estes estilos nas outras leis de Murphy do texto.
4.2.4.1 Verificar que, no caso das listas numeradas, a numeração ficou contínua. Esta
numeração pode ficar assim ou pode-se reiniciá-la cada vez que o estilo de lista
numerada for aplicada.
4.2.4.2 Para reiniciar a numeração, clicar na guia Numerada, no menu Formatar, opção
Marcadores e Numeração. Clicar no botão de opção Reiniciar numeração, na caixa
Listar numeração. Repetir o procedimento sempre que aplicar o estilo para listas
numeradas.
4.3 Para o título do texto (Postulados da Lei de Murphy) e os títulos de cada lei, criar
outro tipo de lista, em vários níveis. Este tipo de lista permite subdividir tópicos,
encadeando-os.
4.3.1 Selecionar o título: Postulados da Lei de Murphy. No menu Formatar, selecionar
Marcadores e Numeração e clicar na guia Vários níveis.
4.3.2 Selecionar uma opção (sugestão: selecionar a primeira formatação). As quatro
últimas opções podem ser utilizadas para títulos e subtítulos de capítulos de
livros, apostilas, monografias, etc, que permitirão a criação de índices
analíticos.
4.3.3 O título principal deve ter a numeração 1. Para o título Murphologia do
Comportamento (deve estar numerado como 2), clicar no botão Aumentar recuo
, na barra de ferramentas Formatação ou pressionar as teclas Alt + Shift + è.
Este procedimento fará com que o subtítulo seja numerado como 1.1, criando,
desta forma, os vários níveis de numeração. Repetir este procedimento para
todos os subtítulos das leis.
4.3.4 Criar um estilo, definindo um nome, alinhamento para os parágrafos,
espaçamento entre parágrafos e entre linhas de parágrafo. Em seguida, aplicar
este estilo nos outros títulos das leis.
4.3.5 Salvar o documento.
124
10 Atividade Prática
Objetivo
· Layout da página
· Numeração de páginas (diferente para páginas ímpares e pares; diferente da
primeira página)
· Quebras de página e de seções
· Cabeçalhos e rodapés
· Colunas de jornal
· Notas de rodapés e de fim
125
10.1 Atividade prática
1 Ligar o PC.
1.1 Ativar o Word. Será, então, mostrada a tela de abertura com informações sobre a
versão e licenciamento desta cópia.
1.2 Em seguida, será mostrada a janela de edição do Word.
1.3 Recuperar ou digitar o texto a seguir.
1.4 Atenção: observar as seguintes recomendações iniciais:
1.4.1 Verificar se o ponto de inserção está localizado no canto superior esquerdo da
janela de edição. Este traço vertical piscante quer dizer que, a partir dele será
inserido o texto digitado. Ao mesmo tempo, pode ser visto um traço horizontal,
que indica o final do documento.
O começo da briga
Aparício Silva Rillo
O senhor foi intimado para depor sobre a violenta briga acontecido ontem no seu
armazém no Iguariaçá. Três mortos, oito feridos, um horror. No meu bolicho, seu
delegado. Quem sou eu para ter armazém? Armazém é do turco Salim, que foi mascate.
Por sinal que…
Não se desvie do assunto. Como e por que começou a briga?
Bueno, por historiemo a coisa. Domingo, como o senhor sabe, o meu bolichote fica de
gente que nem corvo em carniça de vaca atolada. O doutor entende: peonada no más,
loucos por um trago, por uma charla sobre china. A minha canha é da pura, não batizo
com água de poço como o turco Salim. Que por sinal…
Continue, continue. Deixar o turco em paz.
Pois então bamo reto que nem goela de joão grande. Tavam uns quinze home tomando
umas que outras, uns mascando salame pra enganar o bucho, quando chegou o Faca
Feia. O senhor sabe, o índio é mais metido que dedo em nariz de piá. Deu um
planchazo de adaga no balcão e perguntou se havia home no bolicho. Todo mundo
coçou as bola. Home tem bola, o senhor sabe. O Lautério – que não é flor de cheirar
com pouca venta – disse que era com ele mesmo, deu de mão numa tranca e rachou a
cabeça do Faca Feia. Um contraparente do Faca não gostou do brinquedo e sentou a
argola do mango no Lautério. Pegou no olho – lá nele – e o Lautério saiu ganindo como
cusco que levou água fervendo pelo lombo. Um amigo do Lautério se botou no
contraparente do Faca – que já tava batendo a perninha – e enfiou palmo e meio de ferro
branco no sovaco do cujo, que lo chamam Pé de Sarna. Um irmão do Sarna, acho que
chateado com aquilo, pegou um peso de cinco quilos da balança e achatou a cabeça do
homem que faqueou o Sarna. Os óio saltaram, seu doutor. E eu só olhando, achando
tudo aquilo um tempo perdido. Um primo do homem do ferro branco rebuscou um
machado no galpão e golpeou o irmão do Sarna. Errou a cabeça, só conseguiu atorar o
braço do vivente. Aí eu fui ficando nervoso, puxei meu berro pro mole da barriga,
pronto pra um quero. Meu bolicho é casa de respeito, seu delegado, e a brincadeira já
estava ficando pesada. Mas bueno, foi entonces que o Miguelão se alevantou do banco,
palmeou uma carneadeira, chegou por trás do homem do machado, pé que te pé,
grudou ele pelas melena e degolou o vivente num talho a coisa mais linda. O sangue
126
jorrou longe como mijada de colhudo. Aí eu e mais uns outros tudo home de respeito –
se arrevoltemo com aquilo. Brinquedo tem hora, o senhor não acha?
Acho, sim. Mas e aí?
Pois, como lhe disse, nós se arrevoltemo. Saquemos os talher. E foi aí que começou a
briga…
1.5 Edição e formatação do texto
1.5.1 Formatar o título e os parágrafos do texto utilizando estilos.
1.5.1.1 Para o título, centralizá-lo, aplicar negrito, outra fonte de letra (por exemplo
Arial e tamanho 28), etc. Formatar o parágrafo com espaçamento entre
parágrafos Antes: 24 pt e Depois 24 pt. Criar o estilo.
1.5.1.2 Para o nome do autor: usar uma fonte de letra com tamanho 14, alinhamento à
direita, espaçamento entre parágrafos Antes 18 pt e Depois 18 pt. Criar o estilo.
1.5.1.3 Para o texto, criar o seguinte estilo: no menu Formatar, selecionar Parágrafo. Na
caixa de lista Alinhamento, selecionar Justificado. Em Recuo, digitar 1cm à
esquerda e 1cm à direita; em Especial, selecionar Primeira linha e, na caixa Por,
1,25cm. Em Espaçamento, digitar Antes 12 pt e Depois 12 pt. Para Entre linhas,
selecionar Duplo. O texto deverá ficar com três páginas.
1.6 Notas de rodapé
1.6.1 Inserir notas de rodapé ou notas de fim (como desejar) no texto, junto às
palavras em negrito. Para isto:
1.6.1.1 Clicar junto à palavra em negrito.
1.6.1.2 No menu Inserir, selecionar Notas e clicar em Notas de rodapé ou Notas de fim, na
caixa Inserir.
1.6.1.3 Em Numeração, você tem-se duas opções: AutoNumeração, onde o Word numera
automática e seqüencialmente as notas (neste caso, sempre que se inserir ou
eliminar uma nota, o Word renumera as restantes) ou Personalizada, onde podese
escolher um símbolo para utilizar como referência. Selecionar as opções
desejadas e começar a digitar as notas de acordo com a tabela a seguir.
Tabela 10.1 – Notas de rodapé
Marca de referência
da nota
Nota
Bolicho Pequena taberna
Peonada Empregados de uma
estância ou casa,
condutores de uma tropa
Canha O mesmo que cachaça
Planchazo Golpe dado com a folha da
espada ou facão
Cusco Cão de raça pequena
Atorar Aparar, cortar rente
Carneadeira Faca usada para esfolar rês
Melena Cabelo em grande
quantidade
127
Marca de referência
da nota
Nota
Talho Corte, ferimento
1.6.2 Salvar o documento (sugestão: Notas).
1.7 Cabeçalho e rodapé
1.7.1 Utilizando o mesmo texto, inserir um cabeçalho e um rodapé para o documento
Notas. No cabeçalho inserir numeração de página (diferente na primeira página
e nas páginas pares e ímpares) e no rodapé um texto.
1.7.2 No menu Exibir, selecionar Cabeçalhos e rodapés.
1.7.3 Na barra de ferramentas Cabeçalho e rodapé, clicar o botão Configurar página .
A caixa de diálogo Configurar Página (a mesma do menu Arquivo) será
apresentada. Clicar na guia Layout. Na caixa Cabeçalhos e rodapés, clicar as
caixas de verificação Dif. págs. pares e ímpares e Diferente na primeira página. Esta
seleção faz como que não sejam inseridos cabeçalhos e/ou rodapés na primeira
página (basta deixar em branco) ou que os cabeçalhos e rodapés inseridos
sejam diferentes nesta primeira página. Da mesma forma, podem ser inseridos
cabeçalhos e rodapés específicos para as páginas pares e ímpares. Clicar Ok
quando terminar.
1.7.4 Para visualizar as diferentes áreas para cabeçalho e rodapé, clicar nos botões
Mostrar anterior e Mostrar próximo. O botão alterna entre cabeçalho e o
rodapé.
1.7.5 Para o cabeçalho/rodapé da primeira página, deixar em branco.
1.7.6 Para o rodapé das páginas pares, clicar na área destinada ao cabeçalho e digitar
Página. O alinhamento escolhido deve ser à esquerda. Na barra de ferramentas
Cabeçalho e rodapé, clicar no ícone Inserir número da página (é o primeiro ícone
com o sinal #). O Word irá inserir o número da página atual. Digitar a palavra
de e clicar no ícone Inserir número de página (é o segundo ícone #). O Word irá
inserir o número total de páginas do documento. Por último, digitar a palavra
páginas.
1.7.7 Para o cabeçalho das páginas ímpares, pressionar a tecla Tab duas vezes para o
cursor se posicionar no alinhamento à direita. Repetir o procedimento anterior
para inserir a numeração de páginas.
1.7.8 Clicar no botão Alternar entre cabeçalho e rodapé. O cursor irá se localizar no
rodapé. Digitar o seguinte texto: Atividade prática Cabeçalho e rodapé. Este
rodapé é igual tanto para as páginas pares quanto para as páginas ímpares.
1.7.9 Em seguida, clicar o botão Fechar para retornar ao texto normal.
1.7.10 Para visualizar como ficou o documento com o cabeçalho e o rodapé, clicar o
botão Visualizar impressão.
1.7.11 Salvar novamente o texto. Ele deverá ficar semelhante ao da figura a seguir:
128
Figura 10.1 – Visualização final do texto
1.8 Colunas
1.8.1 Formatar o texto para colunas de jornal.
1.8.2 Selecionar todo o texto, exceto o título e o nome do autor (isto fará com que o
título da história e o nome do autor fiquem fora da formatação em colunas,
como se fossem uma manchete de jornal).
1.8.3 No menu Formatar, selecionar Colunas. Selecionar o número de colunas
desejado (2 ou mais colunas, de mesma largura ou não) e clicar na caixa de
verificação Linha entre colunas (para uma melhor visualização do texto em
colunas).
1.9 Quebras de página e de seção
1.9.1 Quando o texto foi modificado para duas colunas, o Word automaticamente
inseriu quebras de seção entre as porções de texto selecionadas. As seções
permitem formatar o texto ou parte dele sem afetar o restante do documento.
1.9.2 Quanto às quebras de página, elas permitem forçar a troca de página sem que a
primeira tenha sido completamente preenchida por texto. Da mesma forma, as
quebras de coluna forçam o texto a passar para uma próxima coluna.
1.10 Salvar o documento (sugestão: Colunas).
1.11 O texto deverá ter aparência semelhante à da figura a seguir.
Figura 10.2 – Texto em colunas
Cabeçalho das
páginas pares
rodapé
Cabeçalho
páginas
ímpares
129
11 Atividade Prática
Objetivos
· Tabelas
· Inserir uma tabela
· Formatar uma tabela
· Converter texto em tabela e vice-versa
· Classificar texto
130
11.1 Atividade Prática
1 Ligar o PC.
1.1 Ativar o Word. Será, então, mostrada a tela de abertura com informações sobre a
versão e licenciamento desta cópia.
2 Criar a tabela abaixo:
Nome Cidade Valor em R$ Data
Carlos Porto Alegre 1.235,76 23/09/97
Adão Porto Alegre 987,89 24/08/98
Sebastião Porto Alegre 2.345,67 12/03/96
Pedro Bento Gonçalves 1.456,67 13/03/95
Roberto Caxias do Sul 345,78 17/07/95
Augusto Feliz 567,89 23/04/98
Luiz Farroupilha 890,78 30/08/97
Bernardo São Paulo 789,23 21/02/99
2.5 Inserir novos dados (pelo menos mais três). Para criar novas linhas, posicionar o
ponto de inserção no final da última linha da tabela e pressionar Enter quantas
vezes necessário.
2.6 Centralizar e negritar os cabeçalhos das colunas.
2.7 Inserir uma tabulação decimal na coluna dos valores em R$ para alinhá-los pelos
centavos.
2.8 Aplicar uma formatação na tabela (ou criar outra), utilizando o menu Tabela, opção
AutoFormatação da tabela.
2.9 Colocar a tabela centralizada na página (menu Tabela, Tamanho da célula).
2.10 Classificar os nomes da tabela em ordem alfabética crescente.
2.11 Calcular um somatório para os valores expressos em R$.
3 É possível converter um texto em tabela e vice-versa. Para isto:
3.1 Digitar os seguintes dados, exatamente como estão (sem separação), selecioná-los
e converter o texto em uma tabela (menu Tabela, opção Converter texto em tabela):
Pedro das Couves;Rua das Amoras 123;90035-003;Porto Alegre
Maria das Dores;Rua da Praia 467;90065-870;Porto Alegre
Luiza Cristina;Av. Bento Gonçalves 790;97076-001;Viamão
131
12 Atividade Prática
· Índices
· Inserir um índice analítico
· Inserir um índice de figuras
· Inserir um índice de tabelas
132
12.1 Atividade Prática
1 Ligar o PC.
1.1 Ativar o Word. Será, então, mostrada a tela de abertura com informações sobre a
versão e licenciamento desta cópia.
1.2 Recuperar o documento denominado: Postulados da Lei de Murphy ou digitar o
texto.
1.3 Aplicar os estilos internos do Word (Título 1 a 9) nos itens dos postulados da Lei de
Murphy.
1.4 Inserir figuras para ilustrar o texto. Inserir legendas para estas figuras.
1.5 Inserir pelo menos três tabelas entre os itens. Para cada tabela, inserir uma
legenda.
1.6 Inserir um índice analítico, um índice de figuras e um índice de tabelas conforme
visto em aula. Cada índice deve estar localizado em uma página separada, no
início do documento.
1.7 Salvar o documento.

Artigos Relacionados:

What's Your Reaction?

Angry Angry
0
Angry
Fail Fail
0
Fail
Geeky Geeky
0
Geeky
Lol Lol
0
Lol
Love Love
0
Love
OMG OMG
0
OMG
Scary Scary
0
Scary
Win Win
0
Win
WTF WTF
0
WTF
Patrick Wilson
Patrick Wilson tem 33 anos, é Professor de Ciências Tecnológicas na PUC /SP. Fascinado por tecnologia, futebol e tudo o que acontece no dia-a-dia e que valha ser compartilhado na Web.

Comments 2

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Apostila Completa de Microsoft Word – aprenda Tudo sobre esse Editor de Texto

Choose A Format
Personality quiz
Series of questions that intends to reveal something about the personality
Trivia quiz
Series of questions with right and wrong answers that intends to check knowledge
Poll
Voting to make decisions or determine opinions
Story
Formatted Text with Embeds and Visuals
List
The Classic Internet Listicles
Countdown
The Classic Internet Countdowns
Open List
Submit your own item and vote up for the best submission
Ranked List
Upvote or downvote to decide the best list item
Meme
Upload your own images to make custom memes
Video
Youtube, Vimeo or Vine Embeds
Audio
Soundcloud or Mixcloud Embeds
Image
Photo or GIF
Gif
GIF format